Tudo viagem

Gol terá 400 voos diários em outubro e anuncia a retomada em 3 bases

Quando comparado com o mês de setembro, os 400 voos diários da Gol representam um aumento de 49% na oferta de operações.

A Gol terá em outubro 400 voos diários em 136 mercados, incluindo a reabertura das bases de Carajás, no Pará, Fernando de Noronha, em Pernambuco, e Cruzeiro do Sul, no Acre. Além das bases retomadas, serão 18 novos mercados atendidos em outubro.

Quando comparado com o mês de setembro, os 400 voos diários da Gol representam um aumento de 49% na oferta de operações, chegando a 95% dos destinos do período pré-pandemia. A retomada da base de Carajás vem reforçar as operações da Gol no estado do Pará e terá seis frequências semanais. O município ganha conexão com Brasília (BSB) e com o aeroporto da capital, Belém.

Aeronave da Gol em Dourados (MS), destino atendido com voos para Guarulhos

Fernando de Noronha terá a partir der 10 de outubro quatro frequências semanais para Recife. Em Cruzeiro do Sul, os voos serão em quatro dias da semana para Rio Branco. Brasília vai ganhar voos  inéditos: para Londrina, no Paraná, e Navegantes, em Santa Catarina. A Gol atenderá Brasília com 42 destinos nacionais, um patamar histórico.

Em outubro o Aeroporto de Congonhas, localizado na região central da cidade de São Paulo, terá voos para Florianópolis,  Fortaleza, Goiânia, Navegantes e para o Galeão. A Gol também terá voos sem escalas do Galeão para Foz do Iguaçu, o maior destaque turístico do Paraná.

Em Fortaleza a Gol vai operar 19 decolagens diárias com  voos sem escalas para São Paulo/Congonhas, Juazeiro do Norte e Natal.  Salvador terá três decolagens diárias para Vitória da Conquista. Em outubro também serão retomados os voos de Curitiba a Porto Alegre, na região Sul, e, no Norte, de Manaus a Porto Velho. Os voos internacionais da Gol  continuam suspensos até o final de  outubro.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

LATAM Brasil vai operar em 44 destinos nacionais em outubro

O Grupo LATAM, incluindo todas as suas filiais, deve operar no mês de outubro de 24% a 26% da sua capacidade registrada no mesmo mês em 2019.

A LATAM Brasil vai retomar em outubro os voos de Guarulhos (SP) para a Cidade do México e o fortalecimento dos hubs (centros de conexão) de Guarulhos e Brasília.  A partir do próximo mês a companhia atenderá 44 destinos domésticos no Brasil, atingindo a marca de 274 voos diários no país.

A LATAM Brasil atenderá 38 destinos a partir do aeroporto de Guarulhos, quatro a mais do que em outubro de 2019.  A partir do Aeroporto de  Brasília serão atendidos 30 destinos,  o que representa 90% dos destinos atendidos em outubro de 2019.

O Grupo LATAM Airlines, incluindo todas as suas filiais, deve operar no mês de outubro de 24% a 26% da sua capacidade registrada no mesmo mês em 2019. Serão 440 voos domésticos e internacionais por semana (em setembro de 2020 foram 310), o que representa um aumento de 42% em relação ao mês anterior.

Em outubro o  Grupo LATAM planeja a retomada das rotas internacionais Santiago-Santa Cruz de la Sierra, Santiago-Bogotá e Santiago-Guayaquil, e a retomada da operação aérea doméstica e internacional no Peru.

O Grupo LATAM atende atualmente 99 destinos em 13 países. Para outubro, em linhas gerais, planeja ampliar a operação doméstica das filiais – como na Colômbia por exemplo, onde a capacidade deve dobrar –, enquanto os voos internacionais são gradativamente retomados. Lembrando que o uso de máscara facial é obrigatório em todas as etapas do voos.

Confira os detalhes abaixo

● Chile: Vai ampliar as frequências de voos para 12 destinos já restabelecidos no país e retomar as rotas internacionais Santiago-Santa Cruz de la Sierra, Santiago-Bogotá e Santiago-Guayaquil.

● Peru:  A companhia voará para 15 destinos a partir de Lima e retomar a sua operação internacional. Os destinos ainda não foram anunciados

● Colômbia:  Serão 9 destinos a partir de Bogotá, com um crescimento de 76% no número de frequências em relação a setembro.

● Equador:  Serão  98 frequências semanais a partir de outubro para 7 destinos no país.

