Brasil e o Caribe conectados por uma nova companhia lowcost

A companhia aérea Fly Caribbean Direct oferecerá  voos  diretos de São Paulo e Brasília para o Caribe a partir do segundo semestre de 2020.

A Fly Caribbean Direct (FLY-CD) é uma companhia aérea lowcost da Holanda que, a partir do segundo semestre de 2020, conectará os aeroportos da América do Sul ao Caribe via Bonaire, onde fica o hub. A aérea terá voos diários com uma maior parte dos assentos distribuídos por meio de acordos B2B com uma rede de operadores parceiros na América do sul que oferecem pacotes turísticos incluindo voos da cia. A FLY-CD terá quatro origens na América do Sul: Buenos Aires e Córdoba, na Argentina, além de São Paulo e Brasília, no Brasil. Os destinos no Caribe serão Aruba, Bonaire e Punta Cana (República Dominicana), Cancun (México) e Havana (Cuba). Em breve, a aérea prentende incluir ainda rotas para St. Maarten, Orlando e Miami.

 A iniciativa é encabeçada por Stephan Huisman, empresário da indústria de viagens há mais de 10 anos. Na América do Sul, o executivo conta com o suporte de uma equipe de gerentes experientes no mercado de aviação e também recebe apoio dos maiores operadores locais. Os voos da FLY-CD serão operados com duas aeronaves Airbus A320 em esquema de leasing.

A Fly Caribbean Direct oferecerá voos diretos de São Paulo e Brasília para a ilha de Bonaire, no Caribe, se conectando também a Aruba, Cancun, Havana e Punta Cana. Com o início dos voos a economia caribenha será impulsionada por meio dos beneficios