Hotel fazenda de Minas será o primeiro a receber hóspedes em isolamento

Para receber os hóspedes a partir de 1° de maio, todos os ambientes do Parque do Avestruz estão sendo higienizados e desinfectados.

O Parque do Avestruz Hotel Fazenda, localizado em Esmeradas, a 50 km de Belo Horizonte, será o 1° do Brasil a implantar um projeto para receber hóspedes em isolamento social.  O hotel tem uma mata preservada de mais de 25 mil metros quadrados, além de  cinco lagos. Dois contam com mais de 5 mil  peixes para a pesca esportiva. Além de ser uma forma de aliviar o estresse causado pelo coronavírus, sem colocar a sua saúde em risco, você poderá se hospedar com o seu pet desde que seja de pequeno porte.

Entre as atividades individuais que que poderão ser realizadas durante o isolamento estão a pesca esportiva, caminhadas,  passeio a cavalo,  visitas a fazendinha, cinema ao ar livre e atividades nas quadras de esporte. A liberação da hospedagem faz parte de um decreto assinado pela Prefeitura de Esmeraldas que flexibilizou o funcionamento das atividades comerciais. Uma das exigência é ocupação máxima de 50%.

O Parque do Avestruz estabeleceu várias regras para receber os hóspedes. Uma delas a presença de duas pessoas por cada apartamento, além da proibição do uso de de piscinas, saunas, academia e salão de jogos. Todas as refeições, inclusive o café da manhã, serão servidas individualmente, evitando o contato com os outros hóspedes. Uma nutricionista foi contratada para cuidar das refeições.

Para receber os hóspedes a partir de 1° de maio os funcionários do Parque do Avestruz estão sendo treinados. A higienização e desinfecção de todos os ambientes do hotel, dentro das normas do Ministério da Saúde, fazem parte deste treinamento. Durante todo o mês de maio uma ambulância ficará de plantão no hotel para atender casos de urgência. Uma enfermeira também ficará de plantão no estabelecimento.

Confira as regras

  • Todo atendimento de check-in e check-out será virtual.
  • As refeições serão servidas individualmente e respeitando o distanciamento recomendado.
  • Não será permitido o uso das piscinas, saunas, academia e salão de jogos.
  • Caminhadas ao ar livre serão permitidas individualmente ou com 01 acompanhante.
  • Qualquer atividade oferecida será individual ou respeitando o distanciamento recomendado.
  • Hóspedes e colaboradores terão que seguir os protocolos de segurança.
  • Nossos colaboradores também estarão em isolamento nas dependências do hotel, separados dos hóspedes.
  • Todos os apartamentos foram adaptados com dispensador de álcool em gel e passam por uma higienização especial com produtos de desinfecção e higienização hospitalar.
  • Toda produção e manipulação de alimentos será acompanhado por uma nutricionista que também estrará isolada nas dependências do hotel. Respeitando todos os protocolos de segurança alimentar.
  • As áreas comuns do hotel também passarão pelos protocolos de desinfecção e higienização recomendados.
  • Adotamos o processo de dupla higienização dos apartamentos e desativamos o serviço de arrumação diária, que ocorrerá de 03 em 03 dias, sem a presença do hóspede, respeitando os protocolos de segurança.
  • Após o check-out os apartamentos são colocados em quarentena de 72 horas.
  • Será permitido apenas 02 hóspedes por apartamento.
  • Acompanhantes apenas acima de 21 anos.

Assista ao vídeo do hotel

Acesse aqui o site do Parque do Avestruz Hotel Fazenda

Munhoz (MG) toma medidas para conter o novo coronavírus

A Prefeitura Municipal de Munhoz, desde o dia 17 de março, tem tomado todas a medidas necessárias ao combate da disseminação do CORONAVIRUS.

Inicialmente, foram suspensas as aulas nas escolas municipais e os atendimentos públicos por prazo indeterminado.

No Turismo, as pousadas foram orientadas para remanejarem as reservas de seus hóspedes para datas futuras ou emitirem vouchers para utilização futura das reservas feitas para os próximos dois meses.

Na sequência, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, iniciou uma barreira sanitária nas entradas da cidade a fim de identificar as pessoas que estavam circulando, verificar seu estado de saúde e orientar quanto aos procedimentos sanitários necessários para impedir a disseminação do Covid-19.

