Gol suspende venda das passagens dos voos da Pampulha

Nesta semana a Passaredo deixou de operar no Aeroporto de Belo Horizonte, demitindo todos os seus funcionários.

Uma péssima notícia para os mineiros. A Gol suspendeu a venda das passagens de seus voos do Aeroporto da Pampulha para a cidade de São Paulo (Congonhas) com uma escala no Aeroporto Regional da Zona da Mata. O último voo será no dia 2 de agosto deste ano. A companhia ainda não se lançará outra rota ou de vai deixar a Pampulha.

Continua após anúncio


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Os voos da Gol foram iniciados no dia 23 de janeiro deste ano e seriam sem escalas para a capital paulista, mas uma decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), atendendo a um pedido do senador Antônio Anastasia (PSDB), impediu a companhia de realizar essa rota.

Pela norma atual a Pampulha pode receber voos de aeronaves de grande porte, mas as companhias só podem voar sem escala para aeroportos regionais, com movimentação de até 600 mil passageiros por ano. Com essa restrição a Gol, a primeira a investir na Pampulha com contratação de funcionários, não pode lançar voos sem escalas nem mesmo para Uberlândia.

A Gol chegou a estudar a possibilidade de lançar um voo da Pampulha para Uberaba. A mesma aeronave seguiria para Guarulhos. A boa notícia é que a Gol vai manter os voos sem, escalas da Zona da Mata para Congonhas. A Gol foi procurada, mas ainda não se manifestou sobre a situação de quem comprou passagens para depois de 2 de agosto. Assim que a companhia responder vamos atualizar esse post.

VENDA DAS PASSAGENS ESTÁ SUSPENSA 

Se a Gol deixar a Pampulha o aeroporto de Belo Horizonte só terá voos para algumas cidades do interior de Minas Gerais com aviões de 9 lugares. O motivo é que nesta semana a Passaredo suspendeu todos os seus voos da Pampulha para Ribeirão Preto (SP). Os funcionários foram demitidos. Nesta mesma semana a companhia começou a oferecer voos de Uberlândia para Guarulhos e Goiânia.

CONHEÇA O SITE QUE VENDE PASSAGENS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/read]

Gol pretende lançar voos de Uberaba para Guarulhos e Pampulha

Segundo a Infraero, o Aeroporto de Uberaba tem condições de receber os Boeings 737-700 que transporta 138 passageiros.

A Gol confirmou que pretende lançar voos de Uberaba (MG) para Guarulhos, na Grande São Paulo. O interesse da companhia foi confirmado aos representantes da Prefeitura de Uberaba durante reunião realizada na semana passada na sede da Gol em São Paulo. A cidade do Triângulo Mineiro poderá ganhar voos para a Pampulha.

Continua após anúncio


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Atualmente apenas a companhia Azul opera em Uberaba com voos sem escalas para Belo Horizonte (Aeroporto de Confins). A criação do voo para São Paulo foi uma das exigências feitas pela Mosaic, empresa de fertilizantes com sede em Uberaba. Sem o voo, a empresa pretende transferir seus funcionários da área administrativa para Uberlândia, onde há voos da Gol para Guarulhos.

Segundo a Infraero, o Aeroporto de Uberaba tem condições de receber os Boeings 737-700 que transporta 138 passageiros. A Gol estuda a possibilidade de lançar um de Belo Horizonte (Aeroporto da Pampulha) para Uberaba. A mesma aeronave faria a rota Uberaba/Guarulhos. A Gol está fazendo estudo do mercado para saber se terá demanda para estas rotas.

CONHEÇA AQUI O SITE QUE EMITE PASSAGENS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/read]

Passaredo alega readequação operacional para deixar de operar em Belo Horizonte

No dia 26 de abri, o Tudo Viagem divulgou com exclusividade que a Passaredo não terá mais voos no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte a partir de 30 de maio deste ano. A companhia divulgou nota alegando que a a saída da capital mineira faz parte de uma “ readequação operacional”. A empresa promete fazer o reembolso integral aos passageiros que compraram passagens a partir desta data. (veja nota completa abaixo).

