Tudo viagem

Pampulha terá três voos sem escalas da Azul para o Rio de Janeiro

Uma ótima notícia para os mineiros e cariocas! A partir de 11 de maio a companhia Azul terá voos diretos do Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, para o Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Serão oferecidos três horários em cada sentido. Na última sexta-feira (20) o Tudo Viagem mostrou com exclusividade que a companhia Azul ai acabar na primeira semana de maio com todos os voos diretos que partem da capital mineira para quatro cidades do interior de Minas Gerais e Guarulhos, na Grande São Paulo. 

Os voos do Aeroporto da Pampulha para o Rio de Janeiro ainda dependem da aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Mas tudo indica que as novas frequências serão aprovadas. A Azul conseguiu parecer da Anac para iniciar em abril dois voos diretos da Pampulha para Vitória. Em maio a companhia começa a oferecer três frequências sem escalas de Belo Horizonte para Brasília. As passagens já estão sendo vendidas.
Os voos para o Rio de Janeiro serão operados no aviões turboélice ATR-72 com 70 assentos. Essa mesma aeronave fará a ligação da Pampulha com Vitória e Brasília. Pela norma da Anac, na Pampulha não é permitido pousos e decolagens de aeronaves que operam voos comerciais com mais 100 lugares, o que impede a Azul de usar os jato da Embraer.

O voo para o Santos Dumont promete ser um sucesso. O motivo é que o Aeroporto da Pampulha está localizado a 9,5 quilômetros do centro de Belo Horizonte, enquanto Confins fica a 41 quilômetros.

A Azul não tem slots disponíveis livres (autorização de pousos e decolagens) no Santos Dumont.

Para conseguir a aprovação dos voos da Pampulha para o Rio de Janeiro na Anac, a companhia vai cancelar os voos, três em cada sentido, do Santos Dumont para Brasília. A venda das passagens desta frequência já foi suspensa. Operam voos nesta rota as companhias Gol, TAM e Avianca.

COMO FICA A PAMPULHA
A partir de 11 de maio a companhia Azul vai reduzir de cinco para três o número de voos diretos da a Pampulha para Campinas. A companhia vai manter as frequências da capital mineira operadas aos sábados e domingos para Cabo Frio (RJ).

As cidades que vão perder voos a partir de 11 de maio são Governador Valadares, Ipatinga, Montes Claros, Uberlândia e Guarulhos. Todas esses destinos eram atendidos com dois voos em cada sentido. Com o fim desses voos, serão 10 pousos e 10 decolagens que a Pampulha perderá em maio.

A Azul informou que todos as pessoas que compraram passagens para embarque na Pampulha serão remanejados para os voos de Confins. Todos os destinos que vão ficar sem voos partindo de Belo Horizonte são atendidos com frequências diárias em Confins.


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Baixa temporada! Azul vai suspender 12 voos na Pampulha entre dezembro e janeiro

A companhia Azul vai reduzir o número de voos no Aeroporto da Pampulha entre 22 de dezembro e 1º de fevereiro de 2015. Esse período é considerado baixa temporária em função da queda no número de passageiros que viajam da capital mineira para o interior, e também no sentido inverso. Serão cancelados seis partidas e seis chegadas das cidades de Governador Valadares, Ipatinga, Uberlândia e Montes Claros.

Do Aeroporto da Pampulha para Governador Valadares a Azul oferece três voos em cada sentido. A partir de 22 de dezembro a empresa terá uma partida da capital as 21h35 e retornando da maior cidade do Vale do Rio Doce as 6 horas. Montes Claros tem três frequências para Belo Horizonte. A redução vai afetar o voo que parte 13h55 da Pampulha e que decola as 15h30 de Montes Claros.
De Ipatinga para Belo Horizonte a Azul vai reduzir de três para um voo em cada sentido. Já a cidade de Uberlândia vai perder apenas um dos três horários em cada sentido. Até agora os voos do interior de Minas para Confins não sofreram mudanças. O Aeroporto Regional da Zona da Mata tem três voos para Campinas. Entre 22 de dezembro e 1º de fevereiro a companhia Azul vai cortar um voo em cada sentido.
Segundo a Azul, os ajustes temporários em sua malha aérea são  em virtude da variação da demanda durante o verão. A partir de fevereiro de 2015 a companhia promete retomar os voos. A partir de 15 de setembro a Azul não terá mais voos diretos do Aeroporto Regional da Zona da Mata para Confins.
O Tudo Viagem apurou que as aeronaves que vão deixar de fazer os voos no interior de Minas serão usadas para reforçar os voos e para os fretamentos para regiões consideradas alta temporada, como o Nordeste.

Passagem por R$ 59 o trecho para compra até segunda! TAM lança tarifa por R$ 69 para Congonhas

Neste fim de semana as companhias Gol e Azul estão com uma
promoção que fica no ar até 8 horas de segunda-feira (19 de maio) com promessas
de passagens a partir de R$ 59. A TAM divulgou em seu site tarifas por R$ 69 o trecho
nos voos de Confins para Congonhas. Esse valor está disponível. A outra boa
notícia é que a TAM, pelo menos até agora, está vendendo passagens por R$ 59
nos voos de Confins para Vitória e de Campinas para Confins.

Nas três companhias os menores preços são encontrados para
viagem nos meses de junho, julho e agosto, exceto os dias de jogos da Copa do
Mundo e os feriados. Nos voos da ponte aérea Rio/São Paulo a TAM está com
tarifas a partir de R$ 89 e Gol R$ 98,90. A Azul colocou passagens por R$ 59
nas viagens do Santos Dumont para Campinas. Em Viracopos a Azul oferece ônibus
de graça para São Paulo.
A Gol terá a partir de 18 de julho seis voos do Santos
Dumont para Campinas, mesmo número no sentido inverso. Com passagens vendidas
por R$ 69,90, essas novas frequências foram lançadas pela Gol para concorrer
com a Azul. A Gol pretende lançar ônibus de graça de Campinas para São Paulo,
mas ainda não “bateu o martelo” sobre o assunto.
Nos voos de Confins para o Santos Dumont, e no sentido
inverso, a TAM tem o menor valor (R$ 79). Como sempre acontece, estamos de olho
para saber se Gol e Azul vão responder. As passagens nestas duas companhias de
Confins para o Rio na promoção custam R$ 85,90. De Confins para Guarulhos o
menor valor é R$ 59 na Gol e Azul.
A partir de 5 de junho a Azul terá voo direto de Confins para
Governador Valadares. Os preços são os mesmos antes da promoção (R$ 69,90). O Tudo Viagem tem recebido muitas
reclamações de internautas do Vale do Rio Doce. O motivo é que as passagens para
os meses de julho e agosto, na maioria das datas, custam mais de R$ 200.
                               Preço da Azul para viagem no mês de agosto

Estamos aguardando uma resposta da Azul. De Confins para o
Aeroporto Regional da Zona da Mata o menor preço é R$ 39,90. A companhia bem
que poderia colocar essa tarifa para atrair passageiros na nova rota de
Governador Valadares, uma forma de divulgar o ATR-72, com 70 lugares, que será
usado a partir de junho nesta rota.
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com