Viajou e teve problemas com a bagagem? Saiba quais são os seus direitos

Se a mala for violada ou avariada, o consumidor pode registrar queixa por escrito em até sete dias após o recebimento da mala.

Despachar uma bagagem, principalmente em voo internacional, é motivo de preocupação para quase todo viajante. A mala percorre um longo caminho até o final da viagem. Durante o trajeto, muita coisa pode acontecer, inclusive, surpresas desagradáveis como a mala ser extraviada, violada ou danificada. Nest post especial vamos dar dicas de como  proceder para ter os direitos garantidos e os bens reparados.

A Resolução nº 400/2016 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) estabelece as providências a serem tomadas em caso de problemas com bagagens. Primeiramente, após verificada qualquer irregularidade, o passageiro deve comunicar a empresa aérea em forma de protesto. A reclamação deve ser por escrito e em formulário, Isso deve ser feito de preferência ainda na sala de desembarque.

Se a bagagem for extraviada, o problema deve ser comunicado imediatamente à empresa. Se a mala for violada ou avariada, o consumidor pode registrar queixa por escrito em até sete dias após o recebimento da mala.

Prazos

O prazo para que a companhia aérea resolva a avaria da bagagem é de sete dias contados da reclamação.

N caso de extravio, o processo de indenização só se inicia após sete (voo nacional) ou 21 (voo internacional) dias depois da data do sumiço da bagagem, segundo a advogada especializada em direito do consumidor Érika Xavier, do Alcoforado Advogados.

O que fazer

Érika Xavier sugere que o passageiro tenha fotos da mala e o conteúdo presente nela como forma de se precaver, bem como todas as documentações sobre a viagem: cartão de embarque e comprovante de despacho de bagagem, além de documentos pessoais em mãos. Isso serve como prova e pode agilizar o julgamento do processo.

Mesmo com os direitos respaldados por lei, muitos viajantes relatam enfrentar resistência para resolver problemas por parte de companhias aéreas, como foi o caso da jornalista Maria Isabel Matos, que voltou de um intercâmbio na Espanha através da companhia Royal Air Maroc e teve uma bagagem extraviada e a outra estragada.

Logo após que suspeitou do problema e constatou ausência dos pertences, a jornalista realizou um protesto junto à empresa no balcão de desembarque. Após seis dias, a bagagem extraviada chegou, no entanto, a companhia aérea não ressarciu a passageira pelos danos na outra maleta, mesmo após várias tentativas de contato.

Xavier explica que não pode haver recusa de indenização pela companhia aérea e, se não for possível o conserto, a empresa deve indenizar o consumidor com outra bagagem ou com o valor equivalente a esta. Em casos similares, a advogada do escritório Alcoforado sugere: “Se a empresa não cumprir os prazos que a norma fixa, o consumidor pode buscar as indenizações devidas por meio do Judiciário, acrescida de reparação por danos morais”.

Pretende viajar? Faça aqui a sua cotação e garanta descontos especias na compra das passagens aéreas

Segundo teatro mais antigo do Brasil é restaurado

Classificado como tipo italiano, o espaço possui 400 lugares dispostos em três andares, entre galerias e 62 camarotes.

Palco de espetáculos apresentados por renomados artistas, o Teatrinho de Sabará, como é popularmente conhecido, será entregue aos sabaraenses todo restaurado em uma data simbólica, 19 de setembro, Dia Nacional do Teatro. Pelo local passaram imperadores, barões e baronesas, condes e marquesas. O espaço ficou fechado dois anos fechado para a realização das obras. A cidade de Sabará fica a cerca de 40 minutos de Belo Horizonte em uma viagem de carro.

Foram investidos R$ 2,6 milhões pelo Governo Federal por meio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que executou a obra com o apoio da Prefeitura de Sabará. Segundo teatro mais antigo do Brasil, o Teatro Municipal de Sabará fez 200 anos no mês de junho.

O teatro de Sabará tem uma área total construída de quase mil metros quadrados. O espaço possui 400 lugares dispostos em três andares, entre galerias e 62 camarotes. O interior é classificado como tipo italiano – em formato de ferradura e ao centro um vasto palco elevado.

O processo de restauração envolveu uma equipe multiprofissional, que realizou diversos tipos de procedimentos. Foi feita a recuperação do piso de madeira, substituição do forro, restauro de portas e janelas, nova instalação hidráulica, troca do telhado, pintura interna e externa e a adequação da acessibilidade tanto no acesso do público como no fundo do palco, que leva ao camarim.