                                                       Continua após anúncio


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

No dia 3 de junho a Passaredo começa a oferecer um voo diário de Uberlândia para Guarulhos e Goiânia. A companhia não divulgou em sua nota, mas o que mais pesou na sua decisão de deixar Belo Horizonte foram as restrições operacionais da Pampulha e o seu número limitado de aviões.

O Aeroporto da Pampulha só pode ter voos para aeroportos regionais (até 600 mil passageiros por ano). Com isso, a Gol foi obrigada a lançar a partir de 22 de janeiro, quando começou a operar na Pampulha, voos para a Zona da Mata (Juiz de Fora), em vez de Congonhas (SP), conforme planejado em dezembro.

NOTA DA PASSAREDO

Devido a essa readequação operacional, a Passaredo deixará de operar a rota Ribeirão Preto/Belo Horizonte a partir do dia 30 de maio. Todos os passageiros que adquiriram passagens para voos posteriores a essa data serão reacomodados em voos de outras companhias ou terão o valor do bilhete reembolsado sem qualquer taxa ou penalidade, conforme determina a regulamentação da ANAC.

Os passageiros serão contatados pela Passaredo para as resoluções com relação a reacomodação ou reembolso. Para mais informações poderão entrar em contato com a Passaredo através do SAC 0800 7703757 ou pelo emailsac@voepassaredo.com.br.

CONHEÇA AQUI O SITE QUE GARANTE DESCONTOS DE ATÉ 80% NA COMPRA DAS PASSAGENS AÉREAS

[/read]

Equipamento de auxílio à aproximação de aeronaves é instalado no Aeroporto da Pampulha

O funcionamento se dá a partir de sistemas óticos de luzes, visíveis a 5 milhas (8 quilômetros) durante o dia e até 20 milhas (32 quilômetros) à noite, que alternam entre as cores branca e vermelha para realizar a comunicação.

O Precision Approach Path Indicator (PAPI) já está em funcionamento na cabeceira 31 do Aeroporto de Belo Horizonte/Pampulha. A instalação foi realizada em conjunto com a Infraero, militares do Instituto de Cartografia da Aeronáutica (ICA) e do Parque de Material de Eletrônica da Aeronáutica do Rio de Janeiro (PAME/RJ).


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

As primeiras ações foram as vistorias e marcações dos pontos de referência do aeroporto, seguidas pelos serviços de topografia. O PAPI é um sistema de auxílio luminoso à navegação aérea, constituído por canhões de luz com focos calibrados, que tem por objetivo informar os pilotos sobre a altitude em que se encontra o avião durante o procedimento de aproximação.

O funcionamento se dá a partir de sistemas óticos de luzes, visíveis a 5 milhas (8 quilômetros) durante o dia e até 20 milhas (32 quilômetros) à noite, que alternam entre as cores branca e vermelha para realizar a comunicação. No dia 21 de janeiro deste ano a Gol iniciou voo com o Boeing 737-700 da Pampulha para Congonhas (SP) com escala na Zona da Mata.

“As luzes auxiliam o piloto durante a aproximação para o pouso, considerando uma descida ideal. É possível, então, que ele identifique se está acima ou abaixo desta trajetória ideal a partir da interpretação da sequência de cores das luzes” explica o coordenador de Segurança Operacional da Pampulha, Gerson Evangelista da Silva.

GARANTA AQUI SUAS PASSAGENS AÉREAS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/read]

Gol reduz de R$ 2 mil para R$ 392,39 valor das passagens de Juiz de Fora para a Pampulha

Redução ocorreu depois que o Tudo Viagem denunciou no dia 4 de fevereiro os preços abusivos praticados pela companhia aérea.

