Tudo viagem

Saiba como Porto Seguro conseguiu atingir a marca de 1,8 milhão de turistas

A cidade, localizada no Sul da Bahia, tem sido referência para outros destinos, por conta de sua atuação no enfrentamento à pandemia.

O município de Porto Seguro é considerado hoje o maior polo de turismo de lazer do Brasil e isso só foi possível graças a atuação incansável da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur). E os números desse trabalho são impressionantes. Para se ter uma ideia até 1996, o destino recebia cerca de 400 mil turistas por ano. Já em 2019 atingiu a marca de 1,8 milhão de visitantes, um aumento equivalente a 350%.

Essa ascensão de Porto Seguro é resultado do processo de profissionalização constante e da atuação constante nos mercados emissores de turista e hoje, a Secretaria de Cultura e Turismo de Porto Seguro tem uma atuação maior do que muitas Secretarias estaduais e até de algumas capitais. Nas últimas quatro gestões municipais, as ações de Turismo foram comandadas por um velho guerreiro do setor, Paulo César Magalhaes, o PC, como é conhecido. Atuante há 24 anos à frente do turismo de Porto Seguro, PC também já foi diretor do Grupo Hills e do Grupo Porto Seguro de Hotéis.

Paulo César Magalhaes, o PC durante a campanha de retomada do turismo de Porto Seguro

E mesmo às vésperas de deixar a Sectur, PC continuou o trabalho de prospecção do destino, para que Porto Seguro se tornasse referência no Turismo Nacional e Internacional. E o resultado pode ser acompanhado não só pelo número de turistas desta temporada, como também no número de voos regulares e fretados, que hoje é o maior número entre todos os destinos do Brasil.

Mas não é só isso! PC é um exímio frequentador dos principais polos emissores, cidades como São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Interior de São Paulo, Goiânia, Brasília, Porto Alegre, entre outras, além dos principais eventos do segmento, como Abav, Aviesp, Festuris, oportunidade que faz contato com as companhias aéreas, Operadores, imprensa, entre outras dezenas de ações.

Durante o período de Pandemia, quando a cidade esteve fechada por cem dias, PC comandou a equipe da Sectur na elaboração do Programa Porto Mais Seguro, que estabeleceu os protocolos e configurou o programa de ações de retomada da cidade, que ocorreu a partir de julho de 2020.

Além disso articulou, pessoalmente, com os gestores das empresas aéreas o retomada dos voos, que voltariam a trazer turistas pra cidade, no segundo semestre e, principalmente, verão 2020/2021. E foi além, com conversas junto a Embratur e Ministério do Turismo, para conseguir apoios, principalmente na Retomada do Turismo local.

PORTO MAIS SEGURO

A cidade, localizada no Sul da Bahia, tem sido referência para outros destinos, por conta de sua atuação no enfrentamento à pandemia, com o Programa Porto Mais Seguro. Por meio dele, além dos protocolos, foi criado um Selo, que toda a rede de atendimento ao turista, incluindo hotéis e pousadas, restaurantes e empresas de passeios, precisam ter para a reabertura e o funcionamento. Para adquirí-lo, cada empreendimento deve passar por uma vistoria da Vigilância Sanitária.

O programa é um dos mais completos quando se fala sobre protocolos sanitários para evitar a propagação dos casos de Coronavírus e contou com o bom desempenho de diversas secretarias, que nem durante a quarentena interromperam suas atividades, como foi o caso da Sectur e da Saúde. Por essas iniciativas e por outras diversas é que Porto Seguro é um case de sucesso.

E mais do que isso, tem servido de inspiração para outros destinos turísticos. Só durante este ano, além de palestras presenciais, PC realizou ainda lives sobre Porto Seguro e sua atuação frente à Sectur, dividindo assim seus conhecimentos com muitos gestores.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com