Azul terá passagem mais barata para o passageiro que não despachar bagagem

A franquia de bagagens de 23 quilos nos voos domésticos da companhia será mantida, sem aumento mantendo os preços das tarifas

A companhia Azul acaba de divulgar que terá opção de tarifa – que será introduzida gradativamente para os mercados onde a empresa opera no Brasil, a partir da próxima terça-feira (14/3) – com preços reduzidos para quem não despacha bagagens.

Além disso, passa a valer a regra para embarque com bagagens de mão de até 10 quilos em todos os voos da Azul.

13681006_10153605968722234_3296378438436914705_n

Entenda como funcionarão as tarifas da Azul nos voos domésticos

Agora, as passagens da Azul estarão classificadas em duas categorias: a “MaisAzul” e a “Azul”.

A categoria MaisAzul mantém a prática tarifária atual, incluindo franquia de 23 kg de bagagem e sempre estará disponível para compra. E, ainda, o Cliente poderá levar o dobro do peso que levava antes na bagagem de mão.

Ao optar pela categoria Azul, que é a nova opção, o Cliente pagará mais barato pela passagem na comparação com a tarifa MaisAzul e poderá escolher pela compra ou não do serviço de bagagem despachada. Nessa modalidade, se o Cliente mudar de ideia, poderá incluir os 23 kg de bagagem, a qualquer momento, por apenas R$ 30,00. Caso o Cliente ultrapasse essa cota de 23 kg, será mantida a atual cobrança por quilo excedente.

A partir da próxima terça (14/03), mais de 16 cidades partindo de Campinas já contarão com tarifas reduzidas nessa categoria. Confira lista completa*.

É importante ressaltar que, em ambas as categorias, todos os serviços atualmente oferecidos pela Azul se mantêm:

– 40 canais de TV SKY ao Vivo;
– Snacks e bebidas gratuitas à vontade e sem custo adicional;
– Marcação de assento sem custo adicional;
– Antecipação de voo sem custo adicional;
– Acumulo de pontos no TudoAzul
– Entre outras vantagens.

Operações Internacionais

Seguindo as práticas internacionais de mercado, o volume de bagagem despachada para voos com destino aos EUA e Europa também passa a ser diferente a partir da próxima terça-feira (14/03).

Os passageiros com bilhetes adquiridos para as classes Econonomy e Economy Extra terão direito ao despacho de dois volumes de 23 kg cada e os inscritos no Azul Business, poderão despachar três volumes de 23 kg cada. O número de volumes não muda em relação ao que a Azul já praticava.

Segundo a Azul, a diferença está no peso máximo permitido para cada volume, que agora se enquadra nos padrões internacionais. Ainda, caso o cliente queira despachar um ou mais volumes extras, a companhia reduzirá o valor do volume extra de US$ 150 para US$ 100 por volume.

Para os voos na América do Sul, a companhia terá por regra o despacho de um volume de até 23 kg de bagagem por Cliente. Caso o Cliente queira levar um ou mais volumes extras, a companhia passará a cobrar o valor de US$ 50 por volume, o que representa uma redução no valor pago atualmente na forma de quilogramas.

Programa de vantagens TudoAzul
Para os Clientes Safira e Diamante no Programa TudoAzul existem algumas vantagens e diferenciais adicionais:

Voos Domésticos
Clientes Diamante e Safira que compram a Tarifa Azul garantem o melhor preço e, ainda, poderão despachar 23 kg de bagagem gratuitamente. E, como hoje, Clientes TudoAzul Topázio, Safira e Diamante contam com 5 kg, 10 kg e 15 kg de bagagem extra, respectivamente.

Voos Internacionais
Clientes Diamante terão direito a um volume extra de 23 kg quando comprarem as classes Economy e Economy Extra.

Outras mudanças
A Azul informa ainda que já se adequou a todas as demais regras da Resolução 400 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e que já praticava algumas delas antes mesmo de se tornarem comuns a todas as companhias aéreas.

Veja abaixo quais são:

– Reembolso por desistência em até 24 horas após a compra;
– Não cancelamento do trecho de volta em caso não comparecimento ou aviso do Cliente sobre a não utilização do trecho de ida;
– Correções na grafia de nomes sem custos pelo Azulcenter (central de atendimento da Azul).

