Gol vai incorporar em sua frota cinco Boeings 737-800 que eram da indiana Jet Airways

Segundo a Gol, as aeronaves vão atender a demanda de voos planejados pela companhia, principalmente durante o período de alta temporada nas rotas nacionais e internacionais.

A Gol vai incorporar em sua frota cinco aeronaves  Boeings 737-800 Next Generation, com 186 assentos, que pertenciam a Jet Airways, segunda maior cia aérea da Índia. A companhia deixou de operar em abril deste ano após acumular uma dívida de US$ 1,2 bilhão. As aeronaves já estão no centro de manutenção da Gol em Confins, na Grande Belo Horizonte, onde estão recebendo as cores e configuração dos assentos da companhia brasileira.

Segundo a Gol, as aeronaves vão atender a demanda de voos planejados pela companhia, principalmente durante o período de alta temporada nas rotas nacionais e internacionais. Nos meses de julho e agosto a Gol terá 2.320 voos extras em de 39 aeroportos operados pela empresa. Serão 400 mil assentos adicionais. A Gol é atualmente a companhia que transporta o maior número de passageiros no mercado doméstico.

Em março deste ano a Gol suspendeu os voos dos sete modelos Boeing 737-800 MAX. Essas aeronaves estão em Confins aguardando a liberação dos voos pelas autoridades aeroportuárias do Brasil e dos Estados Unidos. A suspensão ocorreu após acidente com esse modelo da Ethiopian Airlines que caiu logo após a decolagem do aeroporto de Addis Abeba, matando todas as pessoas a bordo. Esse modelo é o mesmo que teve um acidente semelhante com a Lion Air, da Indonésia, em outubro de 2018.

A LATAM recebeu neste ano dez modelos A320 com 174 assentos que eram usados pela Avianca Brasil. A companhia Azul também negociou dez modelos A320neo que faziam parte da frota da Avianca. A ampliação da frota está possibilitando a criação de novas rotas pela Azul e LATAM.

Vai viajar? Faça aqui a sua cotação e garanta descontos na compra das passagens aéreas

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com