Promoção de Páscoa garante passagens aéreas de ida e volta para 18 destinos pelo valor máximo de R$ 359

As passagens promocionais para viagens nos meses de maio, junho e agosto deste ano, exceto nos feriados.

As companhias aéreas aproveitaram o clima da Páscoa para lançar uma promoção imperdível de passagens aéreas. Nossa equipe preparou uma lista para 18 destinos pelo valor máximo de R$ 359, valor de ida e volta e com as taxas incluídas. De Curitiba para São Paulo os bilhetes de ida e volta podem ser comprados por R$ 224. Já o trecho Belo Horizonte/Brasília está disponível por R$ 278,16. (Veja lista com outras ofertas abaixo).

Os outros destaques são as passagens de Brasília para São Paulo vendidas neste final de semana por R$ 237. Quem está em Vitória pode garantir uma viagem para Curitiba pagando pelos bilhetes de ida e volta o valor de R$ 359. Já o trecho Rio de Janeiro/Belo Horizonte está disponível por R$ 244. As taxas de embarques estão incluídas em todos os exemplos citados neste texto.

Passageiros de outras cidades também encontram passagens promocionais para viagens nos meses de maio, junho e agosto deste ano, exceto nos feriados. Para garantir os menores preços é preciso comprar as passagens de ida e volta.  A maior parte das ofertas da lista abaixo está disponível nos voos da Azul, mas há também promoções da Gol e LATAM.

No link que se encontra no final você pode fazer a reserva de hotel com descontos que podem chegar a 50%. A promoção termina às 23 horas de domingo (21/04).

    Garanta aqui as passagens de Brasília para São Paulo por R$ 237

 

OFERTAS DE PASSAGENS DE IDA E VOLTA COM TAXAS DE EMBARQUES INCLUÍDAS

GARANTA AQUI HOSPEDAGEM COM DESCONTO QUE PODE CHEGAR A 50%

Avianca Brasil só terá voos em quatro destinos a partir de 22 de abril; confira quais

A companhia foi obrigada a reduzir mais de 90% de suas rotas depois que a ANAC determinou a devolução de mais oito aeronaves.

A partir de segunda-feira (22/04) a companhia Avianca Brasil só terá voos nos Aeroportos de Congonhas (SP), Santos Dumont (RJ), Brasília e Salvador.  A venda das passagens dos outros destinos atendidos pela companhia foi suspensa na noite de quinta-feira (17/04) depois que a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) informou que a Avianca Brasil terá que devolver mais oito aeronaves. (Veja comunicado abaixo).

Até o Aeroporto de Guarulhos, o maior Brasil, não terá voos da Avianca a partir de segunda-feira.  As outras cidades que vão ficar sem voos são Belo Horizonte, Vitória, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Navegantes, Foz do Iguaçu, Chapecó, Goiânia, Aracaju, João Pessoa, Fortaleza. Ilhéus, Juazeiro do Norte, Maceió, Recife e Natal.

No dia 1º de abril deste ano A Avianca Brasil deixou de operar no Galeão (RJ), Petrolina,  Belém, Cuiabá e Campo Grande. A suspensão dos voos ocorre por causa de uma dívidas milionárias que  estão comprometendo todos os voos.  Leia aqui detalhes dos  destinos cancelados pela Avianca Brasil

Leia comunicado da ANAC sobre a situação da Avianca Brasil

Com a alteração proveniente de decisão judicial, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) informa que serão devolvidas amigavelmente mais 8 aeronaves que hoje são operadas pela Avianca Brasil. A Agência está atuando junto à Avianca e às empresas de leasing GCAS (7 aeronaves) e PK (1 aeronave) para que a devolução ocorra de forma escalonada e após o feriado de Páscoa, de forma a mitigar os efeitos para os passageiros.

O cronograma de retomada das aeronaves terá início na próxima segunda-feira (22) e poderá impactar as operações a partir desta data. A ANAC determinou que a empresa adeque sua malha aérea, seu sistema de venda de passagens e dê ampla divulgação dos voos cancelados de forma a minimizar o impacto pela retirada das aeronaves.

Além de oficiar a empresa, a ANAC mantém a fiscalização da atuação da Avianca diante dos passageiros e segue acompanhando a execução das ações para a manutenção da segurnça das operações. A Agência continua em contato com a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e outros órgãos do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC).

