Aplicativo de voos compartilhados lança rota Salvador/Morro de São Paulo

A empresa pretende lançar voos para Belo Horizonte e Brasília já no segundo semestre deste ano.

O aplicativo Flappe que oferece voos compartilhados começou a operar a rota Salvador/Morro de São Paulo, ilha localizada no litoral da Bahia. As partidas são Aeroporto Internacional de Salvador e as viagens são realizadas à bordo de um Cessna Caravan, com preços a partir de R$ 500. A aeronave oferece espaço para bagagens.


[read more=”Leia mais…” less=”Recolher”]

Para contratar o serviço basta baixar o aplicativo da Startup e escolher seu assento no voo compartilhado. Para as decolagens são necessários ao menos dois passageiros. Os voos são programados com horário sugerido de partidas e os dois primeiros passageiros podem fixar o horário exato de partida.

A proposta da Flapper, uma plataforma de aviação sob demanda que funciona por aplicativo, está movimentando o mercado de aviação brasileiro. O aplicativo brasileiro desenvolvido há um ano tem a proposta de democratizar aviação executiva, através da tecnologia mobile.

Apresentando a economia compartilhada por meio de vendas de assentos, o usuário pode voar em um avião fretado por um preço acessível, ou alugar uma aeronave com mais de 20 operadoras com certificados de táxi aéreo.

A Flapper opera atualmente entre capitais, São Paulo, Rio de Janeiro, e as cidades de Búzios e Angra dos Reis. A empresa pretende lançar voos para Belo Horizonte e Brasília já no segundo semestre. O preço médio por assento das viagens varia entre R$ 750, nos trechos entre as capitais e R$ 300/R$ 600 entre o litoral.

DESCONTOS

A Flapper oferece a opção “empty legs” ou pernas vazias – ofertas de voos por preços até 40-50% mais baratos do que normal. De acordo com a empresa essas ofertas ocorrem quando uma aeronave é solicitada para um local, e para evitar trechos vazios, o aplicativo oferece descontos e vendem assentos que esgotam no máximo em duas horas. Como resultado, os usuários podem encontrar voos ocasionais entre Porto Alegre e Gramado ou São Paulo e Curitiba por 350-400 reais.

Segundo o CEO da Flapper, Paul Malicki, o serviço mais solicitados é o trecho Rio-São Paulo, feito através de Congonhas e Jacarepaguá, com três voos semanais realizados as segundas, quartas, sextas e domingos, com voos extras durante os feriados.

AMPLIAÇÃO DAS ROTAS

A Flapper está prestes a lançar um serviço de assinatura mensal, com voos à vontade entre São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e Litoral Norte para todos os membros. A nova plataforma, que já agrega mais de 100 aeronaves homologados TPX para aluguel, permitiria aos membros alugar a aeronave às taxas de 30% abaixo do preço de mercado.

Para seus voos compartilhados, a empresa utiliza modelos King Air 250 e Pilatus PC-12, devido à segurança e confiabilidade sem precedentes de ambos os modelos. Já os voos realizados aos fins de semana para Angra dos Reis e Ubatuba, são feitos com aviões Cessna Grand Caravan EX.

Segundo a empresa, todos os parceiros da Flapper operam exclusivamente com a certificação de aeronaves incluindo jatos e helicópteros regulados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

ACESSE AQUI O SITE DA FLAPPER

[/read]

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com