Tudo viagem

Confira todos os documentos que você precisa para emitir o passaporte

Para cidadãos brasileiros, não há obrigatoriedade de uso do passaporte em alguns países da América do Sul, como Uruguai, Argentina e Chile.

Para entrar em diversos países é necessário apresentar o passaporte emitido pela Polícia Federal.  A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) preparou um passo a passo para facilitar todas as etapas na emissão do documento.  Para cidadãos brasileiros, não há obrigatoriedade de uso do passaporte em alguns países da América do Sul, como Uruguai, Argentina e Chile, sendo necessário somente documento de identidade com foto, como o RG atualizado. O documento tem que ser emitido há menos de 10 anos.

Em outros, no entanto, o passaporte é obrigatório e deve ter, pelo menos, mais de seis meses de validade a partir da data de embarque. Alguns países exigem, também, a apresentação de visto de turismo ou negócios (consulte a lista no site do Itamaraty). Informe-se antes da viagem para evitar dor de cabeça. O passaporte tem validade de dez anos para pessoas acima dos 18 anos. Abaixo desta idade o prazo varia de um a cinco anos.

Para poder emitir seu passaporte, você deve:

-Possuir título de eleitor, quando obrigatório;

-Ter votado na última eleição, quando obrigatório, justificado, ou pago a respectiva multa;

-Para os homens, é necessário estar quite com o serviço militar obrigatório;

-Não ser procurado nem impedido de obter passaporte ou de sair do País pela Justiça

-Você cumpriu os requisitos acima? Agora é hora de reunir a documentação necessária para apresentação: documento de identificação (Cédula de Identidade, Carteira de Trabalho, Carteira Nacional de Habilitação ou passaporte anterior, ainda que vencido), CPF, certidão de nascimento, casamento ou divórcio (caso o nome do requerente tenha sido alterado) e certificado de naturalização (para brasileiros naturalizados).

-Vai emitir um novo passaporte? Não esqueça de levar o seu antigo!

O documento é confeccionado pela Polícia Federal. Portanto, você deve acessar o site da instituição para preencher o formulário de emissão.

Durante o requerimento, será emitida uma Guia de Recolhimento da União (GRU). O valor atual é de R$ 257,25. Após o processamento do pagamento você poderá agendar a entrega dos documentos em um posto da Polícia Federal de sua preferência. É possível reagendar a entrega, caso necessário.

Compareça ao posto da Polícia Federal na data e horário marcado com os documentos necessários.
O prazo de entrega do documento é, em média, de seis dias úteis. Você receberá um protocolo com a data provável de entrega.

Caso necessário, consulte o andamento do processo no site da Polícia Federal.

 

FAÇA AQUI A SUA COTAÇÃO E GARANTA DESCONTOS NAS PASSAGENS AÉREAS

 

Aeroporto de Guarulhos ganha onze portões de leitura automatizada de passaportes

O Aeroporto Internacional de São Paulo passa a contar,
neste mês, com portões eletrônicos de controle automatizado de passaporte
brasileiro. Também conhecidos como e-gates, os portões eletrônicos agilizam consideravelmente
o processo de inspeção de passaporte realizado pela Polícia Federal, reduzindo
o procedimento de três minutos, em média, para apenas 30 segundos.

Os e-gates são equipados com sistemas que permitem checar
as informações do passaporte brasileiro que possui chip eletrônico e fazer o
reconhecimento biométrico-facial do passageiro. Uma vez confirmado que o
documento é autêntico e a pessoa é a titular do passaporte, os portões se abrem
automaticamente, permitindo o acesso à área de embarque sem a necessidade de um
agente da PF.
A Polícia Federal controla todo o sistema remotamente. Caso
ocorra alguma situação anormal, os agentes podem agir imediatamente. Os passageiros
que não possuem o novo passaporte e menores de 18 anos precisam realizar o
procedimento normal pelo guichê de atendimento da Polícia Federal. Inicialmente,
a tecnologia estará em funcionamento em operação assistida pela Polícia Federal
no Terminal 3, com três equipamentos no embarque e seis portões no desembarque. 
No Terminal 2, estão instaladas três unidades no embarque
do TPS2 e, depois, quatro no desembarque do mesmo terminal, totalizando 16
e-gates em todo o aeroporto. A previsão é que os equipamentos estejam
totalmente operacionais a partir do dia 2 de janeiro de 2015.

CONTROLE DE ACESSO
 Em agosto, o
aeroporto também concluiu a instalação dos portões eletrônicos de controle de
acesso de passageiros à área de embarque nos Terminais 1, 2 e 4. Até julho, a
tecnologia estava funcionando apenas no TPS3, inaugurado em maio deste ano. A
estimativa da Concessionária é que o fluxo de passageiros no controle de acesso
seja de 15 a 20% mais rápido. Ao todo, foram instalados 11 equipamentos, além
dos cinco que estão em operação no TPS3.
São equipamentos instalados em Guaarulhos
Com a conclusão do
projeto, o GRU Airport passa a ser o primeiro aeroporto da América do Sul a
instalar os portões de controle de acesso, também conhecidos no jargão
aeroportuário por Bar Coded Boarding Pass (BCBP). O sistema já foi implantado
em alguns dos aeroportos mais movimentados do mundo, incluindo Changi Airport,
em Singapura, Gatwick Airport, em Londres, Aeroporto de Hanói, no Vietnã, e no
Aeroporto Internacional de Hong Kong.
O novo sistema permite checar rapidamente os bilhetes de
embarque dos passageiros por meio de scanners de código de barras 2D, liberando
automaticamente os passageiros à área de embarque. Caso a pessoa esteja no
portão errado, o sistema trava o acesso. Além disso, o sistema auxilia na
análise do fluxo de passageiros nos pontos de verificação de segurança,
indicando se há necessidade de mais atendentes na área, bem como faz a contagem
de validação de passageiros para as companhias aéreas.
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com