Jatos da Embraer serão usados nos voos da Azul de Porto Alegre para Montevidéu

482528_10151293227647234_979974138_n

A companhia deixa de usar nesta rota o ATR-72, modelo turboélice de 70 lugares. A Azul é líder de operações na capital gaúcha.

Os voos da Azul que ligam Porto Alegre a Montevidéu passarão a ser operados diariamente com aeronaves Embraer 195, com capacidade para até 118 passageiros. A aeronave, que já era utilizada três vezes por semana, em 4 de agosto passará a operar diariamente os voos entre as cidades, representando um aumento de mais de 40% na oferta total de assentos.

O jato da Embraer está sendo usado na alta temporada de verão para alguns voos de Porto Alegre durante a semana entre 2 de maio e 29 de julho. A Azul é líder de operações em Porto Alegre, e graças ao mais de 15 destinos servidos a partir da capital gaúcha, a companhia permite que passageiros de várias partes do país possam chegar a Montevidéu com apenas uma conexão.

jato66

SANTO ÂNGELO

A partir de 3 de julho, a Azul começa a oferecer voos às segundas e sextas-feiras de  Santo Ângelo (RS) para Porto Alegre. As passagens para essas novas frequências já estão sendo vendidas. A partir de 31 de julho Santo Ângelo terá voos para a capital gaúcha às quartas e domingos. A aeronave responsável pelo trajeto será o turboélice ATR 72-600.

O voo terá duração de pouco mais de uma hora. Com cerca de 80 mil habitantes, Santo Ângelo é uma importante porta de entrada para a região Noroeste do Rio Grande do Sul. A economia local tem base no comércio e agronegócio, além de apresentar força no turismo, sobretudo no que diz respeito aos aspectos históricos da cidade e da região.

jato77

ACESSE AQUI AS OFERTAS DA AZUL

buenos-aires_300x250.jpg

Passageiros dos voos da Azul de Santo Ângelo para Porto Alegre serão isentos da taxa de embarque

1024px-ruinas-saomiguel3
Operações da companhia na cidade gaúcha começam no dia 3 de julho com duas frequências semanais. Passagens estão sendo vendidas por R$ 119,90 o trecho

A cidade de Santo Ângelo, localizada a 450 quilômetros de Porto Alegre, terá a partir de 3 de julho dois voos sem escalas para Porto Alegre. A companhia está vendendo as passagens a partir de R$ 119,90 ou trecho ou 5 mil pontos do TudoAzul. Inicialmente serão duas ligações semanais para Porto Alegre por conta do inverno. A partir de 31 de julho, a operação passará a quatro frequências semanais.

Os passageiros de Santo Ângelo estão isentos do pagamento da taxa de embarque (veja na imagem abaixo). O motivo é que aeroporto da cidade foi liberado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para receber voos comerciais, mas ainda não tem uma categoria definida, o que permite a cobrança da taxa. Essa taxa é usada para cobrir as despesas do aeroporto. Quem for viajar de outras cidades para Santo Ângelo paga a taxa de embarque normalmente.

                                                                           TAXA ISENTA EM SANTO ÂNGELO

angelo
TURISMO 

Com cerca de 80 mil habitantes, Santo Ângelo é uma importante porta de entrada para a região Noroeste do Rio Grande do Sul. A economia local tem base no comércio e agronegócio, além de apresentar força no turismo, sobretudo no que diz respeito aos aspectos históricos da cidade e da região. Ainda, a 50 minutos de Santo Ângelo está localizado o Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo, (foto acima) popularmente conhecido como Ruínas de São Miguel das Missões, um dos pontos turísticos mais procurados da região.

A Azul vai usar o turboélice ATR 72-600, de 70 assentos nos voos de Santo Ângelo. A bordo, os passageiros terão à disposição snacks e bebidas gratuitos. Além de Santo Ângelo e Porto Alegre, os destinos servidos pela Azul em solo gaúcho são Caxias do Sul, Pelotas, Santa Maria, Passo Fundo e Uruguaiana. Diariamente, a empresa opera aproximadamente 40 voos no Rio Grande do Sul.

                                                   CONFIRA OS HORÁRIOS DOS VOOS DE SANTO ÂNGELO

angelo02

FRASE……

 “Com a homologação do aeroporto de Santo Ângelo para receber voos comerciais, estamos prontos para aumentar a nossa atuação no Rio Grande do Sul e levar todo o conforto e rapidez de uma operação aérea para o Noroeste gaúcho. Seremos a única companhia aérea operando na região, e trabalharemos de forma impecável para levar o melhor serviço para nossos Clientes”

Daniel Tkacz, diretor de Planejamento e Alianças da Azul.

ENCONTRE AQUI AS PROMOÇÕES DA AZUL

Banner Novo azul 120x600

Baixa para o mercado regional! Anac abre processo para cassar licença de operação da Brava

A Brava
Linhas Aéreas, com sede em Porto Alegre (RS), está prestes de perder licença de
operação. A companhia está com as operações suspensas desde dezembro de 2013. A
Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) abriu processo de caducidade que
poderá cassar a autorização de operação da empresa nos próximos dias.

A Brava
pretendia retomar operações no dia 27 de fevereiro de 2014. Como não surgiu
nenhum parceiro para investir na empresa, a Brava, antiga NHT, não chegou a
usar o EMB-120, batizado de Brasília com 30 lugares (foto acima). A aeronave seria usada no
voo diário de Curitiba (PR) para Congonhas (SP).
Os
últimos voos da Brava eram de Porto Alegre foram para Rio Grande. Em dezembro
do ano passado a empresa contava com apenas um LET-410, com 19 assentos. A
aeronave deixou de operar por falta de peças para a sua manutenção. A empresa
chegou a contar com quatro aeronaves e 90 funcionários. Até um simulador foi
comprado para treinamento da tripulação.

A Brava foi comprada em agosto de 2012 pelo
empresário Jorge Barouki, atual presidente da empresa. A companhia operada no
Rio Grande do Sul nas cidades de Santo Ângelo, Santa Rosa, Erechim e Passo
Fundo e Pelotas. A companhia tinha planos de lançar voos de Chapecó e
Navegantes. O site www.voebrava.com.br ainda está no ar. 

     SITE DA BRAVA INFORMA OS ÚLTIMOS VOOS
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com