Acesse aqui a lista completa de voos da LATAM

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

 

 

Azul e Gol atingem 35% de participação do mercado doméstico em agosto

Segundo o balanço da ANAC, a queda em julho de 2020 em relação ao mesmo período do ano passado foi de 78,9%.

As companhias aéreas transportaram em agosto deste ano 2,1 milhões de passageiros no mercado doméstico. A queda quando comparado com o agosto de 2019 é de 67,5%. Segundo balanço divulgado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), em agosto deste ano a participação da Gol no mercado doméstico foi de 35,5%, seguida pela Azul (35,45) e LATAM (28,25).

Em julho deste ano foram transportados 1,6 milhão com 44,3% de participação da Gol, 32% da Azul e LATAM tinha 23,2% de participação do mercado. Segundo a ANAC, a queda em julho de 2020 em relação ao mesmo período do ano passado foi de 78,9%.

Dados da ANAC de agosto de 2020

Dados da ANAC de julho de 2020

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas baratas

Festival Folclórico de Parintins é adiado para 2021; confira novas datas

O Festival Folclórico é reconhecido como Patrimônio Cultural do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

O 55º Festival Folclórico de Parintins (AM) foi adiado para junho de 2021 em função da pandemia do coronavírus.  As organizações do Caprichoso e Garantido, estrelas do evento, chegaram a divulgar que o vento seria nos dias 6, 7 e 8 de novembro deste ano, mas o governo do Amazonas não aprovou, alegando riscos para a saúde do público.

O festival seria realizado  nos dias 26, 27 e 28 de junho deste ano, mas foi adiado por conta da pandemia. Em 2021 o festival será realizado entre os dias 25, 26 e 27 de junho. A festa atrai turistas de todas as regiões do Brasil e até do exterior. É o maior espetáculo folclórico do mundo.

O festival em 2021 será realizado nos dias 25, 26 e 27 de junho.

Segundo a empresa Amazon Best, que organiza o festival, os ingressos já comprados poderão ser usados em 2021. Quem optar pelo reembolso poderá fazer a partir de janeiro de 2021. O prazo para reembolso é de 12 meses, conforme prevê Medida Provisória do Governo Federal que está vigorando.

O Festival Folclórico é reconhecido como Patrimônio Cultural do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. A festa acontece desde 1.965 no Centro Cultural e Esportivo Amazonino Mendes, em Parintins. O local mais conhecido como Bumbódromo, possui o formato de cabeça de boi e tem capacidade de receber 35 mil pessoas.

Pretende viajar para outros destinos? Garanta aqui passagens aéreas baratas

 

 

 

EUA liberam entrada de brasileiros a partir de 14 setembro

As restrições também deixarão de valer para  vários países, entre eles a República Popular da China, Irã,  Reino Unido e Irlanda.

A partir da próxima segunda-feira (14/09) os brasileiros poderão viajar para os Estados Unidos. Em função da à pandemia da Covid-19, a proibição estava valendo desde 28 de maio deste ano.

As restrições também deixarão de valer para  vários países, entre eles a República Popular da China (excluindo as Regiões Administrativas Especiais de Hong Kong e Macau), o  Irã,  Reino Unido e Irlanda. A liberação é para estimular o crescimento de viagens aéreas. O setor de turismo dos Estados Unidos sofre drasticamente com a pandemia da covid-19.

Aeronave da American Airlines que realiza voos do Brasil para os EUA

O documento será publicado oficialmente em 14 de setembro de 2020. Em nota enviada para a imprensa, o governo dos EUA alega que as novas medidas “incluirão, entre elas, a interrupção de triagem de saúde aos que chegam de certos países, incluindo o Brasil. O governo  recomenda que os viajantes internacionais entrem em quarentena por 14 dias quando viajam de áreas de alto risco”. 

Leia comunicado completo

A nota emitida pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC), no dia 9 de setembro, e a nova regulação do Departamento de Segurança Nacional dos EUA (DHS), prevista para publicação no registro federal dos EUA no dia 14 de setembro, visam adotar uma nova abordagem para manter e proteger a saúde dos passageiros internacionais e dos norte-americanos. 

A nota do CDC e a publicação do DHS não alteram quem é permitido entrar nos EUA sob proclamação presidencial.  

As novas medidas serão implementadas no dia 14 de setembro de 2020 e incluirão, entre elas, a interrupção de triagem de saúde aos que chegam de certos países, incluindo o Brasil. O CDC continua recomendando que os viajantes internacionais entrem em quarentena por 14 dias quando viajam de áreas de alto risco. 

