Azul terá 40 mil voos na alta temporada 2019/2020

Os destaques internacionais são as ligações diretas entre Florianópolis e Montevidéu, no Uruguai; Cabo Frio e Buenos Aires, na Argentina; Belo Horizonte e Fort Lauderdale.

A Azul terá até 2 de fevereiro cerca de 40 mil voos domésticos e internacionais, maior número desde a sua criação.  Só no dia 20 de dezembro, data de estreia da alta temporada de 2019, a Azul terá quase mil decolagens. As novidades são o incremento em cidades com grande fluxo turístico, como no litoral sul da Bahia, Florianópolis e Foz do Iguaçu. Os mercados domésticos que têm grande expectativa por alta demanda são Guarulhos-Ilhéus, Rio de Janeiro-Porto Seguro, Rio de Janeiro-Ilhéus e Rio de Janeiro-Florianópolis , todos mercado inéditos na malha da Azul.

A Azul também fortalecerá na alta temporada 2019/2020 seus centros de distribuição em Campinas, Belo Horizonte e Recife com novos voos e colocará em Guarulhos assentos adicionais para Ilhéus, Jericoacoara e Porto Seguro e outros destinos turísticos.  Segundo a Azul, serão 25% a mais de assentos em comparação com o mesmo período do ano anterior

Os destaques internacionais na malha da alta temporada deste ano são as ligações diretas entre Florianópolis e Montevidéu, no Uruguai; Cabo Frio e Buenos Aires, na Argentina; Belo Horizonte e Fort Lauderdale, nos Estados Unidos, Campinas e Punta del Este e Porto Alegre e Punta del Este.

Frase

“Graças ao crescimento da Azul e ao verão, que estimula as pessoas a voarem mais para descansar, viagens turísticas passam a ser mais procuradas por quem já trabalhou o ano todo e agora procura um momento de férias com a família ou amigos. É pensando também nesses Clientes que criamos rotas inéditas. Nesta alta temporada, nossa malha sazonal cresce quase 25% em número de assentos, comparando com janeiro deste ano com o mesmo período de 2020”

Abhi Shah, vice-presidente de Receitas

 

728x90_15

Acesse aqui o site da Azul e garanta suas passagens aéreas

Veja fotos e vídeo do Boeing 787 da LATAM com novas cabines

Com 303 assentos, a aeronave realizará voos com saída do Chile para destinos como Nova York, São Paulo, Tel Aviv, Madrid e Sidnei. 

O Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, recebeu na manhã desta quinta-feira (21/11) 25º Boeing 787 do Grupo LATAM Airlines e o primeiro do modelo equipado desde a fábrica com as novas cabines da companhia.  A aeronave com o código LA750 partiu de Santiago. É a mais nova aeronave recebida pela empresa, entregue na semana passada no Boeing Delivery Center em Charleston, Carolina do Sul, Estados Unidos.

O Boeing 787 realizará voos de médio a longo alcance com saída do Chile para destinos como Nova York, São Paulo, Tel Aviv, Madrid e Sidnei. A  LATAM terá investimento que ultrapassa US$500 milhões, e inclui a renovação de cabines de aproximadamente 200 aeronaves, mais da metade da frota global da empresa.

O novo LATAM Boeing 787-9 tem capacidade total para 303 passageiros sendo 30 na classe Premium Business, oferecendo todos os assentos com acesso direto ao corredor. Outros 219 assentos são da cabine Economy renovada e 54 assentos LATAM + que oferecem mais espaço, compartimento superior reservado e serviços premium, como por exemplo embarque prioritário.