A Gol reduziu os preços das passagens dos voos sem escalas do Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, para o Aeroporto Regional da Zona da Mata, localizado a 47 quilômetros de Juiz de Fora. No dia 4 de fevereiro o Tudo Viagem mostrou com exclusividade que uma passagem entre as duas cidades, para viagem no dia 20 de fevereiro, custava R$ 1.999,96.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Nesta terça-feira (06/02) a companhia Gol reduziu o valor do bilhete para R$ 368.90 nos voos de Belo Horizonte para a Zona da Mata, e também, no sentido contrário. As taxas de embarques não estão incluídas. Quem for viajar na mesma data da Pampulha para a cidade de São Paulo (Congonhas), com uma parada na Zona da Mata, vai pagar R$ 186,90 (sem a taxa de embarque).

                                                             VALOR DA PAMPULHA PARA JUIZ DE FORA NESTA TERÇA-FEIRA

 

                                                              VEJA ABAIXO VALOR COBRADO NO DIA 4 DE FEVEREIRO DE 2018

 

ENTENDA O MOTIVO DA COBRANÇA

A Gol vende mais caras as passagens aéreas da capital mineira para Juiz de Fora pelo fato de o interesse ser na rota da Pampulha para Congonhas. A companhia foi obrigada no dia 22 de janeiro deste ano, quando começou a operar com o Boeing-737-700, com 138 assentos, a fazer uma parada em Juiz de Fora antes de seguir para São Paulo. São dois voos sem escalas para São Paulo com escalas na Zona da Mata.

Tudo isso ocorreu em função de uma portaria do Ministério dos Transportes e Aviação Civil que limitou os voos com jatos chegando ou partindo da Pampulha apenas para aeroportos regionais (com até 600 mil passageiros por ano). A venda das passagens no site da Gol está disponível até o dia 24 de março para embarque na Pampulha.

CONHEÇA A PLATAFORMA QUE VENDE PASSAGENS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/read]

Gol vende passagens dos voos de Juiz de Fora para a Pampulha por R$ 2 mil o trecho

Companhia começou a operar no aeroporto localizado na capital mineira no dia 22 de janeiro deste ano.

Uma passagem da Gol do Aeroporto Regional da Zona da Mata, localizado a 47 quilômetros de Juiz de Fora, para o Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, custa R$ 1.999,96. Esse valor é para embarque no dia 20 de fevereiro. O valor cobrado pela Gol é o equivalente ao custo de um bilhete para uma viagem para os Estados Unidos. Quem for viajar no dia 20 de fevereiro da Pampulha para São Paulo (Congonhas), com escala na Zona da Mata, vai pagar R$ 186,90.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

A Gol está cobrando quase R$ 2 mil por uma passagem de Juiz de Fora para Belo Horizonte por estar confiante de que nos próximos dias o Governo Federal volte a liberar voos da Pampulha para qualquer cidade brasileira. Com isso, poderá voltar de Belo Horizonte para Congonhas sem fazer escala na Zona da Mata.

PAMPULHA/JUIZ DE FOR POR R$ 1.999,90 PARA VIAGEM EM FEVEREIRO

PAMPULHA/SÃO PAUL,O PARA VIAGEM EM FEVEREIRO POR R$ 186,90

DECISÃO JUDICIAL

A Gol começou a operar na Pampulha com Boeing 737-700 com 138 assentos no dia 22 de janeiro deste ano. A autorização inicial dada pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) permitia que a Gol operasse dois voos diários e sem escalas da Pampulha para Congonhas. Acontece que uma semana antes da estreia desta rota o Ministério dos Transportes e Aviação revogou portaria e limitou os voos da Pampulha somente para aeroportos regionais (com até 600 mil passageiros por ano).

