Viagens de carro serão as mais procuradas quando tudo isso passar

Viagens de carro serão as mais procuradas quando tudo isso passar

Para evitar riscos ou inconvenientes durante o trajeto é importante que o automóvel esteja com tudo em ordem.

Quanto tudo isso passar, vamos viajar. Talvez esta seja a afirmativa mais usada durante este período de isolamento social. Isso significa que as pessoas estão muito ansiosas para voltar a fazer viagens e, segundo especialistas, as mais procuradas serão para cidades mais próximas das residências. Portanto, o automóvel deverá ser o principal aliado do viajante.

Será o momento de planejar roteiros e despesas para curtir um momento de lazer sem preocupações. Mas para evitar riscos ou inconvenientes durante o trajeto, é importante que seu automóvel esteja em ordem.

Preferência por viagem de carro – foto: Pixabay

De acordo com o chefe de oficina, Rogério Pedrosa, fazer o check-up antes de uma viagem não só evita imprevistos, como ainda pode ajudar na economia de combustível e melhorar o desempenho do veículo.

“Existe uma lista de itens importantes a serem checados antes de cair na estrada, mesmo para quem segue a rotina de manutenção recomendada pela fábrica. A revisão não deve ser feita na véspera, já que se houver necessidade de substituição de alguma peça, muitas vezes é impossível fazer isso de um dia para o outro”, explica.

SEM DESGASTES

Desgaste, calibragem, balanceamento e alinhamento dos pneus, luzes do farol e dos freios, além de níveis de água do radiador e dos limpadores, podem ser conferidos pelo próprio motorista.

É importante ressaltar que mesmo que todos os procedimentos feitos no veículo estejam em dia, é importante levar o carro até uma oficina mecânica. As rodovias, diferentes das cidades, exigem mais performance e equilíbrio do veículo, já que há a necessidade de manter uma velocidade maior por mais tempo, além de possuírem trechos mal conservados, que podem danificar a suspensão.

O mecânico alerta: “verifique principalmente os fluidos do carro, nível do óleo, filtro de ar, os freios, suspensão e a parte elétrica”, salienta. Segundo ele, a calibragem também é importante para o equilíbrio do carro e até mesmo para contribuir com a economia de combustível, além de essencial para garantir a boa performance dos pneus.

PARTE ELÉTRICA

Para viajar com segurança, é importante também fazer um check-up na bateria, no motor de partida, no alternador e em todas as lâmpadas e fusíveis do carro.

“Lembre-se, você pode pegar uma serra com neblina ou estrada em dia de chuva. O carro é um sistema que funciona em conjunto, e o mau funcionamento de circuitos elétricos ou mecânicos podem prejudicar o desempenho do veículo”, alerta o especialista.

Para ter uma viagem tranquila e segura, o ideal é ter no veículo os itens básicos de segurança, como o macaco, triângulo e a chave de roda – todos funcionando perfeitamente.

“Por serem usados apenas em uma emergência, é comum que eles fiquem esquecidos, por isso verifique antes de sair de casa como está a situação dessas peças. Os cintos de segurança também devem ser testados, principalmente os traseiros – que costumam ser pouco usados no dia a dia, já que nem sempre há passageiros no banco de trás”, observa.

Além da manutenção preventiva, a prudência ao volante também é importante, lembra Pedrosa. “Em época de férias, as estradas estão mais cheias e com motoristas que não possuem tanta experiência com o tráfego intenso. A direção cuidadosa e paciente evita surpresas e acidentes, e torna as férias muito mais prazerosa”, ressalta.

VELAS X CONSUMO

Já o consultor de Assistência Técnica da NGK, Hiromori Mori, salienta que os motoristas devem ficar atentos à manutenção das velas de ignição. Para ele, a análise do componente permite detectar diversos problemas. “A aparência da vela diz muito sobre o estado do motor. Apenas por meio de uma inspeção visual é possível diagnosticar o uso de combustível de má qualidade e infiltração de óleo e de fluido de arrefecimento na câmara de combustão, por exemplo”, explica.

Velas de ignição que não funcionam de maneira adequada podem causar falhas no motor, dificuldades na partida, aumento no consumo de combustível e do nível de emissões poluentes.

Itens de desgaste natural, as velas de ignição nem sempre tem seu funcionamento irregular percebido pelo motorista e, por isso, a revisão periódica é tão importante. “Os motores atuais estão cada vez mais tecnológicos e preparados para trabalhar em condições adversas, especialmente quando há início de falha. Quando o dono do carro percebe que há algo errado, é sinal de que ele já ocorre há algum tempo”, afirma o especialista.

Outra vantagem da revisão preventiva é a economia. Velas com desgaste excessivo podem reduzir a vida útil de outros componentes como cabos, bobinas, transformadores, tampa do distribuidor, rotor e catalisadores. Além disso, o custo da manutenção corretiva de modo geral é mais alto do que a preventiva.

Os fabricantes sugerem a inspeção das velas a cada 10 mil quilômetros ou conforme recomendação da montadora.

(Visited 35 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com