Voos regionais para Caratinga, Teófilo Otoni e Patos de Minas têm as maiores taxas de ocupação

Desde 2016, quando o projeto foi lançado,  o Voe Minas Gerais transportou 21.638 passageiros.

Os passageiros de Caratinga e de Teófilo Otoni são os que mais usam os voos do projeto Voe Minas Gerais. Um dos motivos do sucesso destas linhas é o medo de acidentes na BR-381, a “rodovia da morte” que liga Belo Horizonte a Governador Valadares.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Os voos que chegam ou decolam de Caratinga têm taxa de ocupação média de 72,6% e dos de Teófilo Otoni a taxa é de 64,5%. Parte do trajeto rodoviário de Belo Horizonte para as cidades de Caratinga e Teófilo Otoni é feito pela BR-381. Teófilo Otoni é o destino mais procurado, com 4.872 passageiros transportados.

O Voe Minas Gerai foi lançado em agosto de 2016. O projeto oferece voos para cidades do interior partindo do Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. A taxa média de ocupação dos voos é de cerca de 60%. O valor dos bilhetes varia de R$ 130 a R$ 700 (média de R$ 335), de acordo com a distância percorrida. Desde seu lançamento, o Voe Minas Gerais transportou 21.638 passageiros.

Os voos são operados pela TWO Flex. A empresa tem em sua frota 18 Grand Caravan, aeronaves turbo-hélice de asa alta com capacidade para transportar 9 passageiros. As cidades atendidas são Araçuaí, Araxá, Belo Horizonte, Caratinga, Diamantina, Guaxupé, Manhuaçu, Nanuque, Paracatu, Passos, Patos de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Varginha e Viçosa.

AS CIDADES COM AS MAIORES TAXAS DE OCUPAÇÃO

Caratinga: 72,6%

Teófilo Otoni: 64,5%

Patos de Minas: 44,2%

Diamantina: 43,9%

Manhuaçu: 41,5%.

CONHEÇA AQUI O SITE QUE VENDE PASSAGENS AÉREAS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

[/read]

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com