No último dia 23 de março, em ação coordenada pela Prefeitura de Munhoz e contando com a participação colaborativa dos comerciantes do município, foi realizado em duas etapas a desinfecção de vias e locais públicos das áreas urbanas da cidade e das áreas urbanas para eliminação de possíveis focos de disseminação do vírus.

Todas as medidas foram todas através da publicação de quatro decretos municipais que se encontram disponíveis no site da Prefeitura Municipal de Munhoz.

As medidas seguem até o momento, com abertura somente dos comércios essenciais, estando em concordância com as determinações do Ministério da Saúde para combater a pandemia e, respeitando assim, o Decreto do Estado de Minas Gerais, bem como da barreira sanitária nas entradas do município para orientação e identificação das pessoas que por ali passam.

Novo Chef confeiteiro é destaque na Pousada Pedras e Sonhos – (MG)

A Pousada Pedras e Sonhos tem um novo Chef confeiteiro: Cesar A. dos Santos, que leva para o loca tudo o que aprendeu da gastronomia nacional e francesa.

Com 20 anos de experiência, atuou em importantes empreendimentos, como o Hotel Vale Suíço em Itapeva, passando pelo Bourbon de Atibaia, e tendo boas participações no Hotel Fazenda Dona Carolina em Itatiba, até trabalhar em dois hotéis da rede Laghetto no sul do Brasil. O jovem chef confeiteiro, é casado, tem 39 anos e participou de grandes festivais gastronômicos. Na Pousada Pedras e Sonhos, vem com o desafio de inaugurar um novo momento da panificação e confeitaria dentro do estabelecimento, dando suporte também para a Pousada Jardim da Mantiqueira do mesmo grupo hoteleiro.

Croissant, cucas, tortas doces e salgadas são carro-chefe

César dos Santos faz alguns itens nos quais tem grande reconhecimento: croissant, tortas e cucas. “Os famosos Cupcakes estão entre os de maior sucesso”, conta ele, que é natural de Bragança Paulista, interior de São Paulo. É formado no Senac de Gramado – Rio Grande do Sul e já fez mais de 10 cursos de especialização na área de confeitaria e panificação.

Divulgação

A partir de abril, pretende realizar mensalmente produtos tematizados para transformar o café da manhã numa experiência única de excelência na cidade.

Sobre a Pousada Pedras e Sonhos

Localizada no distrito de Monte Verde, ar puro e mata exuberante são um convite para se integrar com a natureza da região, com temperaturas moderadas e um estilo arquitetônico que lembra os Alpes Suíços. Se hospedar na Pousada Pedras e Sonhos é uma oportunidade para acalmar o ritmo frenético das grandes cidades. A vista da imensidade montanhosa garante uma estada revigorante em um ambiente romântico.

Divulgação

Um recanto inserido em meio da natureza, o empreendimento possui cinco chalés em alvenaria equipados com banheira de hidromassagem dupla e uma decoração intimista. Ideal para momentos a dois, noites frescas acompanhadas de um bom vinho. O Chalé da Pedra é um dos mais especiais, feito totalmente de madeira, com uma varanda de 360º. Construído em cima da pedra e com uma vista indescritível, acomoda até quatro pessoas e dispõe de sala, cozinha e banheira de hidromassagem dupla.

Divulgação

Há melhor maneira de acordar que com a música dos pássaros? Pense em amanhecer na tranquilidade que a Serra da Mantiqueira te oferece, e se deleitar com as delícias feitas na hora pelo Chef César dos Santos. Você tomara um café da manhã único e artesanal com vistas para a natureza que circunda o lugar.

Mais informações – www.pousadapedrasesonhos.com.br

Texto por agência com edições de Natalia Bastos.

Nova gerente geral na Estalagem Wiesbaden -(MG)

A pousada mais icônica e admirada de Monte Verde (MG), a Estalagem Wiesbaden, anuncia a nova gerente geral: Camila Chianca de Albuquerque. 