CIDADES ATENDIDAS

Algumas cidades com voos saindo de Campinas já contarão com tarifas reduzidas a partir de amanhã. As passagens estarão disponíveis para compra com antecedência mínima de 28 dias. Confira regras no site da Azul. São elas: Rio de Janeiro (SDU), Curitiba, Porto Alegre, Belo Horizonte, Vitória, Florianópolis, Jaguaruna, Lages, Londrina, Maringá, Navegantes, Passo Fundo, Chapecó, Cascavel, Divinópolis e Ponta Grossa.

LEIA TAMBÉM…..

Confira as novas regras da LATAM para bagagem em voos nacionais e internacionais

Passagens mais baratas para quem não despachar bagagem nos voos da Gol

 

FAÇA AQUI SUA COTAÇÃO E GARANTA ATÉ 80% DE ECONOMIA NA COMPRA DAS PASSAGENS AÉREAS

 

Passagens aéreas baratas

Confira as novas regras da LATAM para bagagem em voos nacionais e internacionais

mala03
Despacho da primeira bagagem de 23 quilos ainda será gratuito. Ainda neste ano vai cobrar R$ 50. Companhia estima que a redução do valor da passagem pode chegar a 20% até 2020

A partir do dia 14 de março, a LATAM vai mudar as suas regras de bagagem com relação à franquia permitida por passageiro e à cobrança do excesso. As novas regras adaptam os processos da companhia à revisão das Condições Gerais de Transporte Aéreo (CGTAs), aprovada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em dezembro de 2016.

Ainda este ano, em data a ser comunicada posteriormente, a LATAM iniciará a cobrança também da primeira mala em voos domésticos. O passageiro vai pagar R$ 50. Segundo a LATAM, nos últimos 10 anos, todas as empresas do grupo diminuíram em cerca de 50% suas tarifas mais baixas em suas rotas domésticas, triplicando o tráfego aéreo na região.

Para ajudar o cliente a se adaptar a esta nova dinâmica e garantir uma excelente implementação do novo processo, durante os próximos meses o despacho da primeira bagagem de 23 quilos ainda será gratuito e a cobrança será apenas sobre o excesso.

Mudanças confirmadas a partir de 14 de março de 2017:

1) Bagagem de mão: para viagens realizadas a partir de 14 de março, há aumento no peso da bagagem permitida a bordo das aeronaves em todos os voos, passando de 5 para 10 quilos por passageiro (exceto Premium Business e Premium Economy, que mantém a franquia de 16 quilos). As regras relacionadas às dimensões da bagagem de mão seguem inalteradas: no máximo 55 cm x 35 cm x 25 cm (altura x largura x espessura).

VEJA ABAIXO DETALHES DAS NOVAS REGRAS

mala01

2) Bagagem despachada: nos primeiros meses, os clientes que emitirem bilhetes a partir do dia 14 de março terão direito a despachar um volume de até 23 quilos em voos dentro do Brasil e de/para a América do Sul. Para os demais voos internacionais, os clientes poderão despachar até dois volumes de 23 quilos cada. Já os clientes nas cabines Premium Business e Premium Economy poderão transportar até três volumes de 23 quilos. As regras relacionadas às dimensões da bagagem despachada seguem inalteradas, onde largura + altura + comprimento somados devem ter até 158 centímetros.

3) Excesso de bagagem: há alteração no pagamento do excedente de bagagem a partir do dia 14 de março, seja pelo call center, site ou pessoalmente no aeroporto. A cobrança será mais simples e feita por meio de taxas fixas por peça, por faixa de peso e/ou por tamanho excedente. Os valores variam de acordo com o tipo de voo: doméstico, América do Sul ou internacional.

Os clientes do programa LATAM Fidelidade das categorias Gold, Platinum, Black e Black Signature terão benefícios diferenciados relacionados à franquia de bagagem e, novamente, a companhia fará as mudanças em fases para que o cliente tenha tempo de se acostumar com os novos procedimentos.

CONFIRA AS REGRAS PARA OS INSCRITOS NO LATAM FIDELIDADE

mala02

FRASE…

“A experiência internacional mostra que os preços das passagens caíram e mais pessoas passaram a usar o transporte aéreo onde a bagagem despachada é cobrada à parte. Com o novo jeito de voar, a LATAM e suas filiais projetam reduzir em até 20% as tarifas mais baratas disponíveis para seus voos domésticos até 2020, consolidando sua importância para o desenvolvimento do turismo na região e contribuindo para o crescimento do tráfego aéreo. Nossa meta é aumentar em 50% nossos passageiros transportados até 2020”

Cláudia Sender, CEO da LATAM Airlines Brasil

ACESSE AQUI AS PROMOÇÕES DA LATAM

728x90

Passagens mais baratas para quem não despachar bagagem nos voos da Gol

Passageiro da companhia poderá optar por contratar ou não uma franquia para o despacho de bagagens

A companhia Gol é a primeira a divulgar oficialmente que terá uma classe tarifária mais barata para quem não despachar bagagens. A companhia informou que também a opção daqueles que preferirem continuar a ter esse benefício ao adquirir o bilhete.