O trabalho de modernização do Teatro foi um dos destaques da intervenção. O cuidado do projeto foi melhorar as instalações sem conflitar com a preservação do bem cultural tombado. Agora o Teatrinho passa a contar com elevadores para a plateia e para artistas, que permitirá acessibilidade universal a todos. Foi feita a modernização das instalações elétricas, com a implantação de novo sistema de prevenção e combate a incêndio, além da restauração de toda arquitetura e mobiliário.

Acústica extraordinária

Reconhecido pelo Iphan como Patrimônio Cultural Brasileiro desde 1963, um dos principais atributos do Teatro é sua acústica, exaltada por visitantes e especialistas. Conta-se que durante a visita de Dom Pedro I, em 1831, essa excelente acústica da casa fez o imperador perceber como o povo estava descontente com seu governo. Segundo as histórias, após o Viva o imperador Dom Pedro I, podia-se ouvir com clareza a frase Enquanto for constitucional, falada por alguém na plateia.

Na cerimônia de entrega estarão presentes a presidente do Iphan, Kátia Bogéa, do diretor do Departamento de Projetos Especiais, Robson Almeida, do prefeito de Sabará, Wander Borges, da superintendente do Iphan em Minas Gerais, Célia Corsino e demais autoridades locais. A Prefeitura Municipal de Sabará, proprietária do imóvel, será a responsável pela gestão do teatro, por meio da Secretaria de Cultura.

Serviço:

Entrega da obra de restauração do Teatro Municipal, em Sabará (MG)
Data: 19 de setembro de 2019, às 19h30
Local: R. Dom Pedro II, s/n – Centro.

Faça aqui a sua cotação e garanta passagens aéreas para Belo Horizonte

Garanta aqui hospedagem com descontos especiais em Sabará

Fotos cedidas pelo IPHAN

Azul recebe o seu primeiro jato E-2 e anuncia wi-fi a bordo

O E-2 fabricado pela Embraer possibilita uma economia de 15% nos custos de cada viagem, além de ter mais 18 assentos em relação ao jato Embraer 195.

O dia 12/09/2019 vai ficar na história da aviação brasileira. Foi nesta data que Embraer entregou em sua fábrica em São José do Campos (SP) o primeiro jato da Embraer 195 E-2. Trata-se do maior avião comercial planejado e construído por brasileiros. A Azul será a primeira companhia do mundo a operar esse jato que terá 136 assentos. A equipe do  Tudo Viagem, formada por Celso Martins e João Heringer, foi convidada para conferir de perto essa novidade.

A Azul receberá da Embraer 51 aeronaves E-2, sendo que seis serão entregues ainda neste ano e 20 estão previstas para o ano que vem. Todos esses novos modelos terão a partir de janeiro de 2020 wi-fi a bordo com custo “quase zero”, segundo o presidente da companhia, John Rodgerson, que não revelou mais detalhes do novo serviço que atualmente não é prestado pela Azul.

Os seis novos jatos E-2 vão gerar dois mil empregos diretos na Azul. Só para atender a uma destas novas aeronaves são gerados 90 postos de trabalho. “A nossa intenção é abrir cinco novas bases por anos no Brasil”, anunciou John Rodgerson. Rio Branco, no Acre, única capital sem voos da Azul, será uma das bases que a empresa pretende abrir em abril de 2020.

Mais detalhes do Embraer E-2

Das 136 poltronas, dispostas duas a dua,  28 deste novo jato dela serão do Espaço Azul,  produto  que oferece espaço extra entre os assentos.

A aeronave é equipada com motores Pratt & Whitney GTF™, que devem reduzir em até 25% o custo por assento na operação do novo modelo.

Além das telas individuais com TV SKY ao vivo, esse modelo terá tomadas individuais.

O E195-E2 foi projetado com  asas novas, fly-by-wire completo, além de um novo trem de pouso.

Primeiro voo comercial

O Embraer 195 E-2 que a Azul fará ainda neste mês um voo de São José dos Campos para Montevidéu, no Uruguai, onde a aeronave receberá certificação para operar na América do Sul. No início de outubro esse mesmo avião segue para o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, onde ficará até  até concluir todo o processo de certificação.

O Embraer E-2 da Azul fará um voo que terá jornalistas e convidados em outubro, de Belo Horizonte e Campinas. O primeiro voo comercial será entre Campinas e Brasília, também em outubro, mas as datas ainda não foram definidas. O E-2 fabricado pela Embraer possibilidade uma economia de 15% nos custos de cada viagem, além de ter mais 18 assentos em relação ao jato Embraer 195 que a Azul tem em sua frota.