Orientações ao Passageiro

Recomenda-se que os passageiros fiquem atentos aos comunicados que a Avianca deve fazer sobre a situação do seu voo e, em caso de dúvida, busquem informações no site da companhia aérea na internet ou contatem os seus canais de atendimento telefônico, eletrônico ou presencial.

Em caso de cancelamento ou de alteração do voo por iniciativa da Avianca, o passageiro deve ter os seus direitos respeitados, que estão disponíveis para consulta no portal da ANAC na internet (https://www.anac.gov.br/assuntos/passageiros) ou da página Passageiro Digital (https://www.anac.gov.br/passageirodigital), especialmente desenvolvida para dispositivos móveis.

Caso o passageiro se sinta prejudicado ou tenha seus direitos desrespeitados, deve procurar a empresa aérea contratada para reivindicar seus direitos como consumidor. Se as tentativas de solução do problema pela empresa não apresentarem resultado, o usuário poderá registrar sua reclamação por meio da plataforma www.consumidor.gov.br. Pela ferramenta, o consumidor pode se comunicar diretamente com as empresas, que têm a obrigação de receber, analisar e responder as reclamações em até 10 dias.

Não tendo a sua reclamação resolvida pela empresa aérea na plataforma Consumidor.gov.br, o passageiro poderá recorrer aos órgãos do SNDC, que inclui os canais presenciais de atendimento do Procon e o Juizado Especial Civil, para buscar uma solução para o seu problema individual e requerer a reparação de danos porventura causados pelo transportador.

A ANAC monitora, em âmbito coletivo, o atendimento prestado pelas empresas aéreas aos passageiros por meio dessa plataforma, colhendo subsídios para as ações de fiscalização e de regulação do setor. A plataforma também é monitorada por órgãos do SNDC, entre outros.

VAI VIAJA POR OUTRA COMPANHIA? GARANTA AQUI DESCONTOS ESPECIAIS

LATAM suspende voos em Bauru e Jaguaruna por ausência de bombeiros nos aeroportos das duas cidades

Segundo a LATAM, os passageiros afetados pelas suspensões podem efetuar a remarcação ou reembolso integral de seus bilhetes sem custo adicional.

Os voos da LATAM com origem ou destino aos aeroportos de Bauru/Arealva (SP) e em Jaguaruna (SC) programados até 1º de maio estão cancelados e com vendas suspensas. Segundo a companhia, o motivo foi a suspensão do Serviço de Prevenção, Salvamento e Combate a Incêndio (SESCINC) em ambos os aeroportos. A companhia Azul informou que não pretende suspender os voos em Bauru e Jaguaruna.

A LATAM informou que os voos serão retomados em Bauru e Jaguaruna somente com a atuação adequada da brigada de incêndio. “A segurança é um valor imprescindível para a LATAM e todas as suas decisões visam garantir uma operação segura”, diz comunicado da companhia.

Segundo a LATAM, os passageiros afetados pelas suspensões podem efetuar a remarcação ou reembolso integral de seus bilhetes sem custo adicional. Em caso de dúvidas, os clientes podem entrar em contato com o Call Center da LATAM pelos telefones 4002-5700 (nas capitais) ou 0300-570-5700 (nas demais localidades do Brasil).

Acesse aqui a página da LATAM para compra das passagens aéreas

 

 

Búzios promove 1ª edição do festival de peixes e frutos do mar

Os pratos do festival terão preços que variam entre R$ 55,00 e R$ 130,00.

Búzios será cenário da 1ª edição do Al Mare, festival gastronômico que terá como protagonista os peixes de água salgada e os frutos do mar. O festival acontece entre os dias 10 e 26 de maio. O evento contará com a participação dos principais restaurantes do circuito Centro, que abrange a Rua das Pedras, Orla Bardot e Rua Manoel Turíbio de Farias.

Com o tema ‘Do Mar para a Mesa’, os restaurantes irão priorizar a gastronomia sustentável, valorizando os pescadores locais e utilizando em seus menus pescados frescos provenientes da região, como anchova, polvo, pargo, dourado pequeno, badejo, entre outros. Os pratos do festival terão preços que variam entre R$ 55,00 e R$ 130,00.

Cerca de 10 mil visitantes são esperados ao longo do evento, que contará com material promocional, incluindo panfletos, galhardetes e identificação visual nas principais vias de acesso da cidade. Os restaurantes participantes também serão sinalizados com o logotipo do festival em suas fachadas.