A Gol garante que será um modelo muito simples, sem dificuldades para que o passageiro identifique as tarifas mais baratas sem o despacho de bagagens. Aqueles que escolherem essas tarifas terão ainda a opção de adquirir a franquia, que será calculada por volume despachado. Os valores da unidade, que ainda serão definidos, irão crescer de acordo com a quantidade de malas. A primeira será mais barata que a segunda, que será mais barata do que a terceira e assim por diante.

anac02

Esse serviço poderá ser adquirido em todos os canais de atendimento da Gol (app, site, totem, central de atendimento, balcão), sendo que haverá preços especiais para aquisição prévia (antes do check-in) e no autoatendimento. clientes Smiles terão condições diferenciadas, assim como aqueles que optarem por outras classes de tarifas que já incluirão a bagagem. Nos voos internacionais, os clientes Gol Premium também terão vantagens.

A Gol informou ainda que nesse momento trabalha para adequar seus processos e sistemas a essa classe tarifária e treinar suas equipes para garantir o melhor atendimento em todos os pontos de contato com o cliente. A data da implementação e mais detalhes do novo modelo serão anunciados pela companhia em breve.

A partir de 14 de março o peso limite da bagagem de mão passará de 5 para 10 quilos. Leia AQUI matéria completa sobre as novas regras da Anac.

FRASE……

“Quando a medida que permite a franquia de bagagens entrar em vigor, ela intensificará a concorrência entre as companhias aéreas brasileiras, beneficiando os consumidores. A exemplo do que aconteceu após a liberdade tarifária das passagens aéreas, em 2001, permitindo a queda no preço das tarifas e, consequentemente, a democratização do setor aéreo no país”

Paulo Kakinoff, presidente da Gol

AS OFERTAS DA GOL VOCÊ ENCONTRA AQUI

FAÇA AQUI A SUA COTAÇÃO DE PASSAGENS E GARANTA ECONOMIA

Tire todas as suas dúvidas sobre novas regras para viagem de avião

As novas regras valem para quem comprar passagem de voos domésticos e internacionais a partir do dia 14 de março de 2017

O Ministério dos Transportes, Portos e Aviação (MT), em parceria com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), criou um hotsite de esclarecimento sobre as novas Condições Gerais de Transporte Aéreo (CGTA), além de cards e vídeos veiculados pelas mídias sociais.

Um dos vídeos, hospedado no site, mostra que os passageiros hoje pagam os mesmos preços por serviços diferentes. Também haverá duas séries, uma sobre as medidas; e outra, com cinco episódios, mostrando o impacto que a liberdade tarifária teve na consolidação do avião como transporte de massas no Brasil, o mesmo impacto que o MT espera do fim da franquia de 23 quilos, uma das mais de 40 medidas das novas CGTA.

A resolução nº 400/2016, que dispõe sobre as novas Condições Gerais de Transporte Aéreo (CGTA), foi aprovada pela Anac em 13/12/2016. A previsão é que entre em vigor em 14/3/2017. Em 14/12/16 foi aprovada no Senado Federal a proposta de decreto legislativo PDS 89/2016, que propõe sustar, em parte, a resolução, especificamente sobre a desregulamentação da franquia de bagagem.

O decreto legislativo ainda deverá ser apreciado pela Câmara e não altera nenhuma outra das outras medidas da norma. Até que a Câmara aprecie o decreto do Senado, o MT e a ANAC vai esclarecer a mudança a respeito do fim franquia de 23 quilos e a adoção da bagagem de mão de 10 quilos por passageiro.

anac01

A campanha terá a franquia como um de seus focos porque a mudança está valendo até que a Câmara tome uma decisão. Até lá os passageiros precisam se ambientar à novidade. O ministro Maurício Quintella trabalha junto aos congressistas para manter o texto original como foi aprovado em dezembro pela Anac.

