Azul vai voltar a operar voos em Divinópolis após Infraero anunciar gestão do aeroporto

A  Azul vai usar em Divinópolis o ATR-72 com 70 assentos e os voos serão diretos para Campinas, principal centro de distribuição de rotas da companhia.

A companhia Azul pretende retomar em breve os voos comerciais na cidade de Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas. O aeroporto está com as operações suspensas desde maio de 2018, quando a Socicam deixou o terminal por causa do atraso nos pagamentos pela Prefeitura de Divinópolis, que ainda tem a gestão do terminal. A Azul terá voos três vezes por semana e a operação será das 8 às 18 horas. O início da data dos voos depende de uma liberação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Na próxima segunda-feira  (10/6) será assinado o contrato de gestão e operação do Aeroporto Brigadeiro Cabral, em Divinópolis. A cerimônia acontecerá às 14h, no saguão central do terminal de passageiros do aeroporto mineiro, e contará com as presenças do diretor de Negócios Comerciais da Infraero, Thiago Pereira Pedroso, do prefeito da cidade, Galileu Teixeira Machado, dentre outras autoridades federais, estaduais e municipais.

A gestão e operação do Brigadeiro Cabral é fruto de contrato firmado entre a Infraero e a Prefeitura de Divinópolis. A gestão da Infraero será de 12 meses, prorrogável por mais 60.  A Infraero será responsável pela gestão do aeroporto, incluindo os serviços Agentes de Proteção de Aviação Civil (APAC), fiscalização das áreas do terminal de passageiros, bem como da pista de pousos e decolagens, pátio e taxiways durante o atendimento de embarques e desembarques de passageiros.

A  Prefeitura de Divinópolis ficará responsável pela limpeza e conservação, vigilância e manutenção, bem como, os serviços de água, luz e telefonia e demais investimentos necessários. O contrato também prevê a participação de cinco empregados, três APACs e dois fiscais de pátio devidamente habilitados, conforme regulação vigente para a execução dos serviços.

 O terminal de passageiros do Brigadeiro Cabral conta com 220 m², já o pátio de aeronaves dispõe de 21 mil m². A pista de pousos e decolagens conta com 1.540 m x 30 m; a taxiway A tem 150 m x 22,5 m, e a taxiway B com 220 m x 22,5 m. A  Azul vai usar em Divinópolis o ATR-72 com 70 assentos e os voos serão diretos para Campinas.

Nota da Azul

A Azul comemora o desejo da Infraero de assumir a gestão e operação do Aeroporto Brigadeiro Cabral, em Divinópolis (MG), e ressalta que vai acompanhar o cronograma de execução das adequações no aeródromo após a assinatura do contrato. A Azul reitera o desejo de voltar a operar na cidade em um prazo de 60 dias após a solução dos problemas de infraestrutura, conectando Clientes de Divinópolis a toda a malha da empresa, que é a maior e mais extensa do país.

 

Pretende viajar? Garanta aqui descontos na compra das passagens aéreas

 

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com