A partir dessa data, o governo dos EUA removerá os requisitos para direcionar todos os voos que transportam passageiros de companhias aéreas que chegam ou recentemente tiveram presença em alguns países, incluindo o Brasil, para pousar em um dos 15 aeroportos designados. 

 Em maio de 2020, o presidente Trump proclamou uma restrição de entrada para estrangeiros que estiveram no Brasil por 14 dias antes de entrar nos EUA. Essa restrição não se aplica a cidadãos norte-americanos, residentes permanentes legais (portadores de green card), familiares imediatos de cidadãos norte-americanos e residentes permanentes legais e categorias específicas. 

Lista das categorias isentashttps://br.usembassy.gov/pt/informativo-proclamacao-presidencial-que-restringe-as-viagens-de-estrangeiros-vindos-do-brasil-para-os-eua-incluindo-brasileiros/

 

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

Confira o ranking das 10 melhores companhias do mundo; Azul é a 1ª

A Azul usa em seus voos para Portugal e Estados Unidos os Airbus A330, aeronave  que tem as classes Azul Business, Azul Economy.

O Tripadvisor Travelers’ Choice Award 2020, premiação da Tripadvisor, maior plataforma de viagens do mundo, divulgou a lista das 10 melhores companhias aéreas do mundo. A Azul aparece em primeiro lugar. Foi a primeira vez que uma companhia aérea de bandeira do Brasil conquista essa posição. Desde 2018, a Azul vem figurando entre as top dez companhias do mundo e alcança agora um feito inédito.

A Azul ficou na frente das gigantes Virgin Atlantic Airways,  Qatar Airways e Emirates. A Azul usa em seus voos para Portugal e Estados Unidos os Airbus A330, aeronave  que tem as classes Azul Business, Azul Economy. No serviço de bordo destaque para o menu de jantar, a seleção de vinhos, as opções de entretenimento, o Skysofa, espaço onde um grupo de quatro poltronas se transforma em uma cama.

Frase….

Nunca foram os aviões que fizeram a gente voar. Eu sempre falo aos nossos Tripulantes que temos o melhor time de pessoas do mundo. É a mais pura verdade. Esse prêmio só demonstra a verdadeira paixão e dedicação com que trabalhamos todos os dias para alcançar nossa missão de oferecer a melhor experiência de viagem aos nossos Clientes. Quero agradecer a todos o nosso time e aos nossos Clientes, pois foram eles que fizeram a Azul voar ainda mais alto e alcançar essa premiação que é um enorme marco em nossa história.

John Rodgerson, presidente da Azul

 

Confira a lista das 10 melhores companhias aéreas do mundo

  1. Azul
  2. Singapore Airlines
  3. Korean Air
  4. Japan Airlines (JAL)
  5.  Jet2.com
  6. Air New Zealand
  7. EVA Air
  8. Virgin Atlantic Airways
  9.  Qatar Airways
  10. Emirates
Premiações recebidas pela Azul na edição 2020:
  • Melhor companhia aérea do mundo
  • Melhor companhia aérea na América Latina
  • Melhor companhia aérea no Brasil
  • Melhor Classe Econômica do mundo
  • Melhor Classe Econômica na América Latina
  • Melhor companhia aérea low cost da América Latina

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

Azul lidera o mercado doméstico em junho com 39%

Segundo a ANAC, o percentual de junho apresenta melhora, considerando que em maio e abril a redução na demanda doméstica foi de 91% e 93,1%, respectivamente.

Levantamento divulgado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) mostra que no mês de junho a demanda por voos no mercado doméstico, medida em passageiros quilômetros pagos (RPK), teve queda de 85% na comparação com junho de 2019. Segundo a ANAC, o percentual de junho apresenta melhora, considerando que em maio e abril a redução na demanda doméstica foi de 91% e 93,1%, respectivamente.

Em junho foram transportados 889 mil passageiros. No mercado doméstico a Azul é a líder com 39%, seguida pela Gol com 37%, e LATAM ficou com 23,9% do mercado. A oferta de voos no mercado doméstico (calculada em assentos quilômetros ofertados – ASK) seguiu a mesma linha da demanda por voos, apresentando retração do percentual do indicador no segundo do trimestre do ano, em comparação com o mesmo período do ano anterior, sendo da ordem de 83,6% em junho, 89,6% em maio e 91,4% em abril. Os dados de oferta de assentos também vêm caindo desde março.

