Tudo viagem

Parque Estadual da Serra do Mar ganha novo site

O Parque Estadual Serra do Mar (PESM) acaba de ganhar um novo site. A nova home reúne os núcleos, além de fotos e um canal direto para contato e informações. Os internautas poderão agendar pelo site suas visitas, consultar atividades de interesse, ficar por dentro da programação e conhecer as características de cada Núcleo.


 O site faz parte de um projeto desenvolvido especialmente para o parque no âmbito do Programa Serra do Mar, que contempla ainda, ferramenta para comunicação interativa e sinalização das estruturas de Uso Público de todos os Núcleos do parque, estando estas ações ainda em fase inicial de implantação. 

Para o diretor da Fundação Florestal, Luis Fernando Rocha, esta nova ferramenta digital interativa e moderna vem para apoiar a divulgação de todas as belezas e o trabalho desenvolvido nos 10 núcleos do PESM.  “Este site é um presente destinado a todos que amam e usufruem a Mata Atlântica, de forma consciente e sustentável. Nele, estão concentrados toda a biodiversidade, as pesquisas científicas já concluídas e em andamento; as trilhas, os atrativos, o entorno e muito mais.”
Criado pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente, em 30 de agosto de 1977, o PESM abrange 25 municípios paulistas, desde o Litoral Norte até o Litoral Sul, formando o maior corredor de biodiversidade da Mata Atlântica do país. Além da flora, esta Unidade de Conservação viabiliza a preservação de espécies da fauna que necessitam de grandes territórios para sua sobrevivência, como a onça pintada.

Com 332 mil hectares, o parque é dividido em dez núcleos administrativos, administrados pela Fundação Florestal, onde cada um tem características específicas de paisagens, biodiversidade, interação social e preservação ambiental. Além da função de preservar a Mata Atlântica, o PESM também abre suas portas para a visitação pública, com diversas opções eco turísticas, com foco na educação e sensibilização ambiental.
Desta forma, é possível vivenciar a natureza em sua plenitude, caminhando por trilhas, observando espécies da fauna e da flora, mergulhando em rios de água cristalina e praias paradisíacas. Alguns núcleos proporcionam também a oportunidade de conhecer as culturas caiçara e quilombola. 

ACESSE AQUI O NOVO SITE

(Visited 5 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com