Frase…

“A LATAM aumentou suas operações com sucesso ao estabelecer continuamente o mais alto nível de excelência na experiência de voo de seus passageiros. Temos a honra de oferecer o 25º 787 do Grupo que combina a nova experiência de bordo da LATAM e a inovação de ponta da aeronave para oferecer conforto inigualável aos nossos clientes. Com essa entrega, a LATAM expandirá ainda mais a maior frota 787 Dreamliner da América Latina para atender seus passageiros e obter eficiência de combustível inigualável em suas operações, o que se traduz em menores custos operacionais e melhor desempenho ambiental”

Vice Presidente de Vendas Comerciais e Marketing para América Latina e Caribe da Boeing

Mais economia

A LATAM foi a primeira companhia aérea da América Latina a operar o Boeing 787-8, em agosto de 2012, e desde então incorporou um total de 25 aeronaves da família Boeing 787 em sua frota. Segundo a LATAM, o Boeing 787 consome até 20% menos combustível que aeronaves semelhantes, resultando em uma redução de até 20% nas emissões de CO2.

A frota do Boeing 787 faz parte da estratégia ambiental da LATAM. Desde a integração do modelo à empresa em 2012, a LATAM mitigou um total de 675.679 toneladas de CO2 no meio ambiente, o que equivale a viajar 6.272 vezes a rota Santiago-Nova York.

Assista ao vídeo com as imagens das novas cabines do Boeing 787-8 da LATAM

O primeiro Boeing 787 do Grupo LATAM Airlines com as novas cabines representa o novo padrão da frota de longo alcance do Grupo e é uma das quase 200 aeronaves que terão novas cabines nos próximos dois anos. Atualmente, aproximadamente 30 aeronaves já operam com o interior renovado, com uma recepção positiva dos passageiros.

Na nova cabine Premium Business, cada assento Thompson conta com design ergonômico e oferece mais privacidade e acesso direto ao corredor, além de configurações ideais tanto para pessoas que viajam sozinhas quanto para aquelas acompanhadas. Os assentos reclinam 180° em uma cama plana, oferecem entretenimento de bordo de última geração com uma tela individual Panasonic de 18″, além de amplo espaço para itens pessoais.

Já a classe Economy possui assentos Recaro de design ergonômico confortável, entradas USB de carregamento rápido, telas individuais com mais de 12″ e um sistema de entretenimento de bordo de última geração. Além disso, os assentos LATAM+ oferecem mais espaço, compartimento superior exclusivo e serviços premium, como embarque prioritário.

Características do  Boeing 787

● Janelas cerca de 40% mais amplas e com um inovador sistema de polarização eletrônico.
● Compartimento de bagagem cerca de 30% maior.
● Iluminação LED mood-lightning.
● Mais umidade.
● Menor ruído no interior e exterior da cabine.

 

Quer viajar nesta aeronave? Garanta aqui suas passagens da LATAM

Viajar conectado: por que vale a pena ter acesso à internet enquanto estiver fora e qual é a melhor opção de serviço?

Foto: Pexels

Nada melhor do que tirar uns dias de férias para conhecer novas pessoas e culturas. Viajar é uma forma enriquecedora de sair da nossa rotina e de vivenciar bons momentos e surpresas deliciosas, e disso nós todos já sabemos! Mas, para a maior parte dos viajantes, ficar completamente desconectado não é bem algo que está dentro dos planos.

A internet pode ser uma mão na roda quando estamos em uma viagem internacional. É claro que existem aplicativos que podem ser utilizados sem o uso da internet, ainda que tomem um certo espaço no seu dispositivo em razão do download do seu conteúdo para disponibilização off-line, e que há quem vislumbre esse momento de folga como uma espécie de respiro das redes sociais ou dos aplicativos de mensagens instantâneas. Mas, mesmo assim, ainda que mínima, é interessante ter à mão alguma conexão, pois em caso de necessidade a internet é uma boa aliada.

Vamos imaginar que você perda seu voo ou que ele seja cancelado e que, devido a isso, você precise entrar em contato com a companhia aérea e com familiares e amigos. Nem sempre a disponibilidade de Wi-Fi dos aeroportos será suficiente, e isso pode trazer aborrecimentos. Por que, então, não os evitar?

