Somente quem teve Covid-19 poderá entrar em Fernando de Noronha

O Governo de Pernambuco também autorizou a retomada do comércio de praia e a reabertura dos museus e espaços de exposições a partir de 31/08.

A partir de 1° setembro da a ilha de Fernando de Noronha (PE) vai começar a receber turistas. A ilha estava fechada desde o dia 21 de março por causa da pandemia do coronavírus. A reabertura acontece com uma medida polêmica. Apenas pessoas que já tiveram o Covid-19 vão poder desembarcar no arquipélago. O turista terá que comprovar que teve a doença.

O turista terá que comprovar que teve a doença durante o processo de pagamento da Taxa de Preservação Ambiental (TPA), que agora só poderá ser feito online, pelo site https://www.sounoronha.com. Segundo a administração da ilha, o pagamento precisa ser feito com um prazo de até 72 horas antes do embarque. Assim que anexar a comprovação do pagamento, o turista terá que enviar o resultado do exame confirmando que já teve a Covid-19.

O Governo de Pernambuco também autorizou a retomada do comércio de praia e a reabertura dos museus e espaços de exposições, a partir da próxima segunda-feira (31.08), sempre seguindo novos protocolos de higiene, saúde e comunicação.

Baía do Sancho, em Fernando de Noronha

A ilha de Fernando de Noronha está fechada para os turistas o dia 21 de março, e no dia 5 de abril moradores também não puderam mais entrar. O retorno dos moradores que estavam no continente só votou a ser permitido a partir do dia 13 de junho, primeiro em voos quinzenais e depois semanais, seguindo um protocolo estabelecido pelas autoridades de saúde.

Os passageiros que chegaram no aeroporto da ilha recebem uma pulseira de identificação que só deve ser removida pela equipe de vigilância em saúde no fim da quarentena ou quando sair o resultado do segundo teste, realizado na ilha, confirmando a ausência do vírus. Antes do embarque, todos devem apresentar resultado negativo em exame feito no continente, na semana da viagem.

A ilha de Fernando de Noronha registrou ao todo 93 casos do novo coronavírus até o momento. Em junho algumas atividades voltaram a funcionar, como bares, restaurantes e lanchonetes. As companhias Gol e Azul, que oferecem voos para a ilha, ainda não anunciaram quando voltarão a operar para o destino.

Exames que serão aceitos

Serão aceitos O IgG positivo (sorológico), com exame realizado pelos métodos de quimioluminescência, eletroquimioluminescência ou Elisa imunoensaio, com menos de 90 dias da data do embarque. E o RT-PCR positivo (exame de nariz e garganta), com mais de 20 dias da data do embarque.  Quem fizer o teste rápido não poderá entrar na ilha.

Frase…

“Estamos dando início às flexibilizações da reabertura do turismo de Fernando de Noronha, sempre com responsabilidade, cautela e sem pressa. Seguindo com protocolos que mantenham com segurança a saúde da comunidade noronhense e dos pernambucanos que vivem lá. A pressa é inimiga da vida. A gente preza pela vida das pessoas da comunidade noronhense que estão lutando, se sacrificando, sobrevivendo e respeitando todas as regras desde o início da pandemia. E assim nós vamos continuar. Não podemos fazer tudo ao mesmo tempo, mas podemos gradativamente ir flexibilizando, respeitando os protocolos e retomando a rotina, mas dessa vez com o novo normal. As próximas etapas serão estudadas para que a gente possa dar mais notícias boas para a população da ilha e ao turismo noronhense”

Guilherme Rocha- administrador de Fernando de Noronha

Garanta aqui hospedagem em Fernando de Noronha

 

(Visited 80 times, 1 visits today)

local_offerevent_note agosto 28, 2020

account_box Celso Martins


local_offer