A realização no mês de maio foi estratégica. O Al Mare acontecerá durante a famosa ‘Melhor Temporada’, período em que Búzios conta com clima ameno, dias ensolarados e mar de águas claras, e simultaneamente ao Rei de Búzios que acontece entre 24 a 26 de maio, evento esportivo que movimentará o balneário.

 A cidade de Búzios, localizada a 170 km da cidade do Rio de Janeiro, é a grande estrela da Região dos Lagos. No mês de maio, quando acontece o festival, é possível garantir passagens promocionais nos voos da Gol Linhas Aereas e das companhias Azul e Latam para a cidade do Rio de Janeiro.

A expectativa é de que 25 a 30 restaurantes estejam confirmados para o festival gastronômico, que será realizado no almoço e no jantar, de acordo com o funcionamento das casas. Búzios é um dos pontos turisticos do Rio de Janeiro.

“Queremos resgatar a origem de Búzios, que teve início com o núcleo de pescadores, passando pelo turismo e chegando na gastronomia internacional. A filosofia do Al Mare é promover o consumo consciente e sustentável, oferecendo aos visitantes os melhores pratos à base de frutos do mar e peixes do nosso litoral”

Bárbara Brandan, organizadora do festival.

Festival Al Mare
Data: 10 a 26 de maio
Local: Rua das Pedras, Orla Bardot e Rua Manoel Turíbio de Farias

Passaredo desiste de voar de Vitória da Conquista para Guarulhos após Gol lançar voo na mesma rota

A Passaredo vai manter os três voos diários de Vitória da Conquista para Salvador com o ATR-72 com 70 assentos.

A partir de 8 de agosto a Passaredo não terá voos entre Vitória da Conquista (BA) e Guarulhos (SP). A suspensão dos voos ocorre na mesma data que a Gol começa a oferecer duas frequências diárias e sem escalas entre o destino baiano e Guarulhos. O curioso é que a Gol lançou voos para concorrer com a Passaredo, companhia na qual tem acordo codeshare (compartilhamentos de voos).

A Passaredo desistiu dos voos em função da concorrência com a Gol que vai operar nos voos de Vitória da Conquista para Guarulhos com o Boeing 737-700 com 132 assentos. A Passaredo usa em suas rotas o ATR-72 com 70 assentos. Atualmente a companhia tem em sua frota cinco aeronaves deste mesmo modelo.

Até 8 de agosto a Passaredo terá dois voos de Vitória da Conquista para Guarulhos. A Passaredo vai manter os três voos diários de Vitória da Conquista para Salvador. Nesta rota a Azul tem um voo diário.

A Azul tem ainda dois voos diários de Vitória da Conquista para Belo Horizonte (Confins), segundo maior centro de distribuição das rotas da companhia.

A PARTIR DE AGOSTO A PASSAREDO DEIXA DE VOAR DE VITÓRIA PARA CONQUISTA/ GUARULHOS

ACESSE AQUI AS PROMOÇÕES DA PASSAREDO

 

Uberlândia vai ganhar voo direto da Passaredo para Brasília e Ribeirão Preto

Azul começa a vender as passagens dos voos de Ipatinga após ANAC liberar pista

A Azul usa nos voos de Ipatinga para Confins a aeronave ATR-72. modelo turboélice com 70 assentos.

A companhia Azul vai retomar os voos no Aeroporto de Ipatinga (MG) a partir de 9 de maio. Os pousos e decolagens no maior aeroporto do Vale do Aço estavam suspensos pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) desde o dia 14 de fevereiro deste ano por causa de problemas na pista.

A Azul terá quatro voos diários de segunda à sexta-feira do Aeroporto de Ipatinga para Belo Horizonte (Aeroporto de Confins). Quem for viajar no mês de maio encontra passagens de ida e volta por R$ 356. valor com as taxas de embarques incluídas. A Azul usa nestes voos o ATR-72 com 70 assentos. (foto acima).

A partir de segunda-feira (15/04), os voos do projeto Voe Minas que de Belo Horizonte (Aeroporto da Pampulha) começam a ser operados. Os voos são às segundas, quartas e sextas-feiras. A TWO Flex, empresa responsável por esses voos, usa nesta rota o avião Caravan de 9 lugares.