Foto: Pexels

Outro ponto positivo de ter conexão com a internet durante uma viagem é a possibilidade de realizar uma rápida consulta aos mapas ou a um tradutor quando você estiver em um local cujo idioma oficial você não domina. Além de ser possível pesquisar atrações e adquirir entradas antecipadas para visitá-las, viajar com acesso à internet também pode ser útil nos momentos de espera em aeroportos, quando geralmente buscamos por algum tipo de distração, como assistir a streamings de filmes e séries, acessar plataformas para ouvir música ou verificar a oferta de entretenimento e games online, que vão desde se divertir com uma partida de bilhar no celular a jogar blackjack online. Além disso, ter conexão com a internet nesses momentos também traz a comodidade de poder encontrar informações de forma ágil ou contatar serviços de transporte por meio de aplicativos, o que pode ser muito útil para que você aproveite melhor a sua viagem.

Para quem não quer depender de uma rede aberta de Wi-Fi, há duas alternativas: contratar um pacote de dados com a sua operadora de celular ou, então, adquirir um chip que lhe dará acesso à internet. Se você preferir contratar um pacote de dados diretamente com a sua operadora, a cobrança pelo serviço irá depender do provedor, podendo ser diária, variando a depender do destino e do sinal, ou por um pacote de, geralmente, 30 dias. Considere que, a depender da escolha do modo de contratação do serviço, a necessidade de desativá-lo ao final da sua viagem pode existir para que as cobranças sejam descontinuadas.

Como alternativa, você pode adquirir chips que forneçam acesso à internet em vez de utilizar a sua operadora. Neste caso, é possível tanto adquirir um chip para essa função ainda no Brasil ou então buscar por um quando chegar ao seu destino.

Uma dica valiosa, no entanto, é estar consciente da sua média de uso de dados móveis e do quanto você pretende utilizar a internet quando estiver viajando. Dessa forma, você evitará gastos desnecessários, seja por comprar um chip, por contratar um serviço de dados mais caro e que ofereça mais do que o necessário — e cobre por isso — ou por precisar colocar mais uma vez a mão no bolso porque os dados foram insuficientes.

Independentemente da sua escolha de conectividade, estar munido de informações é essencial. Antes de bater o martelo sobre sua viagem, é recomendável que verifique se há acesso gratuito à internet na sua hospedagem, bem como pontos gratuitos de Wi-Fi em seu destino. É claro que também é importante se informar sobre formas de locomoção e pontos de apoio ao turista antes de embarcar, mas com acesso à internet é mais fácil respirar fundo e aproveitar, já que tudo estará a um clique de distância. Boa viagem!

 

 

Luan Santana no Thermas Water Park (SP)

Thermas Water Park São Pedro e Luan Santana lançam nesta segunda-feira (18) a parceria para o projeto “Viva o Verão o Ano Inteiro”.

Quem adquirir o Passaporte Anual Luan Viva do Thermas poderá usufruir de acesso ao parque durante um ano, kit exclusivo do Luan Santa e do Thermas, acesso VIP para o show de aniversário do Luan no parque, cartão personalizado e adesivo para acesso ao estacionamento gratuito e próximo ao parque.

O Thermas Water Park ocupa 4 milhões de m², com atrações aquáticas e secas, sendo 80% em águas quentes, quilômetros de toboáguas, tudo isso espalhado em 5 áreas tematizadas e decoradas para o seu lazer e diversão. Localizado na Estância Turística de São Pedro (SP), a cerca de 180 quilômetros da capital paulista, faz parte da beleza natural da região Serra do Itaqueri. 

Divulgação

É possível curtir altas ondas sem ir à praia, isso porque a Piscina de Ondas é a maior do Estado de São Paulo com 1.300 m² de área construída e mais de 2,6 milhões de litros de água. A aventura se completa com grutas, cavernas, cascatas, e ainda decoração pirata com réplica do navio “Galeão Pérola Negra” em tamanho real.

