Gol vai reativar em maio voos em 5 aeroportos; saiba quais

Atualmente a Gol está operando no estado de São Paulo somente no Aeroporto de Guarulhos e no Rio de Janeiro as partidas e chegadas são pelo Galeão.

Depois da decisão da Azul de reativar a partir de maio voos em 9 cidades a partir do mês de maio deste ano, agora a boa notícia vem da Gol. A partir de 24 de maio a Gol vai reativar as operações em 5 aeroportos. No final de março, quando começou a vigorar a malha reduzida, em função da crise do coronavírus, a Gol estava atendendo apenas 27 cidades. Já no mês de maio serão 32 aeroportos  que terão voos da Gol, entre eles Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ).

Atualmente somente a LATAM está oferecendo voos na ponte aérea Rio/São Paulo, uma das rotas mais rentáveis para as companhias brasileiras antes da crise causada pelo coronavírus. A Azul voltará a operar as frequências entre o Santos Dumont e Congonhas a partir de 1° de junho deste ano. Caso o mercado melhore, a Azul poderá reativar os voos da ponte aérea Rio/São Paulo antes de junho.

A Gol vai voltar a operar também em Foz do Iguaçu a partir de 24 de maio. A Azul também decidiu reativar as operações na cidade onde fica as Cataratas do Iguaçu. As outras cidades que terão os voos reativados pela Gol em maio são Maringá (PR) e Navegantes (SC).

Atualmente a Gol está operando no estado de São Paulo somente no Aeroporto de Guarulhos e no Rio de Janeiro as partidas e chegadas são pelo Galeão. Já a Azul optou em suspender todos os voos em Congonhas e Guarulhos. Os voos estão sendo operados em Campinas.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

Confira as 9 cidades que terão os voos retomados pela Azul

LATAM muda planos e decide manter voos em Congonhas; veja cidades que terão voos

Até 30 de abril a LATAM Brasil será a única companhia que terá voos na ponte aérea Rio/São Paulo com dois voos diários em cada sentido.

A LATAM voltou a vender as passagens de alguns voos que serão operados no mês de abril no Aeroporto de Congonhas, localizado na região central de São Paulo. A companhia será a única que terá voos em Congonhas durante a crise do coronavírus. Nesta semana ela chegou a suspender a venda de todas as passagens dos voos de Congonhas, mas decidiu operar com a malha reduzida neste que é um dos aeroportos mais importantes do Brasil.

Até 30 de abril a LATAM também será a única que terá voos na ponte aérea Rio/São Paulo. Serão dois voos diários do Congonhas para o Santos Dumont. Em algumas datas de abril a ida e a volta custam R$ 580, 94, valor com todas as taxas incluídas.

Os outros voos da LATAM partindo de Congonhas serão para Brasília, Chapecó, Belo Horizonte (Confins), Curitiba, Navegantes e Porto Alegre. Lembrando que a malha de todas as companhias que operam no Brasil está  com menos de 90% de sua capacidade.

A Gol vai manter todos os seus voos em São Paulo no Aeroporto de Guarulhos. Já a companhia Azul decidiu centrar todas as suas operações em Campinas, aeroporto usado pela empresa como seu principal centro de distribuição de voos. A LATAM também terá alguns voos no Aeroporto de Guarulhos.

Pretende viajar nos próximos meses? Garanta aqui descontos especiais na compra das passagens

Aeroporto de Congonhas não terá voos comerciais em abril

Desde a sua função, em 1936, foi a primeira vez que as companhias aéreas suspendem voos em Congonhas por queda de passageiros. 

O Aeroporto de Congonhas, alvo de disputadas judiciais das empresas aéreas por slots (autorizações de pousos e decolagens), ficará sem voos em abril, mês de redução da malha aérea das três maiores companhias do Brasil. A suspensão foi provocada pelo coronavírus.

