Itapemirim Transportes Aéreos

Itapemirim Transportes Aéreos prevê operar mais de 80 voos diários a partir de março

A Itapemirim Transportes Aéreos, nova companhia aérea brasileira que recebeu seu primeiro avião no último sábado, planeja começar sua operação já em março com mais de 80 voos diários. Em entrevista ao Tudo de Viagem, o presidente do Grupo Itapemirim, Sidnei Piva, fala sobre as expectativas para o início oficial da empresa, que chegou ao mercado ainda em 2020 com objetivo de levar ao território nacional a democratização do transporte aéreo por meio de uma experiência inovadora e acolhedora.

Itapemirim
Foto por reprodução voeita.com.br

Segundo o executivo, a empresa vê com muito entusiasmo a chegada da primeira aeronave. “É um projeto que nasceu no início de 2020, quando o mundo teve o conhecimento de uma grande pandemia, que é o Covid-19. Então, o mercado ficou com certa expectativa e até em alguns momentos duvidando da capacidade de realmente você poder colocar uma nova companhia aérea no Brasil. E nós entendemos isso como uma vitória do Grupo Itapemirim, do trabalho, da resiliência, de levar adiante o projeto, embora as adversidades tenham sido muitas”.

 

Piva comenta que os próximos passos incluem desembaraçar a aeronave, que é uma importação, e posteriormente, fazer o voo de checagem da ANAC, assim como os trâmites quanto a documentação e certificação de segurança.

 

“Agora estamos com a primeira aeronave e, dentro dos próximos dias, estaremos recebendo mais nove. São dez aeronaves que nós vamos colocar nessa primeira fase”, acrescenta.

Foto por Divulgação

O presidente do grupo também fala sobre a expectativa de colocar as aeronaves no ar já no próximo mês: “a nossa meta é fazer um voo inaugural em março. Os voos comerciais a pandemia na Europa atrasou bastante o cronograma. Então, em março será feito o voo inaugural e, comercialmente, esperamos também, final de março, começo de abril”.

 

Foco inicial nas capitais

 

Sidney Piva confirma que as prioridades, nesse primeiro momento, são as capitais. A principio, os primeiros destinos operados pela companhia devem ser: Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Vitória, Bahia e Fortaleza.

 

“São algumas cidades que nós vamos colocar na primeira etapa. Mas, como são dez aeronaves, e temos uma média de oito voos para cada uma, são oitenta, noventa destinos diariamente. E aí, a malha vai ser diversificada pra outras cidades dentro de cada um desses estados que eu citei; mas a empolgação é muito grande e é uma primeira fase, pois é uma fase muito relâmpago”, reforça o presidente.

 

Na segunda fase, Piva prevê a chegada de mais aviões e o início de um trabalho modal, que é uma das marcas da Itapemirim, o de encomendas e cargas. “Temos um cronograma de 2021 muito extenso. É um programa muito sério, muito trabalhado. Vai ser um grande sucesso. É uma companhia que vem pra ser grande; ela não vem pra ser uma companhia pequena, simplesmente regional, e sim pra atender cem por cento do país”.

 

A Itapemirim Transportes Aéreos (ITA), chega com a proposta de trazer um serviço diferenciado e para atender o todo o território nacional. E, de acordo com o presidente, num segundo plano, atender América do Sul, do Norte e Europa.

 

“É uma companhia com muita base e eu acho que quem tem a ganhar é todo o povo brasileiro, ou seja, ganhando uma companhia cem por cento nacional, que vai democratizar a mobilidade no país. Nós vamos integrar o avião, com ônibus, com carro, com bagagens e encomendas, ou seja, é fazer mobilidade no país, que é o que está faltando”, finaliza.

 

Confira aqui os detalhes do primeiro Airbus 320 da companhia que chegou no último sábado em Natal (RN)

 

Pretende viajar em outras companhias? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

(Visited 88 times, 1 visits today)

local_offerevent_note fevereiro 23, 2021

account_box Claudio Lacerda