Veja como ficou o 1° Embraer da Amaszonas com nova marca

Atualmente a companhia boliviana Amaszonas tem em sua frota sete modelos CRJ-200 da Bombardier com 50 asasentos.

A Amaszonas Linhas Aéreas, companhia com sede na Bolívia, recebeu no dia 22 de agosto deste ano o seu primeiro jato Embraer 190 equipados com 112 assentos. A aeronave será usada nos voos da empresa de Santa Cruz de la Sierra para o Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu. Essas duas novas frequências serão iniciadas em 15 de dezembro deste ano e as passagens destas novas rotas já estão sendo vendidas.

O primeiro Embraer da Amaszonas está em processo de certificação pelas autoridades bolivianas de aviação. A aeronave está com a nova marcar da companhia que destaca o “Amas” em vermelho e o nome da Bolívia logo abaixo.  A companhia vai receber um segundo modelo 190 até o final do ano. Atualmente a Amaszonas tem em sua frota sete modelos CRJ-200 da Bombardier com 50 asasentos.

Os voos de Santa Cruz de la Sierra para o Rio de Janeiro (Galeão) serão operados às segundas, quartas e sextas. As decolagens serão às 6h20.  As decolagens da cidade boliviana serão às terças, quintas e domingos. As partidas serão sempre às às 21 horas em um voo de pouco mais de três horas.

A partir de 15 de dezembro a Amaszonas terá voo de Santa Cruz de la Sierra para Foz do Iguaçu, no interior do Paraná. As  decolagens serão às 4h40, às segundas, quartas e sextas, com pouso por volta das 5h50 em Santa Cruz de la Sierra. No sentido contrário as partidas serão às terças, quintas e domingos às 23h30 com chegada em Foz por vota de 2h40.

 

Faça aqui sua cotação e garanta passagens aéreas com descontos especiais

Terminal 3 de Confins começa a funcionar no dia 16 de setembro

O Terminal 3 do
Aeroporto Internacional Tancredo Neves, localizado em Confins (MG),
começa a funcionar na próxima quarta-feira (16 de setembro).
Batizado de “puxadinho”, o novo espaço terá capacidade para
receber até 4,3 milhões de passageiros/ano dos voos internacionais.
Somada à capacidade do Terminal 1 (já existente), o aeroporto
poderá processar mais de 14 milhões de passageiros por ano.

A transferência dos
voos para o Terminal 3 irá beneficiar também os passageiros de voos
domésticos. Com o início das operações no novo espaço, a BH
Airport, concessionária do aeroporto, começará a realizar
imediatamente obras de melhorias no Terminal 1, adequando-o para dar
mais conforto e comodidade aos usuários.

Atualmente, as
operações internacionais representam cerca de 4% do volume total de
passageiros, mas ocupam aproximadamente 40% das áreas de embarque e
desembarque do Terminal 1. O primeiro voo a ser operado no Terminal 3
será o da companhia aérea Aerolíneas Argentinas, com destino a
Buenos Aires, com partida prevista para às 5h45.

Atualmente, o
Aeroporto Internacional de Belo Horizonte opera voos regulares para
os seguintes destinos internacionais: Lisboa (TAP Portugal), Miami
(American Airlines e TAM), Cidade do Panamá (Copa Airlines) e Buenos
Aires (Aerolíneas Argentinas). Em novembro de 2015, está prevista
uma nova operação internacional para Orlando da Azul a partir de 16
de novembro deste ano.

Os passageiros que
utilizarem o Terminal 3 passarão a contar com 19 balcões de
check-in, três esteiras maiores e capazes de processar um maior
número de bagagens e um maior número de pontos de controle de
passaporte e alfândega, além de estacionamento exclusivo e próximo
ao Terminal, com a oferta de 400 novas vagas.

TRANPORTE

O transporte de
passageiros entre os terminais do aeroporto será feito por meio de
um serviço de ônibus gratuito oferecido pela BH Airport. – um
transfer. Os passageiros em conexão que chegarem ao Aeroporto
Internacional Tancredo Neves em voos domésticos deverão desembarcar
no Terminal 1 e se dirigir ao Terminal 3. Para isso, deverão
utilizar o serviço de transfer ou seguir pela travessia de pedestres
na área externa (cerca de 800 metros ou 12 minutos, em média, de
caminhada).

Já os passageiros
que desembarcarem de um voo internacional no Terminal 3 – e que
seguirem viagem em voo doméstico – devem retirar a bagagem, fazer
a verificação da Receita Federal e a conferência de passaporte no
Terminal 3. Na sequência, devem fazer o check-in do voo doméstico e
o despacho das bagagens no Terminal 1. A transferência entre os
Terminais 3 e 1 também pode ser feita por meio do transfer gratuito.
Os ônibus que saem do Centro de Belo Horizonte e das cidades da
Região Metropolitana farão uma parada no Terminal 3 para embarque e
desembarque.

Banner 728x90

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com