A LATAM chegou a vender passagens de alguns voos partindo da capital paulista, mas nesta terça-feira (31/03) retirou do seu sistema. Com decisão da LATAM, a ponte aérea Rio/São Paulo, uma das rota mais rentáveis do mundo, ficará sem voos comerciais até 30 de abril. Desde a sua função, em 1936, foi a primeira vez que Congonhas fica sem voos por queda na demanda de passageiros.

Atualização: LATAM muda planos e decide manter voos em Congonhas; veja as cidades que terão voos

LATAM muda planos e decide manter voos em Congonhas; veja cidades que terão voos

Na segunda-feira (30/03) o Tudo Viagem mostrou com exclusividade que a LATAM estava vendendo passagens por R$ 4,7 mil nos voos da ponte aérea Rio/São Paulo. Uma fonte da companhia informou que um dos motivos que levou a empresa a desistir de operar em Congonhas é a queda brusca na venda das passagens dos voos de Congonhas.

A concentração das operações da LATAM em Guarulhos ajudaria a reduzir os custos da companhia em período de crise. A Gol vai operar até 30 de abril no Aeroporto de Guarulhos. A companhia vai atender 25 capitais.

A Azul optou em concentrar as suas operações no estado de São Paulo em Campinas, seu principal centro de distribuição de voos no Brasil. No mês de abril a Azul não terá voos em Guarulhos e em Congonhas.

A LATAM informou que nos próximos dias vai divulgar a sua malha aérea, mas não respondeu sobre os voos de Congonhas.

Painel nesta terça-feira (31/03) com os últimos voos da LATAM em Congonhas

História de Congonhas

O Aeroporto de Congonhas foi inaugurado oficialmente no dia 12 de abril de 1936, mas começou a funcionar dois anos antes de provisoriamente. Até o início de março deste ano, antes da crise, operavam em Congonhas as companhias (VoePass), TwoFlez, Azul, MAP Linhas Aéreas, Gol e LATAM.

Congonhas foi construído para substituir Campo de Marte, inaugurado em 1920, e que sempre era alagado. Seu nome é uma homenagem ao Visconde de Congonhas do Campo, Lucas Antônio Monteiro de Barros (1823-1851).

LATAM vende passagens dos voos da ponte aérea Rio/SP por R$ 4,7 mil

 

LATAM vende passagens dos voos da ponte aérea Rio/SP por R$ 4,7 mil

A LATAM informa que não oferece tarifas com este nível de preço e está avaliando internamente o que ocorreu.

A LATAM é a única companhia que terá voos no Aeroporto de Congonhas no período da redução da malha da companhia por causa do coronavírus. Nesta segunda-feira (30/03) os bilhetes de ida e volta na ponte aérea Rio/São Paulo estavam sendo vendidas para viagem em abril por R$ 4.738,94, valor com as taxas incluídas. (Veja na imagem abaixo). Esse valor estava disponível para embarque no dia 7 de abril e retorno no dia 14 de abril, uma terça-feira.

A LATAM informa que não oferece tarifas com este nível de preço e está avaliando internamente o que ocorreu”. Essa foi a resposta enviada pela companhia. A LATAM suspendeu a venda das passagens da ponte aérea Rio/São Paulo assim que o Tudo Viagem solicitou uma posição sobre o assunto.

Nos voos de Congonhas para Brasília as passagens de ida e volta estão sendo vendidas por R$ 2.645,04 para viagem no  mês de abril. A ida e a volta da capital paulista para Curitiba custam R$ 2.468,94, valor com todas as taxas incluídas. Esses valores foram pesquisados no site da LATAM na noite de segunda-feira (30/03).

Estamos na torcida para que realmente seja um erro interno da LATAM. Em tempos de crise, é importante que as companhias colaborem com os consumidores brasileiros.

Ida e volta na ponte aérea Rio/São Paulo por R$ 4.738,94

Posição da ANAC

Sobre a precificação das passagens aéreas, ela é feita pelas companhias aéreas tendo em vista o regime de liberdade tarifária no setor, instituído pelo Governo Federal em 2001 e ratificado por meio da Lei n° 11.182/2005.