Hoje 35% dos passageiros que viajam já não despacham bagagem, o número de pessoas que despacha vem caindo ano a ano e 39% dos 1 milhão dos voos domésticos realizados em 2015 decolaram com bagagem média de até 10 quilos (peso total da bagagem despachada dividido pela ocupação da aeronave).

O MT esclarece também que até aprovar as novas CGTA, em dezembro passado, foram cinco anos de debates abertos sobre o tema. Foram realizadas pela Anac 28 reuniões com instituições representativas da sociedade, entre as quais entidades de defesa do consumidor; seis reuniões com parlamentares federais; três audiências no Senado; seis reuniões intergovernamentais; e uma consulta pública em 2014; e duas audiências públicas, uma em 2013, e outra, em 2016, para finalizar o texto das novas regras – que recebeu mais de 1.500 sugestões da sociedade.

As novas regras são válidas para quem comprar passagem de voos domésticos e internacionais a partir do dia 14 de março de 2017. Se você comprou sua passagem antes, o que vale é a regra fixada na data da compra.

 

Conheça as principais medidas das novas Condições Gerais de Transporte Aéreo

VALOR TOTAL DA PASSAGEM

Os anúncios para a compra de passagem aérea deverão informar, desde o início da consulta, o valor total que você vai pagar para viajar, incluindo todas as taxas. Hoje, essas buscas só informam o valor do bilhete, sem as taxas de embarque e de serviços.

DESISTÊNCIA DE UM VOO

Você terá até 24h, a partir do ato de compra, para desistir da passagem, desde que ela tenha sido adquirida no mínimo 7 dias antes do seu voo.

cru02

TAXAS DE CANCELAMENTO, REEMBOLSO OU REMARCAÇÃO

As taxas cobradas para remarcação, cancelamento ou reembolso da passagem não poderão ser maiores que o valor que você pagou pela passagem, mesmo que ela seja promocional. Atualmente, não existe essa limitação.

PRAZO PARA REEMBOLSO OU ESTORNO DA PASSAGEM

Deverá ocorrer em até 7 dias depois de sua solicitação de cancelamento e não mais em 30 dias, como é hoje.

RESERVA GARANTIDA DA PASSAGEM DE VOLTA

Manutenção da passagem de volta, em voos domésticos, caso você perca o trecho de ida. Mas para ter a volta garantida é preciso avisar a desistência até o momento da decolagem do voo de ida. Hoje, você perde automaticamente o voo de volta se não comparecer ao de ida, mesmo sob aviso.

ALTERAÇÃO DO NOME SEM CUSTO

Você poderá alterar a grafia do nome no bilhete, sem custos, quando a correção for necessária para o embarque. Mas, o bilhete continua sendo pessoal e intransferível.

BAGAGEM DE MÃO

Com as novas regras, o limite passa dos atuais 5 kg para pelo menos 10kg nos voos domésticos e internacionais. As dimensões da bagagem e a quantidade de volumes serão estabelecidas pelas companhias aéreas. Fique atento.

anac02

BAGAGEM DESPACHADA

As empresas poderão oferecer, num mesmo voo, opções por franquias de bagagem diferenciadas para você escolher a que melhor se encaixa no seu perfil. Hoje, despachando ou não, todos pagam por 23 quilos em voos domésticos e dois volumes de 32 quilos, cada, em voos internacionais.

DEVOLUÇÃO DE BAGAGEM EXTRAVIADA

Sua bagagem deve ser devolvida em até 7 dias, em voos domésticos, ou em até 21 dias para voos internacionais. Atualmente, as empresas têm até 30 dias para os dois casos.

INDENIZAÇÃO NO CASO DE BAGAGEM EXTRAVIADA

Maior facilidade e rapidez no pagamento de indenização. Isso deverá ocorrer em até 7 dias caso a empresa não restitua a bagagem nos prazos indicados. Atualmente, as empresas têm até 30 dias para indenizá-lo.

Para conhecer a campanha, acesse o endereço: www.transportes.gov.br/aviacaoparatodos ou acesse as redes sociais do Ministério dos Transportes; da Secretaria de Aviação; e da Anac.

