Azul anuncia compra de parte das operações da Avianca para aumentar voos em Congonhas, Santos Dumont e Guarulhos

A negociação inclui  a compra do certificado de operador aéreo da Avianca Brasil, 70 pares de slots e aproximadamente 30 aeronaves Airbus A320.

A companhia Azul, a terceira maior aérea do Brasil, anunciou investimento no valor de US$ 105 milhões para a aquisição de ativos da Avianca Brasil por meio de uma Unidade Produtiva Isolada (UPI) de acordo com a Lei de Falências e Recuperação Judicial. A UPI incluirá ativos selecionados pela Azul como o certificado de operador aéreo da Avianca Brasil, 70 pares de slots e aproximadamente 30 aeronaves Airbus A320.

Na realidade, a Azul está de olho nos slots (autorização de pousos e decolagens) no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Atualmente a Azul tem 13 slots no aeroporto localizado na capital paulista. Após a conclusão da compra os ativos da Avianca Brasil, a Azul herdaria os 34 slots da empresa e chegaria a 47. Atualmente Gol e LATAM possuem 130 slots cada em Congonhas.

A Azul também está de olho nos slots da Avianca Brasil nos Aeroporto Santos Dumont, Guarulhos, Vitória e Goiânia. A Azul poderia lançar voos na ponte aérea Rio/São Paulo. Hoje a companhia não opera nesta rota. A Azul tem 13 voos partindo e chegando do Santos Dumont para Campinas. A intenção da Azul é usar a tripulação da Avianca Brasil nos slots que ela pretende comprar, o que evitaria demissões.

“Destacamos que o acordo é não-vinculante e que o processo de aquisição da UPI está sujeito à uma série de condições como a conclusão de um processo de diligência, a aprovação de órgãos reguladores e credores, assim como a conclusão do processo de Recuperação Judicial. A expectativa é que esse processo dure cerca de três meses”, diz nota divulgada pela Azul.

A Azul informou ainda que divulgará novas informações relevantes a respeito desta transação assim que estiverem disponíveis.

CONHEÇA AQUI O SITE QUE VENDE PASSAGENS AÉREAS COM DESCONTOS

 

ANAC define na segunda-feira quantos voos as companhias terão na Pampulha

Somente a partir da definição dos slots as companhias LATAM, Avianca Brasil, Azul, Gol e Passaredo poderão solicitar novos voos.

 

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) vai divulgar na segunda-feira (13/11) quantos slots cada companhia aérea terá no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. Os slots são as autorizações de pousos e decolagens.

[expander_maker id=”1″ more=”Leia mais” less=”Recolher”]

No dia 25 de outubro deste ano o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil derrubou as restrições de voos com jatos para as capitais  a partir do aeroporto localizado a 98 quilômetros do centro da capital. Com a liberação, as companhias apresentaram vários pedidos de novas frequências na Pampulha.

Somente a partir da definição dos slots as companhias LATAM, Avianca Brasil, Azul, Gol e Passaredopoderão solicitar novos voos no Aeroporto da Pampulha. Ou seja, todos os pedidos apresentados depois do dia 25 de outubro foram reprovados. A Passaredo é a única companhia que opera na Pampulha. Tudo indica que a ANAC vai autorizar duas partidas e duas chegadas por hora.

No dia 1º de novembro deste ano a ANAC divulgou a decisão de número 189 que declarou coordenado o Aeroporto da Pampulha. Isso significa que a distribuição de slots a partir de março de 2018 terá vários critérios, entre eles pontualidade de no mínimo 75%.  O Aeroporto de Congonhas, na capital paulista, também é coordenado pela ANAC.

Nesta terça-feira (07/11) várias faixas foram colocadas na Região da Pampulha em apoio à decisão do Governo Federal de liberar voos comerciais no aeroporto de Belo Horizonte.