Entretanto, se a Agência constatar que há precificação abusiva dessa modalidade de serviço, o caso será encaminhado ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), órgão responsável por apurar denúncias dessa natureza.

Ida  e a volta por R$ 2.645,04 de Congonhas para Brasília

Ida e volta por R$ 2.468,94 de Congonhas para Curitiba

LATAM será a única a operar voos em Congonhas: Passagem por apenas R$ 64 o trecho

As passagens de ida e volta de Congonhas para o Santos Dumont (Rio de Janeiro) estão sendo vendidas por R$ 278,43, valor com todas as taxas incluídas.

Até 30 de abril deste ano a LATAM será única companhia a oferecer voos no Aeroporto de Congonhas, na cidade de São Paulo. Gol optou em concentrar suas operações no Aeroporto de Guarulhos  e a Azul só terá voos em Campinas durante os meses de março e abril, período de redução da malha aérea de todas empresas aéreas.

Mesmo sem concorrência, a LATAM está com vendendo passagens baratas para alguns destinos. De Congonhas para Belo Horizonte (Confins) cada trecho custa apenas R$ 64. Com as taxas de embarques, os bilhetes de ida e volta custam em abril entre as duas capitais o valor de R$197,65. (Veja na imagem abaixo).

Na ponte aérea Rio/São Paulo a LATAM será a única que terá voos nos meses de março abril. As passagens de ida e volta de Congonhas para o Santos Dumont (Rio de Janeiro) estão sendo vendidas por R$ 278,43, valo com todas as taxas incluídas.

Quem for viajar em abril pela LATAM encontra a ida e a volta de Congonhas para Curitiba por apenas R$ 242,63, Porto Alegre R$ 256,32 e Vitória R$ 238.02, valores com todas as taxas somadas.

Garanta aqui as passagens para Belo Horizonte a partir de R$ 197

Viagens de emergência

Os valores promocionais são uma forma da LATAM fazer caixa em período crítico para todas as companhias aéreas do mundo. Neste período muitas pessoas terão que viajar a trabalho ou mesmo para resolver assuntos urgentes.

Atualização domingo (29/03: Nossa equipe pesquisou os valores da tabela abaixo no sábado (28/03), mas constatamos que na manhã deste domingo todos os preços da tabela abaixo subiram assustadoramente. A ida e a volta de Congonhas para Belo Horizonte que custava R$ 197,65 passou para R$ 3.484,85. As passagens da ponte aérea Rio/São Paulo que estavam sendo vendidas por R$ 278,43 agora custam R$ 1.930,97.

Confira os valores da LATAM para viagem em abril (ida e volta com taxas)

Somente LATAM terá voos na ponte aérea Rio/São Paulo

Após acordo com o Governo Federal, as três maiores empresas aéreas garantiram que todos os estados terão voos de pelo menos uma empresa.

As companhias Gol, LATAM e Azul estão com ótimas iniciativas para enfrentar uma das piores crises da aviação mundial. Após acordo com o Governo Federal, as três maiores empresas aéreas assumiram compromisso ]de garantir que todos os estados tenham voos de pelo menos uma empresa. Algumas rotas serão atendidas por apenas uma companhia. Na ponte aérea Rio/São Paulo somente a LATAM terá voos diretos no período de crise.

A Azul decidiu manter os voos de Tefé (AM) para Manaus e de Montes Claros para Belo Horizonte (Confins). A Gol decidiu suspender os voos para Montes Claros para Guarulhos. Boa Vista e Aracaju são capitais que tiveram voos mantidos pela Gol e LATAM. A Azul não voará para essas duas capitais no período de crise.

As decisões de Gol, LATAM e Azul são exemplos que devem ser seguidos por outros setores. No período de isolamento social não haverá passageiros suficientes para todas as empesas. Não concorrer em uma mesma rota é uma forma de sobrevivência em tempos difíceis.