  CONFIRA OS HORÁRIOS DOS VOOS DA AZUL EM IPATINGA

ACESSE AQUI AS PROMOÇÕES DA AZUL

 

Avianca Brasil cancela 180 voos após ser obrigada a devolver dez aviões

Segundo a ANAC. a comunicação dos proprietários da empresa Constitution Aircraft Leasing de reaver os aviões ocorreu após decisão judicial favorável que determinou a reintegração de posse dessas aeronaves.

A Avianca Brasil divulgou a lista dos 180 voos cancelados depois que a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) cancelou o registro de 10 aeronaves de sua frota. Até voos da ponte aéreas Rio/São Paulo foram afetados com a redução da frota. (Veja abaixo a lista de voos afetados).

Segundo a ANAC. a comunicação dos proprietários da empresa Constitution Aircraft Leasing de reaver os aviões ocorreu após decisão judicial favorável que determinou a reintegração de posse dessas aeronaves. A Agência alerta aos passageiros que as operações da empresa serão impactadas nos próximos dias com a saída escalonada das aeronaves, sendo que uma devolução ocorreu na última quinta-feira (11) e as demais ocorrerão até o fim do domingo (14), sendo três por dia.

 Além de dar cumprimento à decisão, a ANAC mantém a fiscalização da atuação da empresa diante dos passageiros e segue acompanhando a execução das ações para a readequação da malha aérea e a manutenção da segurança das operações, além de determinar a interrupção das vendas dos voos impactados. A Agência também está em contato com a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e outros órgãos do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC).

O que diz a Avianca Brasil sobre os cancelamentos

“Caso seu voo esteja na lista e você tenha comprado sua passagem pelo site, aplicativo, call center ou lojas da Avianca Brasil, você pode solicitar seu reembolso em: www.avianca.com.br/reembolso. No formulário, selecione o motivo “Cancelamento de voo gerado pela Avianca”

– Caso seu voo esteja na lista e você tenha comprado sua passagem por meio de uma agência ou site de viagem, você deverá entrar em contato diretamente com essas empresas;

CONFIRA A LISTA DE VOOS CANCELADOS PELA AVIANCA BRASIL

 

