Companhia Alas do Uruguai recebe primeiro Boieng e lança site

A companhia Alas Uruguai pretende iniciar em abril voos
para Assunção, no Paraguai. Com o slogan “Uruguai volta a ter asas”, a
companhia pretende ocupar os espaços deixados pela Pluna, empresa que deixou de
operar em junho de 2012. O site da companhia já está no ar, mas ainda não é possível
comprar as passagens.

Os outros destinos da Alas são Buenos Aires e
Santiago, Córdoba, São Paulo e Rio de Janeiro. Mas para receber autorização das
autoridades brasileiras para operar o novo grupo terá que resolver as pendências
deixadas pela Pluna. Em 2012 centenas de passageiros que compraram passagens no
Brasil não conseguiram embarcar nos voos da Pluna.
No Aeroporto Internacional de Carrasco, em Montevidéu, já está o
Boeing-737-300 com 134 assentos. A aeronave veio da Ucrânia. A pintura do avião
feita em Porto Alegre. Nos próximos dias a Alas recebe o segundo Boeing. A frota
inicial será de três aeronaves. No dia 11 de março  aeronave foi batizada em Montevidéu. (Veja foto)
EQUIPE
A intenção dos executivos da Alas e do Governo do Uruguai,
que participa da criação da companhia, era usar os jatos Bombardier, com 96
assentos, que faziam parte da Pluna. O Boeing-737-300 foi escolhido por ter
capacidade de transportar mais passageiros, mais carga, além das facilidades
oferecidas pela fabricante norte-americana na troca por modelos mais novos.
A empresa contará com 225 funcionários entre pilotos, tripulantes,
equipe de manutenção, técnicos e outros funcionários, a maioria fazia parte do quadro
de empregados da Pluna.
     CONFIRA O MAPA DE ROTAS


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com