A ocupação das aeronaves em abril passou de 81,9% em 2019 para 65,4% de aproveitamento. Entretanto, este indicador subiu, em maio, para 70,7% e seguiu o crescimento em junho, apresentando 74,6% de ocupação nas aeronaves em voos domésticos . Este indicador está diretamente relacionado a quantidade de passageiros transportados.

Mercado Internacional teve queda de 95,4%

Segundo a ANAC,  o fechamento de algumas fronteiras também foi fator determinante nos dados do setor, sendo este especificamente no escopo do mercado internacional. Em junho, a demanda internacional caiu 95,4% e a oferta 89,3%, comparando-se com junho de 2019. Maio e abril também apresentaram dados de queda brusca, acima de 90% em relação ao ano passado.

Veja abaixo os destalhes do levantamento da ANAC

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

 

Confins é eleito o melhor do Brasil entre os aeroportos com mais de 10 milhões de passageiros

A pesquisa referente ao primeiro trimestre de 2020 avaliaou  20 aeroportos brasileiros já sob os efeitos da pandemia do novo coronavírus.

Pesquisa da Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura mostra que os melhores aeroportos do Brasil são de Florianópolis  (4,72), Curitiba (4,68) e Confins (4,45). A “Pesquisa de Satisfação do Passageiro e Desempenho Aeroportuário” referente ao primeiro trimestre deste ano, mostra que Confins é o melhor avaliado entre os aeroportos que movimentam  acima de 10 milhões.

O Aeroporto de Curitiba é administrado pela Infraero e Confins e Florianópolis são gerenciados pelo setor privado. A satisfação média geral dos passageiros ficou em 4,40, numa avaliação de 1 (muito ruim) a 5 (muito bom). No mesmo período de 2019, a avaliação média foi de 4,39. Foram avaliados  20 aeroportos brasileiros já sob os efeitos da pandemia do novo coronavírus. (Veja ranking completo abaixo).

confins Area de Servico

Ainda segundo a pesquisa, do total de avaliações positivas referentes ao conjunto dos 20 aeroportos pesquisados atingiu 92% de “bom” e “muito bom”. No mesmo período do ano passado, o percentual ficou em 90%. Foram realizadas 23.828 entrevistas nos 20 principais aeroportos do país, que respondem por 87% do total do fluxo de passageiros.

A pesquisa é realizada desde 2013 para avaliar a experiência do passageiro em diversos itens relacionados à infraestrutura, atendimento e serviços, bem como monitorar o desempenho de diferentes processos aeroportuários como check in, inspeção de segurança e restituição de bagagens. Por conta da crise do Covid-19, não haverá coleta de dados para compor o relatório referente ao segundo semestre de 2020.

Aeroportos acima de 10 milhões de passageiros ano

1) Confins/MG – 4,45

2) Brasília/DF – 4,42

3) Galeão/RJ – 4,31

4) Congonhas/SP – 4,25

5) Guarulhos/SP – 4,16

Aeroportos entre 5 e 10 milhões de passageiros

1) Curitiba/PR – 4,68

2) Campinas/SP – 4,66

3) Porto Alegre/RS – 4,55

4) Fortaleza/CE – 4,39

5) Santos Dumont/RJ – 4,34

6) Salvador/BA – 4,31

7) Recife/PE – 4,23

Aeroportos com até 5 milhões de passageiros

1) Florianópolis/SC – 4,72

2) Vitória/ES – 4,53

3) Manaus/AM – 4,42

4) Maceió/AL – 4,41

5) Natal/RN – 4,40

6) Goiânia/GO – 4,38

7) Cuiabá/MT – 4,26

8) Belém/PA – 4,21

 

Codeshare da LATAM Brasil e Delta começa em setembro; veja detalhes

Os passageiros LATAM Pass poderão acumular e resgatar pontos em voos da Delta para mais de 300 destinos em todo o mundo.

A LATAM Brasil divulgou nesta quinta-feira (27/02) detalhes do acordo codeshare com a Delta previsto para começar a vigorar no primeiro semestre de 2020. O acordo ainda está sujeito à aprovação regulatória.  O código ‘LA’ da LATAM Airlines Brasil será adicionado aos voos da Delta de Nova York (JFK), Miami, Boston, e Orlando para 65 destinos nos Estados Unidos e no Canadá. Da mesma forma.