 

Frase…

“Este E2 é dedicado aos nossos Tripulantes. Criamos uma pintura especial para esta aeronave, que celebra os Valores que norteiam nossas decisões e ações aqui na Azul. Quero agradecer aos nossos mais de 13 mil Tripulantes pela dedicação e o compromisso na construção da melhor companhia aérea do mundo. Sem esse time, esse dia não seria possível. Hoje, ainda temos que substituir para nova geração de aeronaves mais da metade de nossos 900 voos diários. Cada novo avião que chega, nos permite oferecer uma experiência ainda melhor para nossos Clientes, além de reduzir nossos custos e aumentar nossa receita”

John Rodgerson, presidente da Azul

 

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

Conheça os detalhes do programa de fidelidade do Decolar

A paridade do ponto Passaporte será calculada em dólar e poderá variar de 1 a 2,8 pontos, de acordo com alguns requisitos como tipo de produto.

A Decolar, maior empresa de viagens online do Brasil e América Latina, lançou nesta quarta-feira (11/09)  o seu programa de fidelidade. O Passaporte Decolar nasce para recompensar seus clientes e estimular as viagens. Por cada dólar gasto você pode ganhar até 2,8 pontos. A inscrição ao programa é gratuita. Veja abaixo como se inscrever.

Além dos pontos acumulados no Passaporte Decolar, o consumidor continuará acumulando milhas nos programas das companhias aéreas que já participa. O programa também permite que o viajante combine pontos com qualquer outro meio de pagamento que a empresa já oferece, como parcelamento por um ou dois cartões ou por boleto, por exemplo.

Outro benefício ao cliente estará na facilidade e rapidez em acumular pontos, uma vez que serão creditados na conta do participante de acordo com o valor de compra, independentemente de quem estará voando ou se hospedando. Ou seja, se uma pessoa compra um pacote para toda família, ela acumulará todos os pontos em sua conta Passaporte.

Confira as três categorias do Passaporte Decolar

Viajante- ideal para quem realiza compras na Decolar de até R$ 6 mil por ano

Explorador- para clientes que realizarem compras acima de R$ 6 mil por ano

Global– para quem realiza compras acima de R$20 mil  por ano.

Tabela de pontos

Entre os diferenciais da categoria Global, os participantes poderão contar com atendimento prioritário com consultores que poderão ajudar, inclusive, no planejamento da viagem.

Funcionamento e valor dos pontos

Dentro do Passaporte, os pontos não expiram. Para isso, o cliente precisa fazer alguma movimentação na sua conta do programa, acumulando ou resgatando pontos, em um período de 18 meses.

Quando o consumidor realizar uma compra, os pontos aparecerão como “pendentes” e serão desbloqueados para uso depois que a viagem for realizada.

A paridade do ponto Passaporte será calculada em dólar e poderá variar de 1 a 2,8 pontos por dólar gasto, de acordo com alguns requisitos como tipo de produto (aéreos, não aéreos, entre outros) e de acordo com a categoria no programa: Viajante, Explorador ou Global. Quanto maior a categoria, maiores os benefícios.

Cartão co-branded

Em uma segunda etapa, prevista entre o fim de 2019 e início de 2020, a Decolar lançará seu cartão co-branded em parceria com o Santander e a Visa. Por meio das compras realizadas com esse cartão, também será possível acumular pontos Passaporte Decolar.

Como acumular pontos

Todos os clientes, acima de 16 anos, podem participar do Passaporte Decolar e para fazer parte é fácil e rápido. Basta fazer uma inscrição gratuita diretamente no site decolar.com/passaporte e começar a acumular pontos e resgatar benefícios. O Passaporte Decolar aparecerá ativamente para 50% dos clientes e até o fim de 2019 estará disponível para 100%. Com o link do programa, todos os clientes já têm acesso.

Frase..

“Com o Passaporte Decolar, os viajantes conseguem acumular pontos em compras de passagens, hospedagens, passeios, ingressos, aluguel de carro, entre outros, além de resgatar produtos de Turismo que oferecemos para destinos ao redor de todo o mundo. Isso tudo em um único lugar”

Alexandre Moshe, diretor-geral da Decolar

Acesse aqui a página do Decolar para se inscrever no programa

 

Passagens aéreas de ida e volta por apenas R$ 214 em mais um feirão

Do Rio de Janeiro para Curitiba, em voo direto da LATAM, as passagens de ida e volta custam apenas R$ 282,80, valor já com as taxas incluídas.