A Gol divulgou detalhes de como serão os seus voos entre sábado 28/03) até 3 de maio.  A Gol vai concentrar neste período os seus voos para o Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo. A redução da Gol no mercado doméstico será de 92%. Todos os voos internacionais da Gol já foram cancelados.

Confira abaixo todas as rotas da Gol

Confira as fotos e vídeos da estreia da Azul na ponte aérea Rio/SP

Criada há 11 anos, só agora a Azul teve condições de iniciar as ligações diretas entre a capital paulista e o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. 

A Azul preparou uma grande festa especial  para festejar a sua estreia na ponte aérea Rio/São Paulo com direito a música ao vivo, sorteio de brindes e boas vindas do presidente da companhia, John Rodgerson, que fez questão de estar no primeiro voo da empresa  que decolou da capital paulista. (Veja vídeo abaixo do presidente). 

Nos voos de Congonhas para o Santos Dumont serão 16 voo diários em cada sentido. Gol e LATAM oferecem nesta rota 26 horários em cada sentido. Antes do embarque em Congonhas, a Azul realizou uma festa no saguão do Aeroporto de Congonhas para marcar a sua entrada na ponte aérea Rio/SP.

Criada há 11 anos, só agora a Azul teve condições de iniciar as ligações diretas entre a capital paulista e o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.  Os slots (autorização de pousos e decolagens) que a Azul está usando nos voos de Congonhas para o Santos Dumont eram da Avianca Brasil.

Nos voos que decolaram do Santos Dumont e de Congonhas estavam executivos, convidados, veículos de imprensa e mais de 200 passageiros. A Azul vai usar nos voos da ponte aérea Rio/São Paulo os jatos Embraer 195 com 118 assentos e tv ao vivo. Neste momento especial, foram sorteados ingressos para o  Aquário Marinho do Rio de Janeiro e para o Pão de Açúcar

A Azul será a única a operar com jatos de Congonhas para o Santos Dumont. A pista principal está interditada para obras até 21 de setembro deste ano. Até essa data, os pousos da Azul serão na pista auxiliar. A intenção da Azul é usar ainda neste ano nos voos da ponte aérea Rio/São Paulo os jatos A320neo com 174 assentos.

Ações da Azul para entrar na ponte aérea Rio/São Paulo

  • Foram contratados 60 novos tripulantes no Rio de Janeiro e em São Paulo para atender aos voos da da ponte aérea. As operações terão o apoio de 31 novos agentes de aeroporto em Congonhas e 30 no Santos Dumont. Todos eles ganharam camisas com a hastag #AzulnaPonte.
    .
  • Do total de 60 novos tripulantes, 28 contratados vieram da Avianca Brasil, companhia que deixou de operar em maio deste ano. A Azul tem 800 funcionários que trabalham em suas bases no Brasil e no exterior.
  • A companhia suspendeu sete voos de Congonhas para Curitiba e Porto Alegre para reforçar as operações entre Congonhas e o Santos Dumont.

 

Faça aqui sua cotação e garanta descontos na compra das passagens aéreas

Passaredo e MAP recebem autorização para operar no Aeroporto de Congonhas

Foram liberados pela ANAC 41 slots (pousos e decolagens) da Avianca Brasil no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo

Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) confirmou nesta quarta-feira (14 de agosto) os slots (autorização de pousos e decolagens) das companhias MAP e Passeredo no Aeroporto de Congonhas em São Paulo. A MA, companhia aérea com sede em Manaus, recebeu 12 slots. A Passaredo, de Ribeirão Preto, foi contemplada com 14 slots horários dos 41 slots que eram da Avianca Brasil no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. As duas companhias irão operar com ATRs-72 com 70 lugares.

A companhia aérea Azul também foi contemplada com 15 slots nos horários que eram operados pela Avianca Brasil na pista principal, no Aeroporto de Congonhas. Outros 14 slots foram confirmados para a empresa Two Flex na pista auxiliar.

Esta aprovação se deu após a realização de uma analise realizada em conjunto com o Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), após a aprovação, as companhias poderão iniciar a oferta de voos de acordo com os horários alocados e as rotas registradas.