FAÇA AQUI A SUA COTAÇÃO DE PASSAGENS E GARANTA ECONOMIA

Conheças as novas regras para acúmulo de milhas nos voos da Gol

Mudanças começaram a valer a partir desta semana. Na compra de todas as passagens o passageiro ganha milhas da Smiles

As novidades anunciadas no programa de fidelidade trarão ainda mais benefícios aos clientes, tornando ainda mais fácil o acúmulo de milhas e as mudanças de categoria. Os destaques são o acúmulo de milhas em todas as tarifas, inclusive nas promocionais, além da contabilização de trechos voados, inclusive conexões, na qualificação para as mudanças de categoria.

smiles

Com as alterações, qualquer passagem comprada com a Gol terá acúmulo de milhas. Além disso, se o cliente ainda tiver milhas após a mudança de categoria, poderá utilizá-las no ano seguinte para a nova classificação (upgrade).

Para se tornar um cliente Diamante agora são necessárias 30 mil milhas ou 30 trechos voados com a Gol. O cliente Diamante passa a receber, no mínimo 1 mil milhas por voo Gol e ainda pode estender seus benefícios para acompanhantes ao marcar o assento Gol+ Conforto sem custo, antecipar sua viagem para qualquer horário no mesmo dia de sua viagem, além de ganhar uma viagem por ano para um acompanhante.

Já os inscritos na categoria Ouro receberão pelo menos 500 milhas por voo GOL, além de receber 50% de desconto para marcar o assento GOL + Conforto, também para seu acompanhante, no mesmo localizador.

                                                                            CONFIRA A NOVA TABELA

tabela88

FRASE…..

“Queremos valorizar ainda mais a relação com nossos clientes, oferecendo cada vez mais uma viagem completa com milhas. As novas regras aceleram o acúmulo de milhas e assim fica ainda mais fácil viajar com a Smiles”

Carlos Mauad- diretor executivo comercial da Smiles.

Para mais informações, o cliente poderá acessar o hotsite novas regras ou qualquer canal de atendimento GOL e Smiles

ACESSE AQUI AS OFERTAS DA GOL

Passagens aéreas baratas

Compre e economize até 80% na MaxMilhas 

Passageiro impedido de embarcar em voos domésticos terá direito de receber indenização no valor de R$ 1,1 mil

O valor está previsto nas Condições Gerais de Transporte Aéreo (CGTA) aprovadas nesta terça-feira pela Agência Nacional de Aviação Civil

A companhia aérea deverá compensar o passageiro que compareceu no horário previsto e teve seu embarque negado. Segundo as novas regras aprovadas pela Anac, a companhia aérea deve efetuar, imediatamente, o pagamento de compensação financeira ao passageiro, podendo ser por meio de transferência bancária, voucher ou em espécie, no valor de 250 Direito Especial de Saque (DES).

Se o passageiro for impedido de embarcar em um voo internacional terá direito de receber 500 (DES). Considerando que cada DES equivale a R$ 4,57 (cotação de 12/12), o passageiro terá direito de receber de indenização pelo não embarque em voo nacional o valor de R$ 1.142,50 e pelo internacional R$ 2.285,00.

cgh13

No caso de voo internacional, além de outras assistências previstas em norma assistência material em caso de atraso e cancelamento de voo cuja regra não foi mudada. A assistência material consiste em: direito a comunicação depois de uma hora de atraso, de alimentação, após duas horas de atraso, bem como as seguintes alternativas, após quatro horas de atraso, à escolha do passageiro: reacomodação, reembolso integral ou execução do serviço por outra modalidade de transporte.

O direito de assistência material (comunicação, alimentação e acomodação) não poderá ser suspenso em casos de força maior (como mau tempo que leve ao fechamento do aeroporto) ou caso fortuito. A empresa aérea deve reparar o dano ou substituir a bagagem em até sete dias do protesto. Da mesma forma, deve indenizar a violação nos mesmos sete dias.

*DES = Direito Especial de Saque. 1 DES = R$ 4,57 (cotação de 12/12/2016 pelo Banco Central)

ACESSE AQUI AS OUTRAS MUDANÇAS

 

Banner 300 x 250

ANAC aprova o fim da franquia de bagagem nos voos nacionais e internacionais

mala-de-viagem-900x400
A diretoria colegiada da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) aprovou na manhã desta terça-feira (13/12) a revisão das Condições Gerais de Transporte (CGT)

A partir de 14 de março acaba a franquia de bagagem nos voos nacionais e internacionais. Pelas regras atuais os passageiros dos voos domésticos têm direito a despachar gratuitamente uma mala de 23 quilos. Já os passageiros dos voos internacionais podem despachar até duas malas de 32 quilos cada.