O Parque da Baleia conta com restaurante, bar e um palco para shows. Com mais de 1,8 milhão de litros de águas quentes formam um mar de diversão equipado com hidromassagem, ofurô, grutas, ilhas, espaço kids e um complexo de cascatas para relaxar. Os quilômetros de toboágua em formatos reto, de caracol e queda livre formam o complexo de toboáguas que concentra as maiores pistas do parque. O FreeFall possui incríveis 12 metros de queda livre, para a diversão de quem curte a mais radical das atrações. O local ainda conta com as áreas do Disco, Mundo Pré-Histórico, Insetos Gigantes e Fundo do Mar e da Fazendinha do Vô Bráulio.

Texto por Natalia Bastos com informações de agência.

Arvore de Natal da Lagoa do Rio será inaugurada no dia 14 de dezembro

A Árvore da Lagoa reuniu cerca de 400 mil pessoas no ano passado, 10% turistas são de fora do estado, além de gerar 3,8 mil postos de trabalho temporário.

Mais um motivo para você planejar a sua viagem para a cidade do Rio de Janeiro. A Árvore de Natal da Lagoa está garantida este ano graças ao apoio do governo do estado. A Secretaria de Cultura e Economia Criativa fechou uma parceria com a Light. Por meio da Lei de Incentivo à Cultura, a empresa vai liberar os R$ 14 milhões necessários para o espetáculo de luzes e cores. A cidade do Rio de Janeiro é um dos lugares para viajar mais procurados pelos turistas brasileiros e estrangeiros, principalmente no Réveillon.

Crédito: foto por iStock dabldy

A inauguração da árvore será no dia 14 de dezembro. Segundo estudo realizado pela Fundação Getúlio Vargas, a Árvore da Lagoa reuniu 400 mil pessoas no ano passado, 10% turistas de fora do estado. O evento, que cria 3,8 mil postos de trabalho temporário, tem potencial de gerar um retorno econômico de cerca R$ 250 milhões.

Segundo o governador Wilson Witzel, a Árvore da Lagoa é importante para a economia da cidade e do estado e, por isso, todos os esforços foram feitos para que o empreendimento pudesse acontecer. “Não são apenas os moradores da região que apreciam a Árvore. Ela atrai pessoas de outros bairros, cidades e países. Já é uma tradição, que movimenta a rede hoteleira, o comércio e os restaurantes. O turismo é fundamental nessa recuperação por que passa o estado”, disse Witzel.

De acordo com o secretário de Cultura e Economia Criativa, Ruan Lira, o governo iniciou as negociações com empresas depois de que a Prefeitura do Rio informou que não iria dar apoio financeiro para a Árvore da Lagoa.

Se você pretende viajar para a cidade do Rio de Janeiro para curtir a festa de Natal e Réveillon, a dica é garantir logo a hospedagem e os bilhetes aéreos. Para viagem até 20 de dezembro, ainda é possível garantir passagens aéreas baratas saindo de várias cidades.

Garanta aqui passagens aéreas com descontos para o Rio de Janeiro

Garanta aqui hospedagem com desconto em um apartamento para 4 pessoas no Rio de Janeiro

 

Gol vai aumentar em 17% a oferta de assentos no Rio de Janeiro após redução do ICMS da aviação

As companhias beneficiadas pela redução da alíquota do ICMS terão um prazo de 12 meses para aumentar o número de assentos.  

O estado do Rio de Janeiro divulgou nesta terça-feira (12/11) detalhes do decreto assinado pelo governador Wilson Witzel que regulamenta a redução da alíquota de ICMS do querosene de aviação (QAV). A alíquota do ICMS, que hoje é de 13%, poderá chegar a até 7% de forma escalonada, a depender da expansão da oferta prevista pelas companhias. A redução vale para o Galeão e para os aeroportos do interior do estado.

