Tudo viagem

Exclusivo! Azul vai deixar de oferecer voos nos aeroportos da Pampulha e de Rio Branco

A partir de 4 de abril a Azul as aeronaves da Azul deixam de oferecer voos em Belo Horizonte (Pampulha) e em Rio Branco, no Acre. As bases operacionais nas duas capitais serão fechadas pela companhia.  A suspensão dos voos é resultado do agravamento da crise econômica do país. Neste ano a Azul pretende reduzir em 7% o número de decolagens em todo o território nacional.

 

A Azul oferece três voos da Pampulha para os aeroportos de Campinas (SP) e do Santos Dumont (RJ). Na Pampulha a companhia usa o ATR-72, modelo turboélice que transporta 72 passageiros.  No ano passado a Azul suspendeu os voos da capital mineira para Cabo Frio (RJ), Vitória (ES), Brasília, Guarulhos (SP) e para o interior de Minas. Todas essas rotas eram operadas pela Trip Linhas Aéreas, empresa comprada pela Azul em junho de 2012.

 

A venda das passagens dos voos da Pampulha foi suspensa nesta terça-feira (16/02). A decisão da Azul de deixar o aeroporto da capital mineira favorece a Passaredo, companhia oferece dois voos diários para Ribeirão Preto (SP) e nos fins de semana para Porto Seguro, no Sul da Bahia. Masa maior beneficiada será a Flyways, companhia que começou a operar em 28 de dezembro do ano passado. Ela oferece voos para o Galeão (RJ), Ipatinga (MG) e Uberaba (MG). Em abril a Flyways pretende lançar duas frequências para o Santos Dumont e Brasília.

 

O Aeroporto da Pampulha não recebe jatos em função de uma restrição determinada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).  A Passaredo teve no ano passado e em 2016 vários pedidos de novos voos a partir da Pampulha negados pela Anac. A Gol também já fez vários pedidos, uma espécie de teste com a agência, mas todos foram negados.

  VENDA DAS PASSAGENS DOS VOOS DA AZUL NA PAMPULHA FOI SUSPENSA


ACRE


 

Em Rio Branco a Azul oferece um voo direto para Porto Velho (RO). Em nota a Azul informou que os funcionários das bases que serão fechadas poderão pedir transferência para outras cidades. Ainda segundo a companhia, os passageiros que compraram passagens para embarcar na Pampulha serão reacomodados nos voos  de Confins  ou ressarcidos de forma integral.

NOTA DA AZUL SOBRE A SUSPENSÃO DOS VOOS DA PAMPULHA E RIO BRANCO

São Paulo, 16 de fevereiro de 2016 – “Em razão do cenário econômico desafiador observado atualmente no Brasil, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras informa que deixará de operar no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, a partir de 4 de abril. Os Clientes que adquiriram passagens para viagens após esta data serão reacomodados em outros voos da companhia ou ressarcidos de forma integral. A reacomodação será por meio do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, o segundo maior hub da empresa, com oferta para mais de 40 destinos em cerca de 80 voos diários.

No terminal da Pampulha, a Azul conta, atualmente, com dois voos para São Paulo (Campinas) e dois para o Rio de Janeiro (Santos Dumont), todos diários. Os colaboradores que atuam na base terão a opção de realocação para outras cidades servidas pela Azul. A companhia destaca, ainda, que as operações de manutenção no hangar da empresa localizado no Aeroporto da Pampulha continuarão normalmente.

A Azul continuará avaliando a demanda do mercado e afirma ter interesse em retomar a operação caso seja viável economicamente.”

RIO BRANCO

São Paulo, 16 de fevereiro de 2016 – “Em razão do cenário econômico desafiador observado atualmente no Brasil, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras informa que deixará de operar em Rio Branco a partir de 4 de abril. Os Clientes que adquiriram passagens para voos após esta data serão ressarcidos de forma integral. Em Rio Branco, a companhia oferta, atualmente, um voo diário com destino a Porto Velho.

Os colaboradores que atuam na base terão a opção de realocação para outras cidades servidas pela Azul.”

JPG Passagens 728x90 I

(Visited 10 times, 1 visits today)

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com