As companhias aéreas reduziram ainda mais os valores das passagens aéreas que estão disponíveis na promoção Semana do Brasil, uma espécie de Black Friday antecipada. Nos voos diretos da LATAM de Belo Horizonte (Aeroporto de Confins)  para o Rio de Janeiro você pode viajar pagando pelos bilhetes de ida e volta o valor de R$ 214,44. No sentido contrário o valor é o mesmo. (Confira outras ofertas na tabela abaixo).

Saldão Maxmilhas

Nos voos de Brasília para São Paulo o  valor das passagens de ida e volta é surpreendente: apenas R$ 239,79. Do Rio de Janeiro para Curitiba, em voo direto da LATAM, as passagens de ida e volta custam apenas R$ 282,80. Já quem está em São Paulo (Congonhas) pode viajar para Vitória pagando pelos bilhetes de ida e volta o valor de R$ 254,57.

Todas as passagens aéreas da tabela abaixo são de ida e volta e estão com as taxas de embarques incluídas. Até a a próxima sexta-feira (13/09), quando termina a promoção Semana do Brasil, você pode garantir 10% na compra das passagens emitidas com milhas no site da MaxMilhas. Basta digitar o código QUERO10 quando for finalizar a compra.

Desconto hospedagem

Em algumas passagens da lista abaixo você pode ter o desconto de 10%, um verdadeiro “feirão de passagens” já que os valores já estão baixos. Na Semana do Brasil você pode garantir descontos de até 40% na reserva do hotel. (Veja no final).

Garanta aqui as passagens de Belo Horizonte para Rio de Janeiro por R$ 214

Passagens aéreas de ida e volta com taxas incluídas

Uber está cobrando taxa pelo tempo de espera do motorista

Se o tempo de espera do motorista de UberX for de 8 minutos, serão adicionados R$ 0,51 ao valor total da viagem, referentes aos 3 minutos adicionais.

Se você tem o hábito de atrasar nas corridas da Uber é bom fica atento para não pagar mais caro pelas corridas. O aplicativo mandou e-mail para os clientes no Brasil informando que está cobrando uma taxa se o motorista esperar por mais de 2 minutos nesse ponto. A cobrança ocorrerá até que a viagem seja iniciada.

Após a chegada do motorista ao local de início da viagem, você receberá a notificação e o tempo começará a ser contado.  Se o tempo de espera for maior que 5 minutos, a Uber vai cobrar o mesmo valor do minuto da viagem por cada minuto adicional de espera.

Se o tempo de espera do motorista de UberX for de 8 minutos, serão adicionados R$ 0,51 ao valor total da viagem, referentes aos 3 minutos adicionais após os 5 minutos da sua chegada ao local de partida.

Segundo a Uber, as mudanças visam incentivar a pontualidade na comunidade Uber e que os usuários possam recompensar os motoristas parceiros por seu esforço para chegar a tempo ao ponto de embarque.

É importante habilitar as notificações do aplicativo no seu celular, para que você saiba quando o motorista chegou ao ponto de embarque. Assim, você poderá evitar cobranças extras.

Conheça aqui o site que vende passagens aéreas com descontos especiais

 

 

 

Virgin Atlantic anuncia voo de SP para Londres e codeshare com a Gol

Pelo acordo as franquias de bagagem serão iguais nas duas companhias e a facilidade de despachar a bagagem diretamente para o destino final.

A partir de 29 de março do ano que vem a Virgin Atlantic vai começar a oferecerá voos diários de Londres-Heathrow para São Paulo.  A companhia vai usar nesta rota o Boeing 787-9 configurado nas classes Upper Class, Premium e Economy Delight, Classic e Light, produtos exclusivos da Virgin Atlantic. Essa aeronave oferece 258 assentos. As passagens desta frequência começam na próxima terça-feira (10/09).

A Virgin Atlantic anunciou um novo acordo codeshare com a Gol. O acordo vai  permitir que clientes do novo serviço da Virgin Atlantic de Londres-Heathrow para São Paulo façam conexão direta em voos da Gol para todo o Brasil. Em breve, a Virgin Atlantic e a Gol pretendem ampliar  ainda mais sua parceria codeshare, com a inclusão de voos para Argentina, Chile e Uruguai.