A alteração na tributação do QAV tem o objetivo de movimentar o número de turistas no estado. O Rio de Janeiro recebe cerca de R$ 2,2 milhões de turistas internacionais, número pequeno para o potencial que possuímos seja na capital ou interior. O governador Wilson Witzel afirma que o decreto assinado nesta terça-feira deve aumentar em 15% o número de turistas no estado.

Além da redução do ICMS, o governo estadual vai aumentar os recursos na promoção do estado do Rio de Janeiro. Este ano serão investidos R$ 20 milhões na promoção do estado. Em 2020 serão R$ 40 milhões, segundo o governador.

As companhias beneficiadas pela redução da alíquota do ICMS terão um prazo de 12 meses para aumentar o número de assentos. A não ampliação da oferta de lugares nos voos implicará no retorno à alíquota de 13%. Será preciso solicitar novamente a redução tributária após um novo prazo de 12 meses.

Foto de Gil Mari
Foto de Gilberto Mari

Planos da Gol

Segundo o presidente da companhia Gol Linhas aéreas, Paulo Kakinoff, presente ao evento, a nova alíquota vai resultar no crescimento de 17% da oferta de assentos na empresa, o que permitirá o benefício da faixa de 7% de imposto.

O aumento da capacidade de assentos será para 17 destinos, entre eles Salvador, Foz do Iguaçu, Brasília, Natal, Viracopos, São Paulo (Guarulhos), Aracaju, São Luís, João Pessoa, Maceió, Vitória, Navegantes, Curitiba, Fortaleza, Porto Alegre, Recife e Florianópolis.

Como será a redução

No caso do Aeroporto do Galeão serão criadas quatro faixas de ICMS. As empresas aéreas que oferecerem entre 12 mil e 40 mil assentos por semana partindo do aeroporto terão tributação reduzida para 10%.

Para as companhias que ofertarem entre 40 mil e 60 mil assentos por semana, a alíquota será de 9%.

Empresas aéreas que oferecerem entre 60 mil e 90 mil assentos por semana serão tributadas em 8%. A redução da alíquota do ICMS será de 7% para as companhias que dispuserem de mais de 90 mil assentos semanais com saída do Galeão.

As empresas aéreas já enquadradas nessas faixas de número de assentos terão que ampliar a oferta de lugares em 15% para que possam ter direito ao benefício tributário. A ampliação da oferta de assentos poderá ocorrer em voos domésticos e internacionais.

A ideia é fazer do Rio um hub para o setor aéreo, podendo atrair novas companhias estrangeiras que façam do Rio sua porta de entrada para outros estados.

Pretende viajar? Conheça aqui o site que vende passagens aéreas com descontos especiais

Veja as fotos do primeiro A321neo recebido pela Azul

Azul é a primeira companhia do Brasil a receber modelo da Airbus que terá 214 assentos, sendo 30 reservadas para o Espaço Azul.

Já está no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte (Confins) o primeiro Airbus A321neo do Brasil que será usado no ano que vem pela Azul Linhas Aéreas. Dos 214 assentos da aeronave, 30 serão do Espaço Azul. Esse modelo foi equipado com motores Leap-1A da CFM International. O A321neo é a primeiro de 13 unidades encomendadas.

Segundo a Azul, o A321neo será usado nas rotas domésticas de alta densidade e oferecerá aos seus passageiros um produto diferenciado, incluindo compartimentos de bagagem (bins) maiores, iluminação ambiente, poltronas muito confortáveis e um sistema de entretenimento de última geração, com telas individuais touch screen.

O novo Airbus também terá, em breve, TV ao vivo em monitores individuais com diversas opções de canais e internet wi-fi. O A321neo da Azul ficará em Confins até a conclusão de todas as etapas exigidas pela Receita Federal e demais órgão reguladores da aviação.

