Estrada Real é reconhecida como Monumento Nacional

Estrada Real é reconhecida como Monumento Nacional

São 183 localidades, entre municípios e distritos, dos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo

O Caminho da Estrada Real foi reconhecido como Monumento Nacional. A Lei 14.698, de 2023, foi publicada na última sexta-feira (20/10). A Estrada Real é um conjunto de caminhos da época Imperial que abrangem os estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, atravessando a Mata Atlântica, entre a Serra da Mantiqueira e a Serra do Mar.

Sancionada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, a norma teve origem no PL 1.854/2021, aprovado em decisão terminativa pela Comissão de Educação (CE), em setembro.

A estrada surgiu em meados do século XVII, e foi aberta pela coroa portuguesa para ligar o litoral fluminense às áreas de mineração. Atualmente, a rota é um famoso atrativo turístico, que conta a história do ouro e diamantes retirados das terras mineiras.

No decreto estão listados, em ordem alfabética, 183 localidades, entre municípios e distritos, que fazem parte da antiga Estrada Real — que deu origem a estradas que hoje ligam os estados do Rio de Janeiro, de São Paulo e Minas Gerais.

Entre os municípios da Estrada Real, que tinha duas grandes rotas, estão os mineiros Diamantina, Ouro Preto, São João del-Rei, São Lourenço, Juiz de Fora, os fluminenses Paraíba do Sul, Três Rios, Petrópolis, Magé e os paulistas Cruzeiro, Guaratinguetá, Cunha e Paraty, novamento no Rio de Janeiro.

Confira AQUI  a lei completa.

Deixe um comentário Cancelar resposta

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com

Ação não permitida!

Sair da versão mobile