 

Leia AQUI a decisão da ANAC

 

VAI VIAJAR? CONHEÇA O SITE DA EMPRESA QUE EMITE PASSAGENS AÉREAS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/expander_maker]

Congonhas poderá receber voos de todas as cidades

O aeroporto de Congonhas (SP) poderá receber voos de todas as cidades brasileiras sem limitação de distância. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) estringiu o raio de cobertura de operações regulares de partida ou chegada no aeroporto de Congonhas (SBSP/CGH) em até 1.500 km.  
Localizado na região central de São Paulo e o 3° mais movimentado do país, o terminal é praticamente domiando pelas gigantes Gol e TAM. Avianca e Azul também têm slots em Congonhas, mas não passa de 20% do total de pousos e decolagens. A Gol já aguarda autorização da Anac para lançar voos diários e diretos de Congonhas para Recife. As outras capitais que poderão ter voos para a capital paulista são Natal (RN), Manaus (AM), Maceió (AL), Fortaleza (CE) e Belém. 
Segundo a Anac, a revogação das portarias por meio da Resolução nº 270 da agência foi determinada pela ausência de motivação técnica ou econômica para manutenção dessa restrição, e com o objetivo de flexibilizar as operações regulares no aeroporto permitindo a ampliação dos serviços de transporte oferecidos.
 A restrição das operações em Congonhas foi emitida em julho de 2007, por meio da portaria Anac nº 806/2007, e ratificada no ano seguinte, pela portaria Nº 327/2008, conforme cumprimento da resolução CONAC nº-006/2007, que redistribuiu a malha aérea do aeroporto e restringiu operações regulares no terminal a uma distância máxima de 1.500 km de seu destino ou origem.
Com a resolução em vigor desde o dia 08 dezembro de 2015, as companhias aéreas que operam em Congonhas estão reestruturando a malha aérea e solicitando voos à ANAC para diversas localidades brasileiras, principalmente destinos no nordeste do país.
A medida adotada pela Agência só interfere no raio de cobertura das operações do aeroporto, tendo em vista que as empresas aéreas operam em Congonhas dentro dos limites da infraestrutura disponível, calculando peso, combustível e demais aspectos operacionais para compatibilizar as rotas realizadas, sem prejuízo para a segurança operacional e de voo. A restrição do número de movimentos/hora continua vigente e inalterada. 



Avianca muda planos e decide lançar voo direto de Congonhas para Brasília e Salvador

A companhia Avianca desistiu de lançar voos diretos em dias úteis de Congonhas (SP) para Florianópolis (SC). Dos novos 17 slots (autorização de pouso e decolagens) recebidos pela companhia da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) no aeroporto paulista, quatro  serão usados para os voos sem escalas de Congonhas  para Brasília, mesmo número no sentido contrário.

Atualmente a Avianca oferece dois horários em cada sentido da capital paulista para Brasília. TAM tem 13 voos de Congonhas para Brasília e Gol oferece 12 opções de horários em cada sentido em dias úteis. Conforme o Tudo Viagem antecipou no dia 21 de outubro deste ano, a Avianca terá voos diretos de Congonhas para o Galeão. Serão dois voos em cada sentido.
De Salvador para Congonhas a Avianca pretende lançar um voo em cada sentido. Na ponte aérea Rio/São Paulo a Avianca terá mais dois voos em cada sentido, totalizando 12 horários de Congonhas para o Santos Dumont. No sentido inverso o número de voos será o mesmo. Na ponte aérea TAM e Gol têm 31 opões de horários em cada sentido de segunda a sexta-feira. Os novos voos da Avianca estão previstos para 24 de novembro.
A Azul não vai usar os 26 slots que ganhou em Congonhas para lançar voos a partir de 1º de novembro para o Santos Dumont. A companhia pretende lançar cinco horários para Confins, quatro para Curitiba e quatro para Porto Alegre. No sentido contrário o número de voos será o mesmo.
        *CONFIRA OS HORÁRIOS DOS VOOS DE CONGONHAS/BRASÍLIA
          HORÁRIOS DOS VOOS DO SANTOS DUMONT, GALEÃO E SALVADOR
ONE É O ANTIGO NOME DA AVIANCA

Avianca vai lançar voos diretos de Congonhas para Florianópolis e Galeão a partir de novembro

A
companhia Avianca vai usar os 17 novos slots (autorização de pousos
e decolagens) do Aeroporto de Congonhas para lançar voos diretos
para Florianópolis (SC) e para o Galeão (RJ). A empresa vai ampliar
as operações na ponte aérea Rio/São Paulo. As novas frequências
serão iniciadas na primeira semana de novembro. As passagens ainda
não estão sendo vendidas.