A Azul oferece 854 voos diários e 114 destinos. Com uma frota operacional de 129 aeronaves e mais de 11.000 funcionários, a companhia possui 225 rotas em 30 de junho de 2019. Neste ano a companhia já recebeu o segundo Embraer 195 E-2 com 136 assentos.

Frase…

“O A321neo é um marco importante para a Azul, pois permitirá que a companhia aumente sua oferta de assentos em mercados importantes, se tornando ainda mais eficiente. Os Clientes encontrarão nesse novo modelo o já consagrado serviço de bordo da Azul, que oferece lanches e bebidas à vontade e sem custo adicional, além do conforto das poltronas e espaço interno e um sistema de entretenimento a bordo com telas touch screen individuais com uma grande variedade de filmes, séries e documentários”

John Rodgerson, presidente da Azul

 

Tripulação que trouxe de Hamburgo na Alemanha o A321neo

As fotos foram cedidas pela Assessoria de Imprensa da Azul

Pretende viajar? Conheça aqui o site que vende passagens aéreas com descontos especiais

Saiba onde ficar para curtir o GP Brasil de Fórmula 1

Com localização privilegiada, o The World Hotels é excelente opção para os apaixonados por velocidade viverem uma experiência completa de turismo na capital paulista.

O Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1 será realizado no dia 17 de novembro, no próximo domingo, no feriado prolongado. Se você pretende viajar para a capital paulista, a dica de um local para ficar hospedado, bem no coração da Vila Olímpia, com fácil acesso para o Aeroporto de Congonhas e a Marginal Pinheiros, é o The World Hotels. Cercado de boas opções de shoppings, parques, bares, baladas e restaurantes, o hotel é ideal para reunir a família ou os amigos no final de semana do GP Brasil, que neste ano coincide com o feriado de Proclamação da República, de 15 a 17 de novembro.

Estando no The World, entre um treino e outro, é possível curtir alguns dos importantes espaços verdes da cidade, como os parques Ibirapuera e do Povo, além de shoppings como o JK Iguatemi e o Vila Olímpia, diversos restaurantes badalados como Ruella, Bárbaro e Praça São Lourenço assim como famosa danceteria The History – a uma quadra do hotel. Além, é claro, do famoso centro gastronômico italiano Eataly, a pouco mais de um quilômetro dali.

Em sua estrutura, o hotel conta com 161 apartamentos, todos com 32m² e divididos em dois ambientes, com sala de estar e dormitório. As acomodações são equipadas com: cozinha americana (micro-ondas, cafeteira, fogão elétrico e frigobar), tv, estação de trabalho e wi-fi, o ideal para quem procura hospedagem em curtos períodos ou longa permanência.

Além disso, o empreendimento oferece uma boa área de lazer, amplo belo jardim com piscina, sauna, jacuzzi e sala fitness para relaxar ou se exercitar, além de um excelente restaurante que é outro ponto de destaque oferecendo um buffet de café manhã com produtos variados além do serviço à la carte e drinks.

Sobre o GP Brasil

Data importante no calendário dos aficionados por automobilismo, o Grande Prêmio Brasil é disputado desde 1973, no Autódromo de Interlagos, na cidade de São Paulo. A etapa é, inclusive, considerada um dos eventos mais emocionantes que acontecem na capital paulista. Nela reúnem-se as lendas do automobilismo, impulsionando a economia do município e promovendo uma das mais importantes competições em nível Internacional.

A corrida deste ano promete mais emoções. Com a nova aerodinâmica, favorecendo as ultrapassagens, o traçado de Interlagos que alterna curvas e retas velozes poderá proporcionar grandes disputas. A presença de pilotos novos e ousados como Charles Leclerc (Ferrari), Lando Norris (McLaren) ou Pierre Gasly (Red Bull) poderá dificultar o caminho do pentacampeão mundial Lewis Hamilton (Mercedes), do tetracampeão Sebastian Vettel (Ferrari) e do desafiante Max Verstappen (Red Bull), favoritos da temporada.