Pelo acordo codeshare, as franquias de bagagem serão iguais nas duas companhias e a facilidade de despachar a bagagem diretamente para o destino final. A companhias aéreas oferecem Wi-Fi e entretenimento a bordo em toda a sua frota.

Frase..

“Temos grande prazer em anunciar nosso acordo codeshare com a Gol. O Brasil é um país rico e diversificado, e essa parceria nos permitirá oferecer aos clientes do nosso mais novo serviço de Londres-Heathrow a São Paulo conexões para 37 destinos em todo o país. Os voos estarão disponíveis para venda a partir de terça-feira, 10 de setembro de 2019, e o voo inaugural está previsto para 29 de março de 2020. Em breve, nossos clientes poderão aproveitar o exclusivo serviço da Virgin Atlantic para o maior país da América do Sul”

Juha Jarvinen, Chief Commercial Officer da Virgin Atlantic

Principais dados:

Serviço:                                     Londres-Heathrow (LHR) – São Paulo (GRU)

Frequência:                           diária, durante todo o ano, a partir de 29 de março de 2020

Tempo de voo:                                 11 horas e 55 minutos

Aeronave:                              Boeing 787-9

Horários de voo:                    VS197 – partida LHR 22:30 h, chegada GRU 06:25 h

                                                          VS198 – partida GRU 16:30 h, chegada LHR 07:55 h

Configuração:                                   31 Upper, 35 Premium, 36 Economy Delight e 156 Economy Classic/Light

Serviço incluso:                      Serviço de bordo completo, incluindo alimentação e bebida gratuitas, mais de 300 horas de entretenimento (filmes, TV e música) e Wi-Fi a partir de £2,99.

Conheça aqui o site que vende passagens aéreas com descontos especiais

 

 

Pampulha perde o último voo comercial; entenda o que aconteceu

Com o encerramento dos voos para Teófilo Otoni, o Aeroporto da Pampulha terá apenas operações da aviação executiva (táxi aéreo) e de um avião Embraer 190 da empresa Vale.

O único voo comercial que era operado no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, foi encerrado na segunda-feira (02/09), deixando o terminal localizado a 9 km da capital mineira ainda mais abandonado. O voo que era realizado de segunda à sexta-feira para cidade de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, foi encerrado pela Real Aviation Services. O motivo foi a baixa taxa de ocupação das aeronaves.

Os voos eram realizados desde 1° de julho deste ano pelo TWOFlex, mas a operação era de responsabilidade da Real Aviation Services. As duas empresas criaram essa rota para atender a um pedido de moradores, políticos e empresários de Teófilo Otoni. Eles chegaram a criar um fundo para cobrir o déficit destes voos, as a ajuda não foi suficiente. A Real Aviation Services decidiu suspender as operações porque o prejuízos estão cada vez maiores por causa da baixa ocupação das aeronaves.

No final de julho deste ano o governador Romeu Zema (Novo) decidiu acabar com o projeto Voe Minas Gerais. Os voos para as cidades do interior do estado eram operados pelo TWOFlex em aviões Caravan de 9 assentos. O governador acabou com esses voos porque eles davam prejuízo aos cofres do estado. Os voos mais rentáveis eram de Belo Horizonte para Caratinga e Teófilo Otoni. O sucesso destas rotas ocorriam em função das viagens cansativas e perigosas pela BR-381, a “rodovia da morte”.

Com o encerramento dos voos para Teófilo Otoni, o Aeroporto da Pampulha terá apenas operações da aviação executiva (táxi aéreo) e pousos e decolagens de um avião Embraer 190 da empresa Vale. Essa aeronave transporta exclusivamente funcionários e familiares da mineradora da Pampulha para Carajás e São Luis. Os voos  são às segundas e sexta-feiras.

O que achou do fim dos voos? Você é a favor da liberação dos voos com jatos na Pampulha? Deixe aqui a sua opinião!

Vai viajar para outro destino? Garanta aqui as passagens aéreas com descontos especiais

 

Teófilo Otoni e Caratinga terão voos a partir de julho sem o apoio do Governo de Minas

Confira as fotos e vídeos da estreia da Azul na ponte aérea Rio/SP

Criada há 11 anos, só agora a Azul teve condições de iniciar as ligações diretas entre a capital paulista e o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. 

A Azul preparou uma grande festa especial  para festejar a sua estreia na ponte aérea Rio/São Paulo com direito a música ao vivo, sorteio de brindes e boas vindas do presidente da companhia, John Rodgerson, que fez questão de estar no primeiro voo da empresa  que decolou da capital paulista. (Veja vídeo abaixo do presidente). 