A AZUL já lançou passagens com valores promocionais  para a ponte aérea Rio/SP. Clique aqui para conferir.

Vai viajar? Faça aqui a sua cotação e garanta descontos especiais na compra das passagens aéreas

Azul estreia na ponte aérea Rio/SP com jatos da Embraer e lança passagens por R$ 99,90

Em algumas datas de setembro é possível comprar as passagens por R$ 99,90 o trecho ou por R$ 199,90 pela ida e volta, sem as taxas.

A companhia Azul começou a vender as passagens dos voos entre o Aeroporto de Congonhas e Aeroporto Santos Dumont (RJ). A entrada na ponte aérea Rio/São Paulo promete uma briga acirrada com as gigantes LATAM e Gol que dominam essa rota com 24 horários em cada sentido. A Azul terá a partir de 29 de agosto 17 voos para o Santos Dumont, mesmo número no sentido contrário. Em algumas datas de setembro é possível comprar as passagens por R$ 99,90 o trecho ou por R$ 199,90 pela ida e volta, sem as taxas. (veja na imagem abaixo).

Em função das obras na pista principal do Santos Dumont, que acontecem entre 24 de agosto e 21 de setembro, a Gol e LATAM vão transferir todos os voos para o Galeão. A Azul vai operar neste período normalmente para o Santos Dumont com os jatos da Embraer que estão liberados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) a operar na pista auxiliar do aeroporto que fica no centro do Rio de Janeiro. A partir de 21 de setembro, quando a obra do Santos Dumont estiver concluída, a Azul vai usar o A320neo com 174 assentos.

Ida e volta de Congonhas para o Santos Dumont por R$ 199,80

Curitiba

Conforme o Tudo Viagem antecipou no dia 5 de agosto deste ano, a Azul vai acabar com os quatro voos de Congonhas para Curitiba e três de Congonhas para Porto Alegre.  Esses voos acabam em novembro deste ano. Os horários que serão extintos para as duas capitais do Sul do Brasil serão usados para que a Azul tenha pelo menos os 14 voos na ponte aérea Rio/São Paulo.

A ANAC distribuiu no dia 31 de julho deste ano os 41 slots (horários de pousos e decolagens) que eram da Avianca Brasil em Congonhas. A Azul recebeu 15 slots, a Passaredo 14 e a MAP Linhas Aéreas 12. Esses slots estão previstos para serem usados em 27 de outubro deste ano, mas com a lacuna deixada pela Avianca Brasil a ANAC autorizou a Azul a operar em Congonhas em 29 de agosto.

Nesta semana a ANAC vai divulgar se a Passaredo e a MAP comprovaram se têm capacidade técnica de operar com ATR-72 com 70 assentos na pista de Congonhas. Caso não tenham conseguido, os slots poderão ser repassados para a Azul.

Confira abaixo os detalhes das operações da Azul na ponte aérea:

São Paulo (Congonhas)-Rio de Janeiro (Santos Dumont)
*A partir de 29 de agosto*
Origem Saída Destino Chegada Frequência
São Paulo(Congonhas) 6h15 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 7h25 Diário
São Paulo(Congonhas) 7h30 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 8h40 Diário
São Paulo(Congonhas) 8h15 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 9h25 Diário
São Paulo(Congonhas) 9h00 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 10h10 Diário
São Paulo(Congonhas) 10h00 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 11h10 Diário
São Paulo(Congonhas) 11h25 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 12h35 Diário
São Paulo(Congonhas) 12h10 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 13h20 Diário
São Paulo(Congonhas) 12h15 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 13h20 Segunda a sábado
São Paulo(Congonhas) 14h25 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 15h35 Diário
São Paulo(Congonhas) 15h55 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 17h05 Diário
São Paulo(Congonhas) 17h15 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 18h25 Sextas-feiras
São Paulo(Congonhas) 17h30 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 18h40 Diário
São Paulo(Congonhas) 18h10 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 19h20 Diário
São Paulo(Congonhas) 19h00 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 20h10 Diário
São Paulo(Congonhas) 20h00 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 21h10 Diário
São Paulo(Congonhas) 20h30 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 21h40 Diário
São Paulo(Congonhas) 21h15 Rio de Janeiro(Santos Dumont) 22h25 Diário
Rio de Janeiro (Santos Dumont)-São Paulo (Congonhas)
*A partir de 29 de agosto*
Origem Saída Destino Chegada Frequência
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 6h15 São Paulo(Congonhas) 7h25 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 7h00 São Paulo(Congonhas) 8h10 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 7h50 São Paulo(Congonhas) 9h00 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 8h15 São Paulo(Congonhas) 9h25 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 9h45 São Paulo(Congonhas) 10h55 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 10h20 São Paulo(Congonhas) 11h30 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 12h40 São Paulo(Congonhas) 13h50 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 13h55 São Paulo(Congonhas) 15h00 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 14h10 São Paulo(Congonhas) 15h20 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 14h55 São Paulo(Congonhas) 16h05 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 16h15 São Paulo(Congonhas) 17h25 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 16h50 São Paulo(Congonhas) 18h00 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 17h45 São Paulo(Congonhas) 18h55 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 18h35 São Paulo(Congonhas) 19h45 Diário
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 19h00 São Paulo(Congonhas) 20h10 Sábados
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 19h30 São Paulo(Congonhas) 20h40 Sábados
Rio de Janeiro(Santos Dumont) 21h15 São Paulo(Congonhas) 22h25 Diário

 

Pretende viajar? Garanta aqui descontos especiais na compra das passagens aéreas

Azul estuda acabar com os voos de Curitiba e Porto Alegre para ter 28 frequências na ponte aérea

Nos voos da  ponte aérea Rio/São Paulo  previstos para outubro deste ano,  a companhia vai usar o Airbus A320neo com 174 assentos.

A companhia Azul pretende lançar 14 voos do Aeroporto de Congonhas para o Santos Dumont, aeroporto localizado no centro do Rio de Janeiro. Esses voos na ponte aérea Rio São Paulo serão possíveis graças aos slots (horários de pousos e decolagens) que a Azul recebeu em Congonhas. A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) decidiu repassar para Azul 15 slots no aeroporto localizado na capital paulista. A estreia da Azul na ponte aérea está prevista para outubro deste ano.

Mas para chegar aos 14 voos de Congonhas para o Santos Dumont, e 14 no sentido contrário, totalizando 28 horários na ponte aérea, a Azul planeja acabar com os voos quatro voo s diários de Curitiba para Congonhas e com os três de Porto Alegre para Congonhas, segundo o diretor de alianças da Azul, Marcelo Bento Ribeiro. Ele informou que os seis voos que a Azul tem de Belo Horizonte (Confins) para Congonhas serão mantidos.

Na ponte aérea Rio/São Paulo a Azul vai usar o Airbus A320neo com 174 assentos. O serviço de bordo nos voos de Congonhas para o Santos Dumont deverá ser o mesmo das demais rotas nacionais, com os snacks serviços a vontade, além dos refrigerantes e sucos. Marcelo Beto disse que poderá ser acrescentado um outro item no serviço de bordo.

No dia 9 de agosto deste ano termina prazo para que as companhias Passaredo e MAP comprovem capacidade técnica de operar com o ATR-72 com 70 assentos em Congonhas. A Passaredo recebeu 14 slots em Congonhas e MAP 12. Caso elas não consigam aprovar essa capacidade técnica, os slots voltam para a ANAC e poderão ser usados pela Azul.

A ANAC  distribuiu no dia 31 de julho deste ano 31 slots de Congonhas que eram usados pela Avianca Brasil, companhia que deixou de operar em maio deste ano. Atualmente a Gol tem possui 234 slots em Congonhas e LATAM 236,

Vai viajar? Garanta aqui descontos na compra das passagens aéreas

[wp_ad_camp_1]

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com