Os ingressos para a corrida estão disponíveis no site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br

Mais informações: www.theworld.com.br

 

Acordo de imigração com os Estados Unidos

Sem acordo comercial, os imigrantes brasileiros  nos Estados Unidos da America deveram desembolsar mais para viver legalmente nos EUA.

O advogado norte-americano Jeffrey Marathas, sócio e responsável pela filial de Miami do Godke Advogados, explicou que pelo fato de o Brasil não estar na lista de países que possuem acordo com os EUA, aos brasileiros é possível imigrar por meio de investimento apenas em duas situações: desembolsando pelo menos 900 mil dólares em projetos próprios ou de terceiros, ou abrindo uma filial de sua empresa nos Estados Unidos. “O problema dessa modalidade é que o empresário precisa manter negócios nos dois países. Muitas pessoas me procuram, dizendo que venderam seus negócios aqui e que gostariam de investir nos EUA. Infelizmente, aos brasileiros não é possível investir menores quantias sem que haja um vinculo empresarial no Brasil”, explica.

De acordo com dados do Departamento de Estado norte-americano, de 2018, 10.767 vistos na modalidade L-1 foram concedidos aos brasileiros. Essa modalidade é justamente aquela que permite que empresas brasileiras abram suas filiais nos EUA, desde que constituídas há mais de dois anos e que tenham capacidade financeira compatível com o projeto que será submetido ao departamento de imigração. O número é alto se comparado ao de outros países, com ou sem acordo comercial com os EUA. Aos argentinos, por exemplo, foram concedidos 1.338 vistos desse tipo em 2018. Aos colombianos, foram emitidos 1.153 vistos. Aos uruguaios, para citar uma nacionalidade que também não possui acordo, foram 122.

Para Marcelo Godke, especialista em direito empresarial e sócio do escritório Godke Advogados, os números demonstram que há um potencial enorme de crescimento dos investimentos brasileiros nos EUA. “Há uma perspectiva de que o Brasil assine um acordo de investimento com os EUA, uma vez que tem havido uma aproximação política entre os dois países. A diferença em ter um acordo é que mais brasileiros poderão investir nos EUA sem a obrigatoriedade de manter seus negócios por aqui”, vislumbra. “Além disso, o valor do investimento necessário é baixo quando comparado com o que se vê na modalidade EB5”. Completa Godke.

Segundo Marathas, os EUA têm muito a ganhar assinando um acordo nesse sentido com o Brasil. “Se pegarmos a média dos números, os brasileiros possuem dez vezes mais vistos na modalidade L-1 em comparação aos outros países da América do Sul. Fazendo uma conta rápida e simples: se a Argentina, por exemplo, teve 500 vistos em 2018 mediante acordo, o Brasil teria pelo menos dez vezes mais do que isso, em torno de cinco mil”, avalia. Jeffrey conta que possui clientes que mantêm suas filiais no Brasil apenas porque são obrigados, o que acaba gerando mais custo e sobrando menos para investir nos EUA. “Se pensarmos que cada investidor gera pelo menos três empregos, teríamos a geração de pelo menos 15 mil postos de trabalho em apenas uma modalidade de visto, com possibilidades de aumento nesse número nos próximos anos, o que irá estimular em muito as economias locais para onde os investimentos serão direcionados. Por que os EUA não iriam querer isso?”, questiona.

Como investir ou morar nos EUA

Abertura de filial (L-1)

Permitido aos brasileiros, a empresa decide expandir seus negócios para o mercado americano. Não há valor mínimo de investimento, mas quantias acima de 100 mil dólares possuem maior probabilidade de serem aprovadas. A primeira concessão do visto vale um ano, com duas renovações de três permitidas, com um total de sete anos. A última renovação pode ser convertida a um pedido de green card. O visto é extensivo a cônjuge e filhos menores de 21 anos de idade.