A Estalagem Wiesbaden é a pousada mais buscada de Monte Verde. Localizada a 160 km de São Paulo, está inserida em uma área de 7 mil m² de bosque nativo com araucárias centenárias. Com uma decoração exclusiva, cada chalé é único, focado na hospedagem romântica e prioritariamente de casais. O jardim que a cerca é um dos mais belos da Serra da Mantiqueira e o café da manhã é um diferencial.

 

Administrada por Sylvia Falseti, a pousada acaba de anunciar a contratação de Camila Chianca de Albuquerque como nova gerente geral. A profissional é natural de João Pessoa, tem 31 anos e é formada em Turismo pela Universidade Federal da Paraíba. Iniciou a carreira na Pousada Favo de Mel e atuou sempre na área de hospedagem no Atlantic Flat, Solar do Atlântico e Aquamarine, todos empreendimentos da capital paraibana. Camila tem cursos de extensão em Economia Criativa, Marketing e Eventos e residiu por um ano no Porto, em Portugal, onde realizou o curso de Mobilidade Internacional no Politécnico do Porto, aperfeiçoando-se nas áreas de eventos, hospedagem e Alimentos e Bebidas.

Sylvia Falseti ressalta a importância do investimento em mão de obra altamente qualificada para melhorar gradualmente os serviços prestados na região. São poucos os empreendimentos que pensam na busca de novos gestores para atribuir novas ideias e tecnologias. Camila Chianca de Alburquerque afirma que “é com grande satisfação que sou acolhida na Wiesbaden para contribuir e colaborar com a empresa, atuando de forma hospitaleira e proporcionando aos clientes uma experiência turística diferenciada”.

Pensando no crescimento da demanda para 2020,  e comemorando 25 anos de atuação no mercado, o empreendimento anuncia a inauguração de mais dois chalés para o verão.

Rua Bem Te Vi, 459 – Monte Verde, Camanducaia (MG); Reservas e informações em: (35) 3438-1121 / www.wiesbaden.com.br

Texto por agência com edição de Natalia Bastos.

 

Verão refrescante na Suiça mineira: conheça Monte Verde!

Monte Verde, localizada a apenas 160 km de São Paulo e 470 km de Belo Horizonte, a cidade serrana mineira lembra vilarejos na Europa.

Apelidada de “Suiça Mineira” o distrito de Camanducaia é uma herança dos imigrantes europeus que chegaram à região do Pico do Selado, na Serra da Mantiqueira, na década de 1950. É um lugar romântico, com pousadas charmosas que oferecem excelente estrutura no sudoeste de Minas Gerais. As temperaturas no inverno podem atingir até menos 10°C sendo que é um lugar refrescante para passar o verão.

Monte Verde é uma das poucas cidades da região que você pode realizar um jantar romântico, nessa época de pré verão como um delicioso rodízio de fondue nas montanhas , ou ainda ao pé da lareira. O local convida a um banho de banheira em um chale aconchegante, bem decorado com roupas de cama de 800 fios e quentinho, bebendo um bom vinho.

À tarde o clima ameno convida o casal experimentar chocolates, chás, bolos, pão de queijo, doce de leite, geleias, cachaças artesanais e a tradicional torta de maçã, o Apfelstrudel. Tudo isso numa caminhada pela rua principal, o centrinho de Monte Verde, onde está tudo concentrado, além das ruazinhas perpendiculares que levam a restaurantes, à ou trilhas na mata. Aproveite e faça uma das trilhas que rasgam as montanhas esverdeadas e curta das maravilhas que a primavera oferece!

Conheça as pousadas mais especiais para a sua viagem:

Na Estalagem Wiesbaden você sentirá o perfume das flores e se relaxará com o canto dos pássaros. Cada detalhe da Estalagem complementa o charme da região!

A Morada das Nuvens faz com que você se sinta na sua casa, com um atendimento diferencial e uma vista panorâmica das montanhas que é todo um privilegio.

Como chegar? São 164 km de São Paulo via BR 381. De Belo Horizonte a distância aumenta para 484 km via mesma rodovia Fernão Dias.

Quando ir? Em julho acontece o famoso Festival de Inverno, mas as pousadas praticam preços mais elevados. De novembro a março, além da poeira não existir nas estradinhas de terra, os preços são mais convidativos e o clima menos agressivo. Uma primavera e verão refrescante nas montanhas da Mantiqueira.