Atualmente
a Avianca oferece voos diretos de Florianópolis para Congonhas aos
sábados e domingos. No ano passado a empresa cortou os horários da
capital catarinense para São Paulo nos dias úteis. A quantidade de
voos que a Avianca pretende oferecer do Santos Dumont para Congonhas
ainda não foi definida pela Avianca.
A
companhia Azul recebeu 26 slots em Congonhas. A partir de 1º de
novembro a Azul vai lançar cinco voos de Confins para Congonhas,
mesmo número no sentido inverso. As cidades de Curitiba e Porto
Alegre vão ganhar quatro horários em cada sentido para a capital
paulista. Os voos estão sendo analisados pela Agência Nacional de
Aviação Civil (Anac).
A
companhia Azul não quis usar as autorizações de pousos e
decolagens de Congonhas para lançar voos para o Santos Dumont. O
motivo é que na ponte aérea é dominada pelas gigantes Gol e TAM
com 30 horários em cada sentido. A Avianca possui dez voos em cada
sentido.
Gol
e TAM não receberam nos slots na capital paulista. Cada companhia
têm 44% dos voos em Congonhas. A fatia do mercado da Avianca passa
de 5% para 7% e a Azul terá 5% dos slots de Congonhas.

Confira os horários dos voos da Azul de Congonhas para Confins, Porto Alegre e Curitiba

A companhia Azul acaba de divulgar os horários dos voos de Congonhas para Confins, na Grande Belo Horizonte, Porto Alegre e Curitiba, e também no sentido contrário. Os voos estão previstos para 1º de novembro, conforme pedido que está sendo analisado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Serão cinco horários partindo de Confins, quatro de Curitiba e quatro de Porto Alegre.

A companhia Azul não terá voos diretos do Santos Dumont para Congonhas (ponte aérea). Já Avianca que recebeu mais 17 slots, totalizando 40 em Congonhas, vai usar os slots para aumentar os voos entre Rio e São Paulo, reforçando a disputada com as gigantes Gol e TAM.



             Confins/Congonhas

São Paulo (Congonhas) – Belo Horizonte (Confins) – São Paulo (Congonhas)
Origem
Saída
Destino
Chegada
Frequência
São Paulo (Congonhas)
6h10
Belo Horizonte (Confins)
7h21
Diária, exceto aos domingos
São Paulo (Congonhas)
10h25
Belo Horizonte (Confins)
11h40
Diária
São Paulo (Congonhas)
15h10
Belo Horizonte (Confins)
16h25
Diária
São Paulo (Congonhas)
18h20
Belo Horizonte (Confins)
19h45
Diária, exceto aos sábados
São Paulo (Congonhas)
21h00
Belo Horizonte (Confins)
22h18
Diária
Belo Horizonte (Confins)
5h32
São Paulo (Congonhas)
6h40
Diária, exceto aos domingos
Belo Horizonte (Confins)
7h56
São Paulo (Congonhas)
9h15
Diária, exceto aos domingos
Belo Horizonte (Confins)
8h16
São Paulo (Congonhas)
9h30
Aos domingos
Belo Horizonte (Confins)
11h52
São Paulo (Congonhas)
13h10
Diária
Belo Horizonte (Confins)
18h01
São Paulo (Congonhas)
19h10
Diária
Belo Horizonte (Confins)
20h30
São Paulo (Congonhas)
21h45
Diária, exceto aos sábados