Voo Data Origem Destino
6028 13/04/2019 Congonhas (SP) Santos Dumont (RJ)
6031 13/04/2019 Santos Dumont (RJ) Congonhas (SP)
6063 13/04/2019 Brasília Congonhas (SP)
6193 13/04/2019 Brasília Guarulhos (SP)
6232 13/04/2019 Santos Dumont (RJ) Brasília
6235 13/04/2019 Brasília Santos Dumont (RJ)
6006 14/04/2019 Congonhas (SP) Santos Dumont (RJ)
6011 14/04/2019 Santos Dumont (RJ) Congonhas (SP)
6020 14/04/2019 Congonhas (SP) Santos Dumont (RJ)
6032 14/04/2019 Congonhas (SP) Santos Dumont (RJ)
6062 14/04/2019 Congonhas (SP) Brasília
6063 14/04/2019 Brasília Congonhas (SP)
6075 14/04/2019 Salvador Congonhas (SP)
6104 14/04/2019 Guarulhos (SP) Navegantes (SC)
6105 14/04/2019 Navegantes (SC) Guarulhos (SP)
6148 14/04/2019 Guarulhos (SP) Confins (BH)
6151 14/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (SP)
6173 14/04/2019 Brasília Congonhas (SP)
6220 14/04/2019 Santos Dumont (RJ) Brasília
6271 14/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6300 14/04/2019 Brasília Recife
6301 14/04/2019 Recife Brasília
6353 14/04/2019 Natal Guarulhos (SP)
6392 14/04/2019 Guarulhos (SP) Fortaleza
6393 14/04/2019 Fortaleza Guarulhos (SP)
6395 15/04/2019 Fortaleza Guarulhos (SP)
6044 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Salvador
6049 15/04/2019 Salvador Guarulhos (São Paulo)
6103 15/04/2019 Belém Guarulhos (São Paulo)
6104 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Navegantes (SC)
6105 15/04/2019 Navegantes (SC) Guarulhos (São Paulo)
6132 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Vitória
6133 15/04/2019 Vitória Guarulhos (São Paulo)
6144 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6145 15/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6146 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6147 15/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6148 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6150 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6151 15/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6153 15/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6192 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Brasília
6194 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) João Pessoa
6195 15/04/2019 João Pessoa Guarulhos (São Paulo)
6196 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Aracaju
6241 15/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6242 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6243 15/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6244 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6246 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6247 15/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6248 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6249 15/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6251 15/04/2019 Galeão (RJ) Guarulhos (São Paulo)
6256 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Galeão (RJ)
6260 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Florianópolis
6261 15/04/2019 Florianópolis Guarulhos (São Paulo)
6270 15/04/2019 Fortaleza Galeão (RJ)
6271 15/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6276 15/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6277 15/04/2019 Fortaleza Galeão (RJ)
6288 15/04/2019 Galeão (RJ) Foz do Iguaçu
6289 15/04/2019 Foz do Iguaçu Galeão (RJ)
6290 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Goiânia
6291 15/04/2019 Goiânia Guarulhos (São Paulo)
6300 15/04/2019 Brasília Recife
6301 15/04/2019 Recife Brasília
6302 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Recife
6303 15/04/2019 Recife Guarulhos (São Paulo)
6318 15/04/2019 Brasília Guarulhos (São Paulo)
6319 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Brasília
6322 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Recife
6351 15/04/2019 Natal Guarulhos (São Paulo)
6352 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Natal
6370 15/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Fortaleza
6044 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Salvador
6049 16/04/2019 Salvador Guarulhos (São Paulo)
6102 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Belém
6104 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Navegantes (SC)
6105 16/04/2019 Navegantes (SC) Guarulhos (São Paulo)
6128 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Porto Alegre
6129 16/04/2019 Porto Alegre Guarulhos (São Paulo)
6132 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Vitória
6133 16/04/2019 Vitória Guarulhos (São Paulo)
6144 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6145 16/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6146 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6147 16/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6148 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6150 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6151 16/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6153 16/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6193 16/04/2019 Brasília Guarulhos (São Paulo)
6194 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) João Pessoa
6195 16/04/2019 João Pessoa Guarulhos (São Paulo)
6196 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Aracaju
6197 16/04/2019 Aracaju Guarulhos (São Paulo)
6241 16/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6242 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6243 16/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6244 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6246 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6247 16/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6248 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6249 16/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6260 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Florianópolis
6261 16/04/2019 Florianópolis Guarulhos (São Paulo)
6270 16/04/2019 Fortaleza Galeão (RJ)
6271 16/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6276 16/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6277 16/04/2019 Fortaleza Galeão (RJ)
6288 16/04/2019 Galeão (RJ) Foz do Iguaçu
6289 16/04/2019 Foz do Iguaçu Galeão (RJ)
6290 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Goiânia
6291 16/04/2019 Goiânia Guarulhos (São Paulo)
6300 16/04/2019 Brasília Recife
6301 16/04/2019 Recife Brasília
6302 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Recife
6303 16/04/2019 Recife Guarulhos (São Paulo)
6318 16/04/2019 Brasília Guarulhos (São Paulo)
6319 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Brasília
6323 16/04/2019 Recife Guarulhos (São Paulo)
6350 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Natal
6370 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Fortaleza
6371 16/04/2019 Fortaleza Guarulhos (São Paulo)
6372 16/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Fortaleza
6373 16/04/2019 Fortaleza Guarulhos (São Paulo)
6044 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Salvador
6049 17/04/2019 Salvador Guarulhos (São Paulo)
6102 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Belém
6103 17/04/2019 Belém Guarulhos (São Paulo)
6104 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Navegantes (SC)
6105 17/04/2019 Navegantes (SC) Guarulhos (São Paulo)
6132 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Vitória
6133 17/04/2019 Vitória Guarulhos (São Paulo)
6144 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6145 17/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6146 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6147 17/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6148 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6150 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Confins (BH)
6151 17/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6153 17/04/2019 Confins (BH) Guarulhos (São Paulo)
6194 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) João Pessoa
6195 17/04/2019 João Pessoa Guarulhos (São Paulo)
6196 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Aracaju
6197 17/04/2019 Aracaju Guarulhos (São Paulo)
6241 17/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6242 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6243 17/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6244 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6246 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6247 17/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6248 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Curitiba
6249 17/04/2019 Curitiba Guarulhos (São Paulo)
6251 17/04/2019 Galeão (RJ) Guarulhos (São Paulo)
6256 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Galeão (RJ)
6260 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Florianópolis
6261 17/04/2019 Florianópolis Guarulhos (São Paulo)
6270 17/04/2019 Fortaleza Galeão (RJ)
6271 17/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6276 17/04/2019 Galeão (RJ) Fortaleza
6277 17/04/2019 Fortaleza Galeão (RJ)
6288 17/04/2019 Galeão (RJ) Foz do Iguaçu
6289 17/04/2019 Foz do Iguaçu Galeão (RJ)
6290 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Goiânia
6291 17/04/2019 Goiânia Guarulhos (São Paulo)
6300 17/04/2019 Brasília Recife
6301 17/04/2019 Recife Brasília
6302 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Recife
6303 17/04/2019 Recife Guarulhos (São Paulo)
6318 17/04/2019 Brasília Guarulhos (São Paulo)
6319 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Brasília
6322 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Recife
6351 17/04/2019 Natal Guarulhos (São Paulo)
6352 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Natal
6353 17/04/2019 Natal Guarulhos (São Paulo)
6370 17/04/2019 Guarulhos (São Paulo) Fortaleza
6371 17/04/2019 Fortaleza Guarulhos (São Paulo)