Mais informações www.wiesbaden.com.br   e   www.moradadasnuvens.com.br

Serra da Canastra: aventura e natureza

São Roque de Minas se destaca por abrigar o Parque Nacional da Serra da Canastra, com a nascente do Rio São Francisco e a cachoeira Casca D’anta.

As belezas da Canastra é um passeio e tanto para quem tem espírito de aventura, com paisagens deslumbrantes onde predominam Campos de Altitude e o Cerrado. A fauna apresenta espécies endêmicas de anfíbios e répteis, população grande de mamíferos ameaçados como macaco sauá, gato palheiro, lobo guará, a raposa do campo, a lontra, a jaguatirica e o pato mergulhão. A Serra da Canastra é um mundo de águas e verdes paisagens.

Apesar do acesso à região ter sido facilitado ao longo dos anos, circular em carro de passeio por lá ainda reserva algumas dificuldades. A recomendação é hospedar-se em São Roque de Minas, principalmente na área central, e contratar um guia para realizar os passeios. Indicamos o guia Vicente Zacarias da Costa, o “seu Vicente”, que tem sua base de atendimento no Hotel Chapadão da Canastra. Ele é nativo, com mais de 30 anos de experiencia, é um profundo conhecedor da natureza da Canastra.

Piscinas exclusivas e café da manhã imperdível no Chapadão da Canastra

O Hotel Chapadão da Canastra é o local ideal para quem quer explorar as atrações da região. Unindo o rural e o urbano, com estrutura de hotel e aconchego de pousada, o empreendimento ocupa um terreno de 5.000 m² onde mais da metade é composta de exuberantes jardins e matas nativas. Bem na margem do Rio do Peixe, é possível encontrar pequenos animais silvestres e diversas espécies de pássaros.

 

O café da manhã é um verdadeiro show de quitutes da culinária mineira, com o famoso e tradicional queijo da Canastra, deliciosas pamonhas, o exclusivo João deitado, pãezinhos recheados, sucos naturais, e muito mais! O hotel oferece piscina adulto e infantil, hidromassagem aquecida e bar de piscina, salão de jogos, loja de artesanatos, lavanderia, videoteca, lan house, wi-fi gratuito e estacionamento gratuito. Para explorar toda a região, o Hotel Chapadão da Canastra oferece um veículo 4X4 – SW4 para passeios nos melhores e mais procurados roteiros da Serra da Canastra.

 

Vale percorrer as deslumbrantes estradinhas de terra e explorar as cachoeiras do Fundão ou Gameleira, com 90 metros de queda, formando um poço onde é possível nadar. Outra cachoeira que merece uma visita é a do Cerradão – 15 minutos de caminhada leve conduzem o visitante a uma piscina formada pela primeira das três quedas. Siga a placa para a ducha se quiser experimentar uma hidro natural. A da Parida, além de ter uma paisagem linda, é uma das menos visitadas do parque.

O terreno guarda ainda um sítio arqueológico com pinturas rupestres. Outras duas cachoeiras imperdíveis são as do Capão Forro e da Chinela. Todas essas têm taxas de entrada e pouca estrutura de serviços. Leve sempre água, lanches, frutas e barras de cereal, pois nos passeios você sempre sabe o horário de saída e sempre erra o horário de retorno.

São Roque é a capital da Canastra

São Roque de Minas é considerada a “capital” da Serra da Canastra, próxima a maioria das atrações e com maior oferta de meios de hospedagem e serviços. Localizado no centro da cidade, o Hotel Chapadão da Canastra oferece a melhor oferta de lazer da cidade. Possui um excelente parque aquático com uma hidromassagem climatizada e piscinas adulto e infantil, brinquedos para crianças, uma excelente área para bebericar uma cerveja geladinha e bar de piscina. A área fica rodeada pela mata ciliar e ao fundo corre o silencioso rio do Peixe.

Outro diferencial da Canastra é a produção exclusiva do queijo da Canastra, que hoje torna a região conhecida nacional e internacionalmente. A Aprocan – Associação dos Produtores de Queijo da Canastra, com sede em São Roque de Minas, tem por objetivo valorizar e divulgar para o Brasil e para o mundo essa iguaria reconhecida como Patrimônio Cultural do Brasil pelo Iphan e Iepha.