Nos voos de Congonhas para o Santos Dumont serão 16 voo diários em cada sentido. Gol e LATAM oferecem nesta rota 26 horários em cada sentido. Antes do embarque em Congonhas, a Azul realizou uma festa no saguão do Aeroporto de Congonhas para marcar a sua entrada na ponte aérea Rio/SP.

Criada há 11 anos, só agora a Azul teve condições de iniciar as ligações diretas entre a capital paulista e o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.  Os slots (autorização de pousos e decolagens) que a Azul está usando nos voos de Congonhas para o Santos Dumont eram da Avianca Brasil.

Nos voos que decolaram do Santos Dumont e de Congonhas estavam executivos, convidados, veículos de imprensa e mais de 200 passageiros. A Azul vai usar nos voos da ponte aérea Rio/São Paulo os jatos Embraer 195 com 118 assentos e tv ao vivo. Neste momento especial, foram sorteados ingressos para o  Aquário Marinho do Rio de Janeiro e para o Pão de Açúcar

A Azul será a única a operar com jatos de Congonhas para o Santos Dumont. A pista principal está interditada para obras até 21 de setembro deste ano. Até essa data, os pousos da Azul serão na pista auxiliar. A intenção da Azul é usar ainda neste ano nos voos da ponte aérea Rio/São Paulo os jatos A320neo com 174 assentos.

Ações da Azul para entrar na ponte aérea Rio/São Paulo

  • Foram contratados 60 novos tripulantes no Rio de Janeiro e em São Paulo para atender aos voos da da ponte aérea. As operações terão o apoio de 31 novos agentes de aeroporto em Congonhas e 30 no Santos Dumont. Todos eles ganharam camisas com a hastag #AzulnaPonte.
    .
  • Do total de 60 novos tripulantes, 28 contratados vieram da Avianca Brasil, companhia que deixou de operar em maio deste ano. A Azul tem 800 funcionários que trabalham em suas bases no Brasil e no exterior.
  • A companhia suspendeu sete voos de Congonhas para Curitiba e Porto Alegre para reforçar as operações entre Congonhas e o Santos Dumont.

 

Faça aqui sua cotação e garanta descontos na compra das passagens aéreas

ANAC restringe transporte nos voos do MacBook Pro de 15 polegadas

As medidas adotadas pela ANAC, que têm por objetivo garantir a segurança das operações aéreas, conforme as autoridades de aviação civil americana.

Problemas detectados em um lote de baterias de lítio de MacBook Pro de 15 polegadas, produzidas  entre setembro de 2015 e fevereiro de 2017 pela Apple, fizeram a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) a divulgar comunicado determinando que elas não devem ser transportados como bagagem de mão nem despachados no porão da aeronave. Os motivos são os riscos que representam para as operações aéreas.

Segundo a ANAC, os passageiros proprietários de equipamentos desta marca devem verificar antes de viajar se o eletrônico é um dos dispositivos afetados pela falha na bateria. A consulta pode ser realizada na página da fabricante: https://support.apple.com/15-inch-macbook-pro-battery-recall.

Ainda segundo a ANAC, os passageiros que embarcarem com o dispositivo inapropriadamente serão orientados pelos profissionais das companhias aéreas a manterem o dispositivo desligado e a não recarregarem o aparelho durante o voo. Essa recomendação terá validade até que a fabricante realize a substituição dos modelos defeituosos.

As medidas adotadas pela ANAC, que têm por objetivo garantir a segurança das operações aéreas, estão em consonância com as práticas tomadas recentemente pelas autoridades de aviação civil americana, Federal Administration Aviation (FAA), e europeia, European Union Aviation Safety Agency (EASA).

Comunicado da ANAC

Reforçando as medidas de segurança adotadas pelas principais autoridades de aviação civil do mundo, a ANAC encaminhou nesta semana recomendação às companhias aéreas do país quanto à proibição do transporte do MacBook Pro de 15 polegadas. No documento, a Agência sugere que empresas informem a tripulação, os passageiros e os funcionários sobre as restrições e limitações no transporte do equipamento.

Para orientar os passageiros sobre quais itens podem ou não ser transportados na bagagem de mão ou despachada, a ANAC criou recentemente a página “O que posso transportar?”. Na página, o passageiro encontra, em ordem alfabética, a lista por categoria com aproximadamente 150 itens proibidos ou classificados como artigos perigosos pelas regras internacionais de aviação civil.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com