Minas Gerais é o segundo estado mais procurado pelos turistas no país

Minas Gerais é o segundo estado mais procurado pelos turistas no país

Minas Gerais está atrás somente de São Paulo. Com o aquecimento do turismo, 100 mil empregos foram criados no território mineiro entre maio de 2021 e agosto de 2022.

Minas Gerais é destaque no turismo nacional. Em 2021, o estado foi o segundo mais procurado para viagens e o quinto com o maior gasto total em rotas no país. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em parceria com o Ministério do Turismo. Dentre os destinos mais procurados, destacam-se os distritos de Monte Verde (Camanducaia, no Sul de Minas) e de Lavras Novas (Ouro Preto) e a Serra do Cipó.

Ainda de acordo com a pesquisa, as viagens realizadas para Minas Gerais representaram 11,4% das nacionais, ficando atrás apenas de São Paulo (21%). Minas mantém a posição e participação na distribuição desde 2020, onde também ocupou a segunda colocação.

Para o secretário Leônidas Oliveira, a alta na procura é fruto de uma gestão estadual eficiente, comprometida com o avanço do turismo, setor que impacta e movimenta toda a cadeia produtiva. “Minas se destaca por seu povo hospitaleiro e sua enorme riqueza cultural. O turismo é uma forma de propiciar experiências e incentiva os pequenos negócios e a economia criativa, além de impulsionar investimentos locais. Como resultado, gera emprego, renda e estimula setores importantes da economia”, explicou.

A partir do lançamento do Programa Reviva, da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult-MG), iniciado em maio de 2021, Minas Gerais criou, até agosto de 2022, segundo os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), aproximadamente 100 mil novos empregos no setor de turismo.

Também de acordo com o IBGE, em julho e agosto de 2022, Minas foi o segundo estado que registrou o maior crescimento no Índice de Atividades Turísticas, com 45,3%. Nesse mesmo caminho, o setor de turismo cresceu 45,2% no primeiro semestre, registrando alta acima da média nacional, que foi de 25,9%.

(Visited 15 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com