O código ‘DL’ da Delta será adicionado aos voos da LATAM Brasil de São Paulo (Guarulhos) e Rio de Janeiro (Galeão) para 37 destinos no Brasil. Segundo o comunicado divulgado pela companhia brasileira, as mudanças fazem parte do trabalho em andamento para implementar o acordo anunciado por LATAM e Delta em setembro de 2019.

O grupo LATAM  e a Delta querem estabelecer uma aliança estratégica para combinar as malhas aéreas altamente complementares das companhias e oferecer aos clientes uma experiência de viagem única e com maior conectividade, para mais de 435 destinos em todo o mundo.

O Grupo LATAM Airlines também assinou acordo bilateral com a Delta para oferecer benefícios para passageiros frequentes. O acordo entrará em vigor em 1º de abril de 2020. Assim que o acordo for implementado, os passageiros LATAM Pass poderão acumular e resgatar pontos em voos da Delta para mais de 300 destinos em todo o mundo.

Da mesma forma, os clientes Delta Skymiles poderão acumular e resgatar pontos em voos da LATAM para 145 destinos em 26 países nos cinco continentes. Ambas as companhias também estão trabalhando para expandir o acesso às salas VIPs para mais aeroportos nas Américas e estabelecer mais benefícios para os passageiros frequentes durante o primeiro semestre de 2020.

74 destinos nos Estados Unidos e no Canadá

A partir desta quinta-feira (27/02) já estão disponíveis para vendas as passagens aéreas para os voos dos acordos de codeshare firmados entre Delta e LATAM Airlines Peru (para voos operados a partir de 29 de março de 2020), e LATAM Airlines Equador (voos a partir de 15 de março de 2020), oferecendo mais para 74 destinos nos Estados Unidos e no Canadá.

Os passageiros da Delta também podem adquirir passagens em codeshare com as filiadas da LATAM no Peru, Equador e Colômbia para 51 destinos na América do Sul.  Inicialmente, o resgate estará disponível apenas através do Contact Center da LATAM ou das lojas LATAM Travel. A disponibilidade via latam.com será comunicada oportunamente.

 

Frase….

“Com os acordos para passageiro frequente e de codeshare, a LATAM e suas filiais agora podem oferecer aos clientes alguns dos primeiros benefícios da promissora aliança estratégica com a Delta. Hoje, os clientes podem usufruir da conectividade entre a América do Norte e América do Sul, na medida em que continuamos avançando na nossa jornada para criar a melhor experiência de viagem para o cliente no continente”.

Roberto Alvo, vice-presidente Comercial do Grupo LATAM Airlines.

Encontre aqui as promoções de passagens da LATAM

SKY volta a vender os voos do Brasil: ida e volta para o Chile a partir de R$ 836,53

Nos voos da SKY para Santiago as passagens de ida e volta custam R$ 953,55. Todas essas passagens estão com as taxas incluídas.

A companhia chilena SKY começou a vender as passagens dos voos do Brasil depois de quase um mês de suspensão. Além disso, a companhia de baixo custo lançou promoção!  Nos voo de São Paulo para Santiago, a capital chilena, a ida e a volta podem ser compradas por R$ 836,53, valor com todas as taxas incluídas. Nos voos da SKY para Santiago as passagens de ida e volta custam R$ 953,55. Todas essas passagens estão com as taxas incluídas.

A LATAM Brasil está vendendo a ida e a volta para Santiago por R$ 1.101,52 para saída por Porto Alegre, R$ 1.484,86 para embarque em Brasília e para quem está em Belo Horizonte a ida e a volta para a capital chilena custam R$ 1.387,71. Esses valores são para viagens nos meses de junho e agosto deste ano.

Passageiros de outras cidades também podem viajar para o Chile com descontos especiais. Basta fazer a pesquisa no link abaixo. As passagens podem ser parceladas em 12 vezes. Lembrando que para viajar para o Chile os brasileiros não precisam de passaporte. Basta apresentar a carteira de identidade.

Garanta aqui as passagens partindo de São Paulo a partir de R$ 836

Hotel all inclusive

Você pode aproveitar essas promoções para conhecer o Atacam, onde fica uma das unidades do hotéis Tierra, que funcionam em sistema all inclusive. Todos os hotéis são referências em arquitetura, hospitalidade cinco-estrelas e estrutura composta por spa e restaurantes. A rede também tem um hotel na Patagônia chilena. (foto acima). Acesse aqui o link do hotel.

Passagens de ida e volta com taxas incluídas para a capital chilena

Garanta aqui a sua hospedagem no Atacama

Está em outra cidade? Faça aqui a sua cotação e garanta descontos especiais

 

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com