No site da Gol é possível comprar passagens da Pampulha para Congonhas para viajar até o dia 24 de março. Depois desta data os voos não estão disponíveis. Até essa data o Tribunal de Contas da União(TCU) e o Superior Tribunal de Justiça (STJ) devem “bater o martelo” sobre os processos que questionam a liberação de jatos na Pampulha.

CONHEÇA A PLATAFORMA QUE VENDE PASSAGENS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/read]

Gol suspende voos no Aeroporto da Pampulha por causa de impasse judicial

Painel_aeroporto Pampulha

Os passageiros que compraram passagens têm a opção de reembolso integral ou de remarcar os voos para Confins.

As operações da Gol do Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, estão suspensos entre os 5 de fevereiro e 26 de março. A companhia começou a ofercer voos para São Paulo (Congonhas) com escalas na Zona da Mata (Juiz de Fora) no dia 22 de janeiro deste ano. No site da Gol a venda das passagens está disponível até o dia 4 de fevereiro.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Os passageiros que compraram passagens para embarque na Pampulha a partir de 5 de fevereiro têm a opção de reembolso integral ou de remarcar os voos para Confins. Até agora a Gol não divulgou nenhum comunicado sobre a suspensão. A decisão da companhia tomada depois que o Tribunal de Contas da União (TCU) determinou a suspensão da portaria do Ministério dos Transportes e Aviação Civil que autorizava voos com jatos da Pampulha para qualquer destino nacional, inclusive capitais.

                                VEJA ABAIXO A SUSPENSÃO DAS PASSAGENS A PARTIR DE 5 DE FEVEREIRO

A Gol contratou 36 pessoas para trabalhar em sua base na Pampulha, além de investimentos em móveis e equipamentos eletrônicos para o balcão de atendimento aos passageiros. Até 25 de março o Tribunal de Contas da União vai decidir o mérito do processo que discute a liberação de jatos na Pampulha.
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) também vai analisar um processo da BH Airport que também questiona a liberação de jatos na Pampulha. O aeroporto estava sem receber jatos desde 2015, ano que acontece a transferência para Confins.

[/read]

Veja como foi o primeiro voo da Gol no Aeroporto da Pampulha

 

aeroporto Pampulha

Passageiros foram recebidos com festa por um grupo de empresários e apoiadores da volta de jatos no aeroporto de Belo Horizonte.

Os jogadores do time de vôlei Camponesa/Minas embarcaram na nesta segunda-feira (22/01) no voo primeiro voo da Gol para a cidade de São Paulo (Aeroporto de Congonhas) partindo do Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. A aeronave decolou às 9h25 para a capital paulista com 46 passageiros, mas antes fez uma escala no Aeroporto Regional da Zona da Mata, localizado entre as cidades de Goianá e Rio Novo.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

O voo da Gol pousou no Aeroporto da Pampulha às 8h55 desta segunda-feira com cerca de 30 passageiros, entre eles o presidente da Infraero, Antônio Claret de Oliveira. Todos os passageiros foram saudados com festa por um grupo apoiador da volta dos voos com jatos para as capitais. O Sindicato dos Aeroviários colocou uma faixa no saguão defendendo a volta dos voo com jatos na Pampulha.

A Gol vai oferecer dois voos da Pampulha para Congonhas com escala na Zona da Mata. A intenção da companhia era oferecer dois voos sem escalas da Pampulha para Congonhas, mas na semana passada o Ministério dos Transportes e Aviação Civil revogou uma portaria que permitia voos com jatos para todas as cidades brasileiras. A portaria atual permite voos com aeronaves de grande porte somente para aeroportos regionais (com até 600 mil passageiros por ano).