Congonhas/Porto Alegre
São Paulo (Congonhas) – Porto Alegre – São Paulo (Congonhas)
Origem
Saída
Destino
Chegada
Frequência
São Paulo (Congonhas)
8h45
Porto Alegre
10h29
Diária, exceto aos domingos
São Paulo (Congonhas)
12h10
Porto Alegre
13h53
Diária, exceto aos sábados
São Paulo (Congonhas)
14h45
Porto Alegre
16h37
Diária, exceto aos sábados
São Paulo (Congonhas)
14h40
Porto Alegre
16h25
Aos sábados
São Paulo (Congonhas)
19h30
Porto Alegre
21h13
Diária, exceto aos sábados
Porto Alegre
7h45
São Paulo (Congonhas)
9h25
Diária, exceto aos domingos
Porto Alegre
11h13
São Paulo (Congonhas)
13h00
Diária, exceto aos sábados e domingos
Porto Alegre
11h35
São Paulo (Congonhas)
13h15
Aos domingos
Porto Alegre
14h28
São Paulo (Congonhas)
16h10
Diária
Porto Alegre
17h04
São Paulo (Congonhas)
18h50
Diária, exceto aos sábados

Congonhas/Porto Alegre
São Paulo (Congonhas) – Curitiba – São Paulo (Congonhas)
Origem
Saída
Destino
Chegada
Frequência
São Paulo (Congonhas)
7h30
Curitiba
8h43
Diária
São Paulo (Congonhas)
11h30
Curitiba
12h45
Diária, exceto aos domingos
São Paulo (Congonhas)
16h40
Curitiba
17h52
Diária
São Paulo (Congonhas)
19h40
Curitiba
20h52
Diária, exceto aos sábados
Curitiba
7h05
São Paulo (Congonhas)
8h15
Diária, exceto aos domingos
Curitiba
10h26
São Paulo (Congonhas)
11h40
Diária
Curitiba
16h10
São Paulo (Congonhas)
17h25
Diária, exceto aos sábados
Curitiba
19h07
São Paulo (Congonhas)
20h10
Diária

Exclusivo! Azul aguarda autorização da Anac para lançar voos diretos de Congonhas para Confins, Porto Alegre e Curitiba


O Tudo Viagem mostrou com exclusividade no dia 10 de outubro que a Azul não usará os slots (autorização de pousos e decolagens) do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, para lançar voos para o Santos Dumont, uma das rotas mais rentáveis do mercado. Na segunda-feira foi entregue pela Azul na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) pedidos de cinco voo da capital paulista para Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, quatro para Curitiba (PR) e quatro para Porto Alegre (RS.

A companhia Azul recebeu autorização da Anac para usar a partir de 27 de outubro 26 pousos e decolagens no Aeroporto de Congonhas. Os voos para Confins, Curitiba e Porto Alegre estão previstos para 1° de novembro. As três cidades foram escolhidas pela facilidade de conexões com os outros destinos da Azul. Confins, por exemplo, é o segundo maior centro de distribuição de voos da Azul, perdendo apenas para Confins.

Apenas as companhias Gol e TAM têm voos diretos de Confins para Congonhas. A companhia Avianca, que também ganhou mais 17 slots em Congonhas, totalizando 40, não tem voos de Confins para capital paulista. A Avianca ainda não divulgou como usará os novo slots no aeroporto localizado na capital paulista, mas a tendência é ampliação dos voos da ponte aérea.

Na ponte aérea Rio/São Paulo Gol e TAM dominam, com 31 voos em cada sentido. A companhia Avianca tem 11 voos do Santos Dumont para Congonhas, mesmo número no sentido inverso. A companhia Azul tem 17 voos do Rio de Janeiro para Campinas, onde os passageiros têm ônibus de graça a cada meia hora para a  capital paulista, e também no retorno ao Aeroporto de Viracopos.

Para surpresa do mercado, Azul não vai lançar voos de Congonhas para o Santos Dumont

Nesta semana a companhia Azul recebeu 26 slots (autorização de
pousos e decolagens) da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A companhia
era única entre as quatro maiores que não operava em dias úteis no aeroporto paulista.
A Avianca recebeu mais 17 slots, totalizando 40 pousos e decolagens em
Congonhas. O Tudo Viagem apurou junto
a uma fonte da Azul que os voos partindo da capital paulista não serão para o
Santos Dumont, no Rio de janeiro, como especulava o mercado.

