A primeira viagem internacional está chegando

*Léo Avelino

Se você sonha em fazer o seu primeiro voo internacional e passar por um free shop, a hora é agora. Além do câmbio valorizado, há no mercado várias opções de destinos para todos os gostos e bolsos. A primeira dica é comprar com antecedência. Escolha datas que não são especiais (como feriados) e aguarde uma promoção. Há promoção para praticamente todos os destinos do mundo. Normalmente, as companhias aéreas sediadas no país que você pretende ir oferecem as melhores tarifas.

A escolha do destino

Quanto mais longe é o destino que você pretende conhecer, mais cara deve ser a passagem e o custo de vida no local.
Por exemplo: Se ir para Buenos Aires custa x, para os Estados Unidos custa 2x, para a Europa 3x e para a Oceania 4x. A conta não é tão simples, mas serve de referência.
Outra dica importante da escolha do destino é procurar saber qual a principal atração do local e a data certa para ir. Um país em que uma das atrações é a neve, por exemplo, não deve ser visitado no verão. Se a escolha for o Caribe, fuja dos meses em que há risco de furacão. O frio extremo da Europa e dos Estados Unidos são desconfortáveis e desanimadores para nós, de país tropical. Claro que pode sair tudo bem, mas vai que acontece… é melhor se prevenir !
E a última dica básica para quem quer viajar pagando pouco: quem quer muito conforto, fica em casa. Comida boa e farta igual a gente tem no Brasil, não há em nenhum outro país.

Argentina

Se você busca preço, indiscutivelmente, a melhor opção é Buenos Aires. Você não precisa de passaporte, a nossa moeda é valorizada frente ao Peso (1 peso = R$ 0,40), a viagem não é longa (pouco mais de 3 horas de voo), a lingua é fácil de arranhar e tem muitas atrações o ano todo. A cultura, os prédios e espaços públicos parecem com os da Europa. Buenos Aires tem ótimos restaurantes que oferecem carnes especiais e muito vinho. Para quem gosta de comprar, há boas ofertas em artigos de couro e materiais esportivos. O transporte público é bom e barato. Cinco dias em Buenos Aires são suficientes. Claro que o país oferece vários destinos turísticos, mas estamos falando da primeira viagem, né? As passagens aéreas têm bons preços e sempre há promoções para quem tem milhas.

Chile

Santiago é outra boa opção. Também não precisa de passaporte. É mais sofisticado que Buenos Aires, mas bem mais caro também. Quem vai a Santiago pode conhecer, na mesma viagem, Viña Del Mar e Valparaiso e as famosas estações de esqui, como o Valle Nevado. Restaurante bom é o que não falta. Os pescados são as principais atrações gastronômicas. Outro passeio interessante é conhecer uma vinícola. Tirando os vinhos, nenhum produto industrializado é muito mais barato que aqui.

Se você pretende ir mais longe, vai precisar de passaporte, que custa quase duzentos reais e, em alguns países, o visto, que também custa caro e, às vezes, tem que se tirado no Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. Selecionamos outros destinos muito procurados por brasileiros:

Caribe

Quem ama praia tem que conhecer! A cor da água é coisa mais linda. Algumas praias são artificiais, mas não deixam de ser encantadoras e de merecer a nossa visita. Cancun, Aruba e Punta Cana são as mais conhecidas. São destinos porque o principal público são os norte-americanos, então, tudo é em dólar. Uma dica boa de economia são os hoteis All inclusive, onde você come e bebe à vontade, mas nada tão bom quanto no Brasil. Arroz e feijão então, nem pensar…

Estados Unidos

É lá que o mundo inteiro se encontra. Ir para os Estados Unidos é o sonho da maioria das pessoas, mas se você não gosta de muita gente na rua, barulho e compras, não vá a Nova York nem a Miami. Se você é daqueles revoltados com o capitalismo e contra as grandes corporações, também não vá, porque lá são eles que mandam mesmo. Apesar da fama, as praias são muito piores que as nossas. Coitada de MIami Beach perto de Fernando de Noronha.

Europa

A Europa tem todo um charme e uma cultura indescritível. Nada mais chique que ir a Paris, Londres e outras. Mas se você não tem a vontade de visitar museus e conhecer um pouquinho de história, não faça sua primeira viagem internacional para lá.

Austrália

Eu não ia citar a Oceania como uma boa opção para a primeira viagem internacional, mas como muita gente vai para a Austrália logo de cara, principalmente para fazer intercâmbio, tenho que dar uma palavrinha sobre o extraordinário país. É tudo de bom. É a cultura inglesa com a modernidade Americana. Primeiríssimo mundo. Por ser um país muuuito grande, como o Brasil, você tem que escolher bem o que pretende conhecer. Por exemplo, quem vem ao Brasil pela primeira vez não pode conhecer Porto Alegre, Rio, São Paulo, Salvador e Fortaleza em uma viagem só. As distâncias lá são bem parecidas com essas. Mas é incrivelmente interessante.

Então, escolha o destino que mais pareça com você e planeje. Viajar bem é viajar para lugar interessante, gastando pouco e aproveitando muito.
Com a colaboração do consultor Léo Avelino.

*Léo Avelino é um dos colaboradores do Tudo de Viagem, e editor chefe do Hoje Em Dia, da Record Minas.

(Visited 10 times, 1 visits today)

Um comentário em “A primeira viagem internacional está chegando

Deixe um comentário

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com