Outra mudança importante é o aumento de cinco para 10 quilos a franquia gratuita da bagagem de mão. A partir de março de 2017 as companhias aéreas serão obrigadas a informar o valor final dos bilhetes já com as taxas.

Algumas companhias, como a LATAM, prometem oferecer ao passageiro a opção de comprar um bilhete sem o serviço de bordo ou despacho de bagagem. Será que o valor das passagens será reduzido? Estamos na torcida para que isso ocorra.

Também foi aprovada a desistência da compra das passagens sem taxa em até 24 horas. A correção gratuita do nome do passageiro no bilhete, caso ocorra erro na hora do preenchimento dos dados, também está entre os itens aprovados.

Outra decisão importante é sobre o extravio de bagagens. A partir de março prazo foi reduzido de 30 para 7 dias para os voos domésticos. O reembolso ou estorno das passagens deve ser feito em até 7 dias da solicitação. Atualmente esse prazo é de 30 dias.

As companhias aéreas poderão estipular franquias menores de bagagem e, em contrapartida, oferecer passagens mais baratas aos consumidores. A mudança nas regras de bagagem deve impactar principalmente as passagens aéreas promocionais, mais baratas – como já acontece atualmente, por exemplo, nas companhias low-cost (baixo custo) americanas e europeias.

O custo da taxa de cancelamento ou remarcação não poderá exceder o valor da passagem, hoje as multas e taxas de alteração podem exceder o valor pago pelo bilhete.

ANTES DO VOO

INFORMAÇÕES SOBRE A OFERTA DO VOO
A companhia deverá informar de forma resumida e destacada, antes da compra da passagem:
• O valor total (preço da passagem mais as taxas) a ser pago em moeda nacional
• Regras de cancelamento e alteração do contrato com eventuais penalidades
• Tempo de escala e conexão e eventual troca de aeroportos
• Regras de franquia de bagagem despachada e o valor a ser pago em caso de excesso de bagagem

CORREÇÃO DE NOME NA PASSAGEM AÉREA
• O erro no nome ou sobrenome deverá ser corrigido pela empresa aérea, sem custo, por solicitação do passageiro, até três horas antes do horário do voo originalmente contratado
• No caso de erro no nome em voo internacional interline (prestado por mais de uma empresa aérea), os custos da correção poderão ser repassados ao passageiro

QUEBRA CONTRATUAL E MULTA POR CANCELAMENTO
• Proibição de multa superior ao valor da passagem
• A tarifa de embarque e demais taxas aeroportuárias ou internacionais deverão ser integralmente reembolsadas ao passageiro
• Empresa deve oferecer opção de passagem com regras flexíveis, garantindo até 95% de reembolso

DIREITO DE DESISTÊNCIA DA COMPRA DA PASSAGEM
• O passageiro poderá desistir da compra da passagem até 24h depois do recebimento do comprovante da passagem, sem ônus, desde que essa aquisição ocorra com antecedência mínima de 7 dias da data do voo

ALTERAÇÃO PROGRAMADA PELA TRANSPORTADORA
• As alterações programadas deverão ser sempre informadas aos passageiros
• Quando a mudança do horário ocorrer com menos de 72 horas do horário do voo ou for superior a 30 minutos (voos domésticos) e a 1 hora (voos internacionais) em relação ao horário inicialmente contratado e caso o passageiro não concorde, a empresa aérea deverá oferecer reacomodação em transportadora congênere, sem ônus, ou reembolso integral.
• Se a empresa aérea não avisar a tempo de evitar que o passageiro compareça ao aeroporto, deverá prestar assistência material e reacomodar o passageiro na primeira oportunidade em voo próprio ou de outra empresa.

FRANQUIA DE BAGAGEM
• Bagagem despachada: as franquias são liberadas. O passageiro passa a ter liberdade de escolha e mais opções de serviço, conforme sua conveniência e necessidade. A norma não acaba com as franquias de bagagem, mas permitirá que diferentes modelos de negócio (como o das empresas low cost) sejam aplicados no Brasil, no interesse dos passageiros que buscam passagens a menores preços.
• Bagagem de mão: franquia aumenta de 5kg no máximo para 10kg no mínimo (observados limites da aeronave e a segurança do transporte)

DURANTE O VOO
Procedimento para declaração especial de valor de bagagem
• O passageiro deve informar o transportador se carrega na bagagem despachada bens de valor superior a 1.131 DES*. Neste caso, a empresa poderá cobrar valor suplementar ou seguro