Em vez de usar os slots na ponte aérea, dominada pela TAM e
Gol com 31 voos em cada sentido, a Azul vai optar por rotas onde terá condições
de concorrer com as duas maiores companhias brasileiras. Uma das cidades que deve
ganhar voos da Azul para Congonhas é Confins, na Grande Belo Horizonte, segundo
maior mercado da companhia.
As outras cidades candidatas a ganhar voos da Azul para
Congonhas são Porto Alegre, Curitiba e Vitória. Os slots em Congonhas poderão
ser usados entre 27 de outubro de 2014 e 29 de março de 2015, mas a tendência é
de manutenção destas autorizações. Em Congonhas possuem 234 slots a Gol e TAM
236, o que representa uma fatia de 44% para cada companhia.
Já a Avianca planeja usar as autorizações em Congonhas para
ampliar o número de voos para Brasília e lançar rotas novas para Confins e
Goiânia. Com a nova distribuição feita pela Anac, a participação da Avianca
passa de 5% para 7%. Já a Azul, terceira maior companhia do Brasil, terá apenas
5% dos voos em Congonhas. Como os slots foram limitados para empresas que
possuem aeronaves com mais de 90 passageiros, a Passaredo ficou de fora da
distribuição.

A Azul criou uma espécie de ponte aérea própria com 17 voos
do Santos Dumont para Campinas, mesmo número no sentido contrário. Quem
desembarca em Viracopos, maior centro de distribuição da Azul, tem ônibus de
graça a cada meia hora para a capital paulista.

Azul ganha 26 voos em Congonhas e Avianca recebe autorizaçao para lançar mais 17

A partir de 27 de outubro a companhia Azul terá em dias úteis 26 slots (pousos e decolagens) no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Já companhia Avianca, que já opera na capital paulista, ganhou 17 novos slots, totalizando 40. A utilização desses slots ocorrerá na temporada de inverno, de 27/10/2014 a 29/03/2015. Atualmente a Azul tem apenas voos nos fins de semana do Sanos Dumont para Congonhas.

Os novos slots foram divulgados nesta quinta-feira (9) pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Os novos voos foram foram para as companhias que possuíam igual ou menos de 12% de participação dos slots do aeroporto.  A nova distribuição para o Aeroporto de Congonhas foi realizada de acordo com as diretrizes da Resolução n°3/2014, do Conselho de Aviação Civil (CONAC), e com as regras da Resolução nº 336/2014, da ANAC.
Os slots diários são provenientes do rearranjo da capacidade de pista para a aviação comercial somados a dois slots remanescentes do banco de slots (retirados de empresas que deixaram de operar no aeroporto). As empresas contempladas poderão pedir alterações dos seus horários de pousos e decolagens a qualquer tempo, desde que dentro da capacidade operacional do aeroporto.
Segundo a Anac, O objetivo das novas regras para utilização do Aeroporto de Congonhas é incentivar uma maior concorrência e, em consequência, menores preços ao consumidor, sem representar um aumento da capacidade do aeroporto, que permanece operando dentro das regras de segurança da aviação civil. 
A aviação geral já usa exclusivamente a pista auxiliar e também continuará sendo atendida na pista principal do aeroporto. Os slots da aviação geral são analisados pelo Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), do Comando da Aeronáutica.
A partir da efetiva operação dos slots distribuídos, a Anac começará a avaliar a pontualidade e a regularidade de todos os slots utilizados, conforme os padrões estabelecidos na norma. 
Ainda segundo a Anac, o descumprimento sistemático desses índices poderá gerar a redistribuição dos slots mal utilizados, com objetivo de obter o uso mais eficiente desses horários de partidas e chegadas, assim como a aplicação de multas.
CONFIRA A DISTRIBUIÇÃO DE SLOTS EM CONGONHAS
Slots em dia últil (seg a Sexta) Anterior Participação Após Distibuição Participação
GOL 234 47% 234 44%
TAM 236 48% 236 44%
AVIANCA 24 5% 40 7%
AZUL 0 0% 26 5%
TOTAIS 494 536
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com