Acordo comercial (E-2)

Não permitido aos brasileiros, o investidor tem que possuir nacionalidade de um país que possui acordo comercial com os EUA. O investidor deve trabalhar no negócio investido, mas não há obrigatoriedade de manter filial no país de origem. Não há valor mínimo, mas quantias acima de 100 mil dólares possuem maior probabilidade de serem aprovadas. A concessão tem validade de cinco anos, sempre renovável por períodos de cinco anos cada, sem limite de renovações. Não conduz diretamente ao green card, mas permite que o investidor e sua família vivam nos EUA enquanto mantiverem negócios naquele país.

Targeted Employment Areas

Permitido aos brasileiros, é o chamado visto de um milhão de dólares. Requer investimento financeiro que vise à geração de pelo menos 10 empregos, e o valor pode ser reduzido pela metade em caso de áreas de alto desemprego ou com menos de 20 mil habitantes. Concede o green card. A partir de 21 de novembro deste ano, os valores mínimos de investimento foram reajustados: passam de 500 mil para um 900 mil dólares em áreas menores ou com alto desemprego, e de um milhão para 1,8 milhão de dólares para investimentos em outras áreas.

Habilidades extraordinárias

Permitido aos brasileiros, é o visto para pessoas com habilidades extraordinárias. É preciso preencher aos menos três de dez requisitos. Pessoas com grande notoriedade, atletas, inventores, pesquisadores e outros que possam contribuir significativamente para o desenvolvimento daquele país podem se candidatar. Se aprovado, o requisitante terá o green card. Não é necessário fazer nenhum investimento ou oferta de emprego.

Texto por agência com edição de Natalia Bastos

 

O outono é uma das melhores estações para visitar a Flórida

Com temperaturas mais baixas e festivais sazonais divertidos, o outono é o melhor momento para conhecer a Flórida. Arte, natureza e diversão asegurada!

Os habitantes da Flórida certamente sabem como comemorar o outono, há algo acontecendo em todas as partes do estado. Uma das melhores estações para visitar a Flórida devido a o início da temporada de peixes-boi em seu habitat natural. Você pode ver de perto alguns dos gigantes gentis em lugares como o Tampa Electric Manatee Viewing Center, o Blue Springs State Park e Three Sisters Springs , em Crystal River.

Conheça Naples, a maior cidade de Paradise Coast

Uma viagem de cerca de duas horas de carro de Miami leva você à Paradise Coast, uma joia natural e cultural escondida no sudoeste da Flórida e onde a água azul turquesa do Golfo do México encontra areia branca, ilhas selvagens e centros urbanos cheios de tesouros artísticos, delícias culinárias e inúmeras outras descobertas. Conhecida por suas lojas e gastronomia sofisticadas, é o local perfeito para a terceira edição do Paradise Coast Wine & Food Experience, apresentado por Martha Stewart. Este evento faz parte de um tour de 10 cidades por onde celebra os melhores chefs, vinhos e comidas de nossas comunidades. Acontece das 13 às 16 horas no dia 23 de novembro, no Cambier Park. Entre as atividades estão o Grand Tasting, um delicioso cardápio preparado por chefs locais, demonstrações ao vivo de culinária e até Meet & Greet com os chefs. Apreciar toda a comida e bebida na histórica orla marítima de Naples torna o evento ainda mais memorável!Os dias 23 e 24 de novembro, das 10 às 17 horas, acontecerá o DeLand Fall Festival of the Arts no belo e histórico centro de DeLand. O festival reúne 175 artistas de todo o país que trabalharão em pintura, vidro, escultura, joias, couro, fotografia, gravura, cerâmica de madeira, mídia mista e fibra. Com música ao vivo, atividades para crianças, ótimos restaurantes e muito mais, é a diversão perfeita para um fim de semana em família.

Texto por agência com edição de Natalia Bastos.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com