VEDAÇÃO DO CANCELAMENTO AUTOMÁTICO DO TRECHO DE RETORNO
• O não comparecimento do passageiro no primeiro trecho de um voo de ida e volta não ensejará o cancelamento automático do trecho de volta, desde que o passageiro comunique à empresa aérea até o horário do voo de ida

COMPENSAÇÃO FINANCEIRA EM CASO DE NEGATIVA DE EMBARQUE/PRETERIÇÃO
• A empresa aérea deverá compensar o passageiro que compareceu no horário previsto e teve seu embarque negado
• A empresa aérea deve efetuar, imediatamente, o pagamento de compensação financeira ao passageiro, podendo ser por meio de transferência bancária, voucher ou em espécie, no valor de 250 DES* para voo doméstico e de 500 DES*, no caso de voo internacional, além de outras assistências previstas em norma

ASSISTÊNCIA MATERIAL EM CASO DE ATRASO E CANCELAMENTO DE VOO (REGRA INALTERADA)
• A assistência material consiste em: direito a comunicação depois de uma hora de atraso, de alimentação, após duas horas de atraso, bem como as seguintes alternativas, após quatro horas de atraso, à escolha do passageiro: reacomodação, reembolso integral ou execução do serviço por outra modalidade de transporte
• O direito de assistência material (comunicação, alimentação e acomodação) não poderá ser suspenso em casos de força maior (como mau tempo que leve ao fechamento do aeroporto) ou caso fortuito

PRAZO PARA REEMBOLSO
• Por solicitação do passageiro, o reembolso ou estorno da passagem deve ocorrer em até 7 dias da solicitação. O reembolso também poderá ser feito em créditos para a aquisição de nova passagem aérea, mediante concordância do passageiro.

DEPOIS DO VOO

PROVIDÊNCIAS EM CASO DE EXTRAVIO, DANO E VIOLAÇÃO DE BAGAGEM
• Em caso de extravio, o passageiro deve fazer imediatamente o protesto
• O prazo para devolução de bagagem extraviada em voo doméstico foi reduzido de 30 para 7 dias e, em voos internacionais, será de 21 dias.
• Caso a empresa aérea não encontre a bagagem no prazo indicado, terá até sete dias para pagar a indenização devida (atualmente não há prazo definido)
• No caso de dano ou violação, o passageiro tem até sete dias para fazer o protesto
• A empresa aérea deve reparar o dano ou substituir a bagagem em até sete dias do protesto. Da mesma forma, deve indenizar a violação nos mesmos sete dias.

*DES = Direito Especial de Saque. 1 DES = R$ 4,57 (cotação de 12/12/2016 pelo Banco Central)

Fonte: ANAC



Novo modelo do grupo LATAM vai reduzir em 20% o valor das passagens

O Grupo LATAM anuncia uma nova forma de viajar em rotas domésticas nos seis países onde opera na América do Sul

A mudança será feita por país e por etapas a partir do primeiro semestre de 2017. Uma das novidades desta nova proposta é o acesso a tarifas mais econômicas e a uma nova forma de comprar bilhetes.

O passageiro poderá escolher por quais serviços quer pagar. Além disso, também será feita a incorporação de tecnologias que melhorarão a experiência de viagem, como o sistema de entretenimento de bordo sem fio gratuito já disponível em todos os voos.

tari02

Os passageiros terão acesso a um novo fluxo de compras mais simples, que permitirá a escolha da tarifa de acordo com o tipo de viagem. Também poderão optar pelos serviços adicionais que desejarem, como desfrutar de uma ampla variedade de refeições a bordo, escolher o assento favorito no avião, poder mudar o voo ou devolver o bilhete.

Segundo a LATAM, o novo modelo de vendas será mais transparente em relação às tarifas existentes e sobre o que está incluso em cada uma delas. Com esta mudança, a LATAM e suas filiais projetam reduzir em até 20% as tarifas mais baratas disponíveis para seus voos domésticos até 2020, consolidando sua importância para o desenvolvimento do turismo na região e contribuindo para o crescimento do tráfego aéreo per capita.

RESUMO DAS PROPOSTAS

A LATAM e suas filiais esperam que mais clientes possam começar a voar. O Grupo projeta ampliar em 50% a quantidade de passageiros transportados até 2020, consolidando o avião como um meio de transporte massivo na região e estimulando o crescimento econômico dos mercados onde opera.