Os voos da Gol na Pampulha serão operados pelo Boeing 737-300 com 138 passageiros. O Aeroporto da Pampulha não recebe voos comerciais operados por jatos desde 2005, quando foi realizada a transferência das operações para o Aeroporto de Confins.

aeroporto Pampulha Presidente Infraero

aeroporto Pampulha

 

aeroporto Pampulha

FOTOS: JOÃO HENRIQUE HERINGER

VAI VIAJAR PARA SÃO PAULO OU OUTRO DESTINOGARANTA AQUI ECONOMIA NAS PASSAGENS AÉREAS

 

[/read]

Gol confirma voos com jatos na Pampulha e vídeo mostra montagem do check-in

 

O Boeing 737-700 da Gol deve pousar na Pampulha às 8h30 na segunda-feria vindo da Zona da Mata e passageiros serão recebidos com banda de música.

 

A Gol montou uma verdadeira foça tarefa para deixar tudo pronto para começar na segunda-feira (22/01) os voos jatos Boeing-737-700 para São Paulo (Congonhas) com uma escala no Aeroporto Regional da Zona da Mata, localizado nas cidades de Goianá e Rio Novo. Inicialmente os voos seriam sem escalas para a capital paulista, mas o Ministério dos Transportes e Aviação anulou uma portaria que limita os voos da Pampulha apenas para aeroportos regionais (com até 600 mil passageiros por ano).


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Os voos com jatos na Pampulha foram transferidos para Confins em 2005. A Gol vai usar em suas rotas o Boeing-737-700 com 138 passageiros. A Gol vai oferecer dois voos sem escalas e e diários da Pampulha para Congonhas com escala na Zona da Mata, conforme o Tudo Viagem antecipou com exclusividade na quinta-feira.

O Boeing 737-700 da Gol deve pousar na Pampulha às 8h30 na segunda-feria vindo da Zona da Mata. A aeronave será reciba com jatos de água do caminhão dos bombeiros do aeroporto. Além do batismo do avião, os passageiros serão recebidos com banda de música e vão ganhar camisetas com frase destacando a volta de jatos na Pampulha.

A decisão da Gol de lançar voos de Belo Horizonte para a Zona da Mata é amparada na portaria da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) que libera jatos na Pampulha para aeroportos regionais. Leia aqui sobre a portaria.

VÍDEO GRAVADO NESTA SEXTA-FEIRA

 

VAI VIAJAR PARA SÃO PAULO OU OUTRO DESTINOGARANTA AQUI ECONOMIA NAS PASSAGENS AÉREAS

[/read]

Gol inicia a venda de passagens da Pampulha para SP com escala em Juiz de Fora

Companhia conseguiu aprovação desta rota na Agência Nacional de Aviação Civil na próxima segunda-feira.

A Gol conseguiu uma alternativa para manter os voos com jatos no Aeroporto da Pampulha, a partir de segunda-feira (22/01). Em vez de lançar duas frequências sem escalas de Belo Horizonte para Congonhas (São Paulo), a aeronave fará uma escala no Aeroporto Regional da Zona da Mata, localizado entre Rio Novo e Goianá, antes de seguir para a capital paulista.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

voos gol Pampulha

A solução encontrada pela Gol não vai descumprir nenhuma decisão dos órgãos que regulam a aviação brasileira. O motivo é que há uma portaria da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) que permite que a Pampulha tenha voos com jatos. Entretanto, essa portaria da agência determina que os voos só podem ser para aeroportos regionais. São considerados regionais os aeroportos que têm até 600 mil passageiros por ano.

Os voos da Gol serão operados pelos Boeings 737, com capacidade para 138 lugares. A companhia já montou toda estrutura para operar na Pampulha. Na segunda-feira o primeiro voo será recebido com jatos de água do Corpo de Bombeiros e no saguão da Pampulha os passageiros serão recebidos com banda de música.

A suspensão dos voos causaria prejuízo para a Gol. Toda estrutura para atendimento dos passageiros, além do balcão do check-in, foi montada na Pampulha. A empresa também contratou funcionários para a Pampulha.

VAI VIAJAR PARA SÃO PAULO OU OUTRO DESTINO? GARANTA AQUI ECONOMIA NAS PASSAGENS AÉREAS

 

[/read]

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com