Quer ficar na minha casa? Me convida pra sua

Quer ficar na minha casa? Me convida pra sua

Celso Martins

Já imaginou a possibilidade de alugar um quarto ou mesmo a toda a sua casa para um turista e garantir de cara uma renda extra? Mas ao pensar nesta possibilidade de cara você vai pensar nos riscos deste tipo de negócio.

O Fica lá em Casa, sucesso na Europa nos Estados Unidos, foi lançado em setembro deste ano no Brasil pelo professor universitário de finanças, Leandro Pinheiro. O site permite que você divulgue fotos do espaço que pretende alugar, os valores que pretende cobrar e a duração do negócio.

A economia para quem vai se hospedar é de 83%, além da chance de fazer novas amizades. Você pode ainda receber, por exemplo, um morador de Paris para passar férias em sua casa no Brasil. Em vez de receber pelo aluguel,  você  aproveita para ficar uma temporada na França. Mas para divulgar e conhecer as ofertas de hospedagem é preciso fazer um cadastro. Não é cobrada nenhuma taxa.

A transação permite que os dois turistas fujam dos altos custos de hotéis e ainda permite que a experiência de um morador local. Os usuários ainda terão a possibilidade de participar de grupos de interesses, comunidades nas quais as pessoas se conectam por afinidades, gostos e perfis.  Advogados, evangélicos, pilotos e até surfistas poderão fazer permuta de imóveis.

Além de alugar o quarto de sua casa, você pode oferecer o quintal, a sala ou até mesmo o terraço. Leandro Pinheiro garante que tudo é realizado com muita segurança. O suporte é dado pelo site. Os anfitriões são qualificados pelos seus hóspedes e estes selecionados antecipadamente pelos anfitriões. O crédito é liberado para o dono da casa apenas 24 horas após o início da hospedagem, o que garante ao hóspede a certeza da estadia ou seu dinheiro de volta.

Assista o vídeo de apresentação do site

O site vai cobrar 12% de taxa do hóspede e 3% do do dono do imóvel.  O Fica Lá em Casa está na fase de cadastro das casas e espaços para aluguel ou permuta. O sistema de busca e as transações serão iniciadas a partir de fevereiro. O site contará ainda com um sistema de busca reversa, ideia totalmente inovadora no mundo. Segundo Leandro Pinheiro, idealizador do projeto, “esta ferramenta permitirá a uma pessoa que colocou sua casa no site busque outras pessoas com afinidades e mesmo perfil e possa trocar mensagens para se conhecerem melhor.

O Fica Lá em Casa segue tendência mundial do consumo colaborativo, apontado pela revista Times como uma das “10 ideias que mudarão o mundo”. O consumo colaborativo tem como base o compartilhamento, empréstimo, troca ou aluguel entre pessoas, alavancado e disseminado pela internet e pelas redes sociais.
No Fica Lá em Casa você pode viajar o mundo pagando bem mais barato que hotéis convencionais.
Para fazer o cadastro acesse aqui

(Visited 114 times, 4 visits today)

2 Comments

Deixe um comentário

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com

Ação não permitida!