O queijo tipo Canastra teve sua origem lá na Serra da Estrela, em Portugal, chegando ao Brasil através da colonização. A receita dessa tradição resultou em um tipo de queijo que se tornou um dos mais famosos do mundo: sofrido na sua origem, romântico na sua trajetória, nobre em nuances, único em texturas e sabores, um verdadeiro sonho de consumo. Visitar toda a Rota do Queijo é quase uma obrigação.

Vale a pena visitar pelo menos três das mais de uma centena de propriedades locais que fabricam o delicioso Queijo da Canastra. Entre elas podemos destacar as seguintes: Queijaria Roça da Cidade: consegue unir tradições e modernidade em um local privilegiado na Serra da Canastra, ao lado do Parque Nacional que possui via de fácil acesso, com vista panorâmica da serra.

O visitante aprenderá todo o processo e acompanhará a produção dos queijos, além de poder degustar os produtos no local e comprar queijos para parentes e amigos. Fazenda Capão Grande: aos pés da Canastra e em meio a uma mata preservada, o casal Solange e Carlos Henrique são os principais responsáveis pela produção de queijos e administração da fazenda, que possui uma encantadora piscina de água natural.

Os visitantes podem se deliciar com um típico café da tarde mineiro sob encomenda, recheado de bolos, biscoitos, café, leite, suco, pão de queijo e, é claro, o famoso queijo da Canastra. Queijo do Ivair: juntamente com sua esposa Lúcia e família, Ivair, dono do Sítio Bela Vista, produz um dos melhores queijos da região, carinhosamente apelidado de brie da Canastra, pela sua semelhança com esse queijo francês. A aproximadamente 9 km do centro de São Roque de Minas, a queijaria possui estrutura moderna. O visitante pode degustar os queijos com vinho e comprar os produtos fresquinhos para levar. Há também a produção de manteigas especiais, tipo ghee.

Onde comer

Restaurante Velho Chico: com pratos exclusivos (utilizando o famoso queijo Canastra) e releituras da tradicional gastronomia mineira. Cozinha Original, da Chef Joanne Ribas: buffet com comida mineira numa área bem localizada bem em frente ao Paredão da Canastra, parte baixa do parque. Onde comprar Baú de Lendas: tem lojas de artesanatos em São Roque de Minas e Vargem Bonita. Onde ficar Hotel Chapadão da Canastra: tem para as férias diárias para casal a partir de R$ 350,00, com café da manhã e lazer completo. Mais informações e reservas pelo site www.chapadaodacanastra.com.br ou pelos e-mails hotel@chapadaodacanastra.com.br e hotelchapadaodacanastra@yahoo.com.br. Telefones: (37) 3433-1267 / (37) 3433-1526 / (37) 99911-5852 (Whatsapp)

Texto por agência com edição de Natalia Bastos

As imponentes igrejas de Caeté- MG

Surpreenda-se com o patrimônio arquitetônico e geográfico de Caeté: históricas igrejas, construções coloniais e vistas panorâmicas desde a Serra da Piedade.

Caeté é um município de Minas Gerais, que em tupi significa “mato verdadeiro”, e com razão. Com uma vasta vegetação, é um dos principais destinos para a prática de esportes de aventura e arvorismo. Historicamente, a cidade se contextualiza no ciclo do ouro, cujo testemunho é tangível nas imponentes igrejas de mais de 250 anos.  É o caso da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Bom Sucesso do século XVIII de estilo barroco-rococó.

Com uma altura de 1.746 metros, a 40 km de Belo Horizonte, se encontra a Serra da Piedade no município de Caeté.

A Serra da Piedade é sem dúvida, um passeio imperdível para quem vai visitar Minas Gerais, onde é possível contemplar de maneira instigante a história, a geografia e a astronomia. Em noites de lua cheia e eclipses, a Serra também é muito procurada, pois permite observar a atuação das estrelas em um céu límpido e nítido, sem poluição e sem o tradicional excesso de iluminação dos grandes centros urbanos. Os visitantes sobem até o topo impulsionados por motivações variadas, seja pela fé e busca de conforto espiritual ou ainda para admirar as belezas naturais. Você poderá ter uma vista panorâmica  e reconhecer desde as alturas algumas das cidades mais próximas.