É uma nova forma de viajar – que acompanha uma tendência da indústria em todo mundo – em que o passageiro escolhe como quer voar, pagando pelos serviços adicionais que quiser e selecionando a tarifa que se ajuste melhor às suas necessidades.

Acesso a tarifas mais econômicas em voos domésticos, mais e melhores opções de comida a bordo são algumas das novas propostas que a LATAM e suas filiais oferecerão para que o cliente escolha e construa sua própria experiência de viagem

A mudança será feita de forma progressiva nos voos domésticos da LATAM Airlines Chile, LATAM Airlines Colômbia, LATAM Airlines Peru, LATAM Airlines Equador, LATAM Airlines Argentina e LATAM Airlines Brasil.

ENCONTRE AQUI AS OFERTAS DA LATAM

_728x90_CGH_SDU.jpg

LATAM vai sortear um veículo Nissan March durante as Olimpíadas

13958227_10154345540788917_1759749926163311459_o

Já imaginou durante o voo ter seu nome falado no serviço de som da companhia aérea? E ainda como ganhador de um carro zerinho? Essa é a surpresa que a LATAM Airlines Brasil, companhia aérea oficial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, fará para a um dos seus passageiros durante o período dos Jogos Olímpicos. A companhia vai sortear um carro Nissan March CVT a bordo de um de seus voos domésticos. O anúncio do nome do ganhador ocorrerá simultaneamente ao sorteio.

Pelas regras da promoção, o sorteio poderá ser realizado nos voos entre os dias 5 e 17 de agosto. O ganhador terá 180 dias após o anúncio para pegar o prêmio. Passado esse prazo, o valor do prêmio vai para o Tesouro Nacional. Os passageiros que embarcarem no voo nacional premiado, receberá um cupom destacável contendo uma numeração espelhada.

Outras ações únicas que LATAM Airlines Brasil vem realizando para promover o espírito dos Jogos a bordo de seus voos são: o anúncio das medalhas conquistadas pelas equipes brasileiras durante as competições, em tempo real; e a distribuição, que ocorreu entre os dias 25 e 29 do julho, do Livro Ilustrado Oficial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.

Executada em parceria com o Comitê dos Jogos Rio 2016 e a Panini, a ação distribuiu, ao todo, 4.500 álbuns e quadrotas de figurinhas (brinde com quatro adesivos) em seis voos diários entre São Paulo (Congonhas) e Rio de Janeiro (Santos Dumont).

COMPRE AQUI A SUA PASSAGEM DA LATAM E CONCORRA AO NISSAN

_728x90_CGH_SDU.jpg

Novo site da Gol mais acessível aos clientes com necessidades especiais

Mais acessibilidade, segurança e autonomia aos clientes com necessidades especiais. Essas novidades fazem parte do novo site da Gol, reformulado de acordo com padrão internacional web. Uma das novidades são as facilidades ao realizar a compra de uma passagem, fazer o check-in online, acessar uma reserva (Minhas reservas), acompanhar o Status do voo, além de, na versão em inglês, também verificar o canal Viaje sem dúvidas ou obter informações da área de Atendimento.

O site da Gol conta a partir de agora com outras facilidades, entre elas a opção de variação de contraste nas cores branca, preta e azul e o aumento de fonte para pessoas com deficiência visual, incluindo daltonismo. Além disso, o site permite a navegação por teclado que atende, principalmente, as pessoas com deficiência visual.
Outra novidade está em melhorias no fluxo de compra. Com as mudanças, os passageiros encontrarão menus, calendários, filtros de busca e formulários em um novo formato de exibição, o que facilita ainda mais no momento da escolha do voo, tornando os processos mais fáceis, acessíveis e ágeis aos passageiros com necessidades especiais.
Todas as adaptações do canal atendem às regras da W3C (http://www.w3c.br), consórcio internacional que desenvolve padrões para a web, englobando as diretrizes de acessibilidade que contribuem para o funcionamento de softwares que realizam a leitura das telas.

FRASE

“Estamos sempre atentos às necessidades dos clientes e procuramos adotar tecnologias que proporcionem mais facilidade e ofereçam a melhor experiência. Realizamos continuamente investimentos em acessibilidade nos nossos canais de atendimento e relacionamento com o cliente, além de sempre buscar a revisão de procedimentos para aprimorar a prestação de serviço, incluindo os clientes com necessidades de assistência especial (PNAEs)”,

Florence Scappini, diretora de marketing da Gol

AQUI ESTÃO AS OFERTAS DA GOL


300x250 Gol

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com