Governo de Minas pretende privatizar o Ibitipoca e mais 19 parques; confira quais

O vencedor da concessão poderá oferecer nas unidades de conservação do estado meios de hospedagem, venda de alimentos e bebidas, atividades de lazer e aventura e venda de souvenires.

O Governo de Minas lançou nesta quinta-feira (11/4) o Programa de Concessão de Parques Estaduais 2019-2022. Nesta primeira fase serão entregues para a iniciativa privada a gestão de 20 parques estaduais, entre eles o Ibitipoca, localizado, na Zona da Mata, o Parques Estadual do Rio Doce, no Leste de Minas, e o Rola Moça, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. (Veja lista de todos no final).

O Parque do Biribiri também terá gestão do setor privado

O objetivo do programa é promover, com parcerias com o setor privado, a gestão dos serviços prestados aos visitantes, com maior qualidade e especialização. O vencedor da concessão poderá oferecer nas unidades de conservação do estado meios de hospedagem, venda de alimentos e bebidas, atividades de lazer e aventura e venda de souvenires.

Segundo o governador em exercício, Paulo Brant, as medidas garantirão um aumento no número de usuários e incentivo ao turismo. O número de visitantes nos parques deve aumentar 400%. Minas Gerais possui um dos maiores Sistemas Estaduais de Unidades de Conservação (SEUC) do país, composto por um total de 94 unidades de conservação, totalizando aproximadamente 3,5 milhões de hectares de áreas protegidas.

A gestão é feita atualmente exclusivamente pelo poder público, bem como a destinação dos recursos para operação e manutenção dessas reservas ambientais.

FRASE….

“A gestão do parque continua sendo do IEF, ou seja, as gestões de conservação e ambiental. Estamos transferindo a gestão da visitação. Com esse programa, vamos aumentar e melhorar a qualidade de infraestrutura das unidades de conservação, atendendo os anseios do público, que precisa de uma estrutura mais adequada. Elas têm belezas naturais incríveis, e vamos casar isso com oportunidades de recreação, dando uma infraestrutura realmente muito mais adequada para atingir todos os públicos”

Antônio Malard- diretor-geral do Instituto Estadual de Florestas (IEF)

 

CONFIRA ABAIXO A LISTA DE TODOS OS PARQUES

VAI VIAJAR? GARANTA AQUI DESCONTOS ESPECIAIS NA COMPRA DAS PASSAGENS AÉREAS

LATAM anuncia novos voos em Guarulhos de olho na redução do ICMS

A partir de junho a LATAM terá um voo diário em nova rota entre Guarulhos e Navegantes.

A LATAM acaba de anunciar um pacote de novos voos em São Paulo para ter direito a redução do ICMS (Imposto Sobre Mercadorias e Serviços) sobre o combustível de aviação, firmado com o Governo do Estado de São Paulo. Em maio, começarão a ser operados novos voos diários entre Guarulhos e os aeroportos de Belo Horizonte (Confins), Rio de Janeiro (Santos Dumont e Galeão), Foz do Iguaçu e Salvador.

Em junho a LATAM começará a oferecer um voo diário em nova rota entre Guarulhos e Navegantes. Em abril, a LATAM começou a operar um novo voo diário entre Guarulhos e o aeroporto do Rio de Janeiro (Santos Dumont), e mais 5 frequências semanais entre Guarulhos e Manaus.

Confira os detalhes das novas operações da LATAM que serão abertas à venda em breve:

Novos voos diários entre Guarulhos e São Luís;
Mais 2 frequências semanais entre Guarulhos e Recife;
Mais 1 frequência semanal entre Guarulhos e Salvador;
2 voos diários em nova rota entre Guarulhos e Cuiabá.

Os números da LATAM

O Grupo LATAM Airlines é o maior operador aéreo do aeroporto de Guarulhos, onde movimenta aproximadamente 41 mil passageiros por dia, com uma média diária de 205 chegadas e partidas domésticas, além de 76 chegadas e partidas internacionais. Atualmente, são 33 destinos domésticos e 24 destinos internacionais servidos por voos diretos da companhia a partir do maior aeroporto paulista.

ACESSE AQUI AS OFERTAS DA LATAM

 

Fernando de Noronha proíbe a entrada de plástico a partir de quinta-feira

O Plástico Zero é uma ação prioritária, que está em consonância com a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que não fala apenas em reciclagem e reutilização, mas em descarte ambientalmente adequado de materiais, com redução dos resíduos.

A partir de quinta-feira (11/04) começa a vigorar o Decreto Distrital 002/2018, que proíbe a entrada de plásticos e similares descartáveis na ilha de Fernando Noronha. O Plástico Zero é um decreto que impede o uso e comercialização de recipientes e embalagens descartáveis. Entre eles, garrafas plásticas de bebidas abaixo de 500ml, canudos, copos, talheres descartáveis, sacolas e demais objetos compostos por polietilenos, polipropilenos ou similares.

As normas se aplicam a todos os estabelecimentos e atividades comerciais de Fernando de Noronha, incluindo restaurantes, bares, quiosques, lanchonetes, ambulantes, hotéis e pousadas. Com a fiscalização, quem descumprir o decreto fica sujeito a multa.  A companhia Gol, que oferece voos para a ilha, divulgou comunicado detalhando o novo decreto (veja abaixo).

Para a readequação, a administração da ilha estipulou um prazo de cento e vinte dias, a partir da publicação do decreto. Nesse período foram feitos trabalhos educacionais de conscientização junto a moradores, empresários e visitantes. O ciclo de reuniões esclareceu dúvidas da implantação do decreto. A Administração fará ainda ações de conscientização para os turistas que estiverem embarcando para Noronha no aeroporto do Recife, e também na chegada deles no aeroporto da ilha.

O Plástico Zero é uma ação prioritária, que está em consonância com a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que não fala apenas em reciclagem e reutilização, mas em descarte ambientalmente adequado de materiais, com redução dos resíduos. Para apoiar o planejamento, foi convidado o Menos 1 Lixo, movimento de educação ambiental e consumo consciente, que realizou encontros na ilha em janeiro, com a liderança de sua idealizadora Fe Cortez, que é defensora da campanha Mares Limpos, da ONU.

FRASE…..

“Depois de 120 dias de adequação, Noronha agora entra de forma ativa no combate à poluição, por meio da proibição dos plásticos descartáveis. Devemos a partir de agora repensar os nossos hábitos e fazer as substituições necessárias, porque isso vai refletir em um local ambientalmente correto e, consequentemente, na melhoria da qualidade de vida dos ilhéus. Isso é apenas o começo de uma nova era para o arquipélago, porque a intenção é banir o plástico de uma forma geral na ilha nos próximos anos. Noronha, dessa forma, vai servir de exemplo para muitos outros lugares”,

Guilherme Rocha-administrador de Fernando de Noronha.

CONFIRA ABAIXO O QUE É PROIBIDO

– Garrafas plásticas com capacidade inferior a 500 ml;
– Canudos, copos e talheres de plásticos descartáveis;
– Sacolas plásticas;
– Embalagens de recipientes descartáveis de poliestireno expandido (EPS) e poliestireno extrudado (XPS), popularmente conhecidos como isopor, destinadas ao acondicionamento de alimentos e bebidas;
– Demais produtos descartáveis compostos por polietilenos, polipropilenos e/ou similares.
Pedimos aos nossos clientes que se atentem às novas regras do arquipélago e revoguem o uso dos objetos citados acima, colaborando, assim, com a limpeza e conservação da área.

CONFIRA AS PROMOÇÕES DE PASSAGENS AÉREAS PARA FERNANDO DE NORONHA

 

GARANTA AQUI SUA HOSPEDAGEM NA ILHA DE FERNANDO DE NORONHA

 

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com