O atrativo turístico se destaca pela igreja da Nossa Senhora da Piedade, com uma das primeiras obras do escultor popularmente conhecido como “Aleijadinho”,  Antônio Francisco Lisboa. O santuário é composto por uma igreja em estilo barroco, que apresenta em seu interior a padroeira de Minas Gerais e por este motivo, é palco de grandes procissões religiosas, que se penitenciam na íngreme subida da Serra.

A igreja destaca-se pelo seu audacioso projeto arquitetônico, que contrasta com a paisagem natural e nos transporta ao passado. Aproveite também para conhecer o Observatório Astronômico Frei Rosário.

 

Saiba qual cidade de Minas Gerais tem a passagem aérea mais barata

Maior valor é pago pelos passageiros da cidade de Governador Valadares, segundo levantamento realizado pela Agência Nacional de Aviação Civil.

Nos quatro primeiros meses de 2018 o valor médio das passagens aéreas pagas pelos brasileiros foi de R$ 354,81, conforme mostra os Indicadores do Mercado de Transporte Aéreo da ANAC. De janeiro a abril de 2017 o valor médio foi de R$ 360,45. Entre as oito cidades mineiras atendidas por voos regulares, o menor valor foi de Goianá, que fica na Zona da Mata, e que atende o mercado de Juiz de Fora. (Veja lista completa no final).


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Em Goianá o valor de janeiro a abril deste ano foi de R$ 363,62. Nos quatro primeiros meses do ano passado o preço médio das passagens foi de R$ 400,73. Entre as companhias que operam na Zona da Mata o menor valor foi praticado pela Gol: R$ 255,20. No ano passado o valor médio de janeiro a abril foi de R$ 309,24. Já o valor cobrado pela Azul passou de R$ 463,51 para R$ 517,66.

CONFIRA OS VALORES DE GOIANÁ DESDE 2011

O segundo menor valor foi registrado em Varginha onde apenas a Azul opera. O custo médio das passagens foi de R$ 363,66. Já os maiores valores foram pagos pelos passageiros de Governador Valadares (R$ 601,12), seguido por Ipatinga (R$ 575,89). Essas duas cidades são atendidas apenas pela Azul, motivo de os valores serem “salgados”. Acesse aqui a pesquisa completa da ANAC.

CONFIRA OS PREÇOS DAS PASSAGENS POR CIDADE

Governador Valadares: subiu de R$ 490,01 para R$ 601,12

Ipatinga: subiu de R$ 490,85 para R$ 575,89

Uberaba: subiu de R$ 476,93 para R$ 474,89

Montes Claros: subiu de R$ 403,18 para R$ 467,70

Araxá: subiu de R$ 351,08 para R$ 432,21

Uberlândia: caiu de R$ 371,92 para R$ 364,88

Varginha: subiu de R$ 323,74 para R$ 363,66

Goianá: caiu de R$ 400,73 para R$ 363,62

CONHEÇA AQUI O SITE QUE VENDE PASSAGENS AÉREAS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

 [/read]

Divinópolis tem a passagem aérea mais barata de Minas Gerais e Ipatinga tem o maior valor. Acesse a lista completa!

O valor médio das passagens aéreas faz parte dos Indicadores do Mercado de Transporte Aéreo criado pela ANAC.

Levantamento da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) mostra que os passageiros de avião de Ipatinga pagaram o maior valor em em janeiro deste ano (R$ 562,65) entre 11 cidades pesquisadas. A passagem mais barata foi paga pelo passageiros de Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas Gerais, onde a tarifa média no mesmo período custou R$ 252,60.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

A cidade de Uberlândia tem a segunda tarifa mais cara (R$ 542,76) mesmo com voos das companhias Azul, Gol e LATAM (novo nome da TAM). Governador Valadares vem em terceiro com o valor médio de R$ 520. (veja lista completa abaixo).

O valor médio das passagens aéreas faz parte dos Indicadores do Mercado de Transporte Aéreo criado pela ANAC. Essa ferramenta pode ser acessada online no site da ANAC.  O valor médio pago no Brasil em janeiro de 2018 foi de R$ 369,66.

Ainda segundo a pesquisa, o estado de Santa Catarina teve a menor a tarifa aérea em janeiro de 2018. O custo médio pago pelos passageiros do estado foi de R$ 314,17, seguido pelo Distrito Federal (R$ 322,06) e Minas Gerais (R$ 329,30). Os mineiros pagam menos que os cariocas e paulistas pelo fato de ter uma alíquota de ICMS que querosene da aviação de 11%.

Os passageiros de Roraima são os que pagaram o maior valor em janeiro de 2018 considerando os levantamento de todos os estados. Enquanto a média nacional foi de R$ 369,60, em Roraima o custo médio do bilhete foi de R$ 670,33. Em segundo lugar vem Rondônia com valor médio de R$ 630,50 e em terceiro o Acre (R$ 622,40).

Segundo a ANAC, o cálculo da tarifa média é feito de acordo com o valor pago por todas as pessoa que viajaram de avião em janeiro de 2018. O estudo leva em conta os preços das promoções e também dos preços pagos pelos passageiros de última hora.

CONFIRA A LISTA COMPLETA COM O VALOR MÉDIO DAS PASSAGENS EM MINAS GERAIS

Ipatinga: R$ 562,65
Uberlândia: R$ 542,76
Governador Valadares: R$ 520,00
Montes Claros: R$ 459,35
Araxá: R$ 438,00
Juiz de Fora (Goianá): R$ 421,72
Varginha: R$ 384,29
Uberaba: R$ 352,21
Confins: R$ 314,04
Belo Horizonte (Pampulha): R$ 278.10
Divinópolis: R$ 252,60
Brasil: R$ 369,66

FAÇA AQUI SUA COTAÇÃO E GARANTA ECONOMIA NA COMPRA DAS PASSAGENS AÉREAS

[/read]

No frio de Julho e Agosto, viaje pelas cidades de Minas Gerais

Minas Gerais é uma das 27 unidades federativas do Brasil, localizada na Região Sudeste do país, sendo o quarto estado com a maior área territorial e o segundo em quantidade de habitantes.

O estado também abriga a nascente de alguns dos principais rios do Brasil, o que o coloca em posição estratégica no que se refere aos recursos hídricos nacionais. Possui clima tropical, que varia de mais frio e úmido no sul até semiárido em sua porção setentrional. Todos esses fatores aliados propiciam a existência de uma rica fauna e flora distribuídas nos biomas que cobrem o estado.

O Tudo Viagem selecionou algumas cidades de Minas Gerais de diferentes regiões do estado.De norte a sul, encontramos uma grande diversidade de cultura e gastronomia, grande variedade de vegetação e, também, formas de linguagem variadas: Óia, Trem, Poita, Ocê.

Neste mês de Julho e Agosto, aproveite o clima frio para passear de norte a sul de Minas e conheça a receptividade mineira para com seus visitantes.E tudo “baratin”, quase de graça.

Hoteis em promoção

cidades de Minas Gerais

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliaçã de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Praça Liberdade, Pampulha, Mercado Central

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Basílica de Nossa Senhora da Saúde, Relógio Floral e Fonte dos amores

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Chapeu do Bispo, Platô e a Pedra redonda

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Parque do Sabiá, Teatro Rondon Pacheco,  Museu Municipal

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Centro histórico, Serra São José, Igreja de Santo Antônio

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Centro histórico, Igreja de São Francisco, Museu da Inconfidência

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Museu regional do Norte de Minas,Parque estadual e museu do Folclore

  • Preço por noite: entre R$0 e R$ 400
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Catedral Metropolitana, Morro do Imperador e Parque da Lajinha

  • Preço por noite: a partir de  R$ 640
  • Tauá Grande Hotel de Araxá
  • Pontos turísticos:Memorial e Museu histórico, Thermas

  • Preço por noite: a partir de  R$ 640
  • Avaliação de hóspedes: entre 3+,4+,5
  • Pontos turísticos:Pico do Ibituruna, Museu da cultura e Parque Natural Municipal

  • Preço por noite: a partir de  R$ 157
  • Hospedagem:hotéis e pousadas
  • Pontos turísticos:Cachoeira do tabuleiro, Parque Nacional e cachoeira Serra Morena

Não perca este trem,sô! Divirta-se!


Generic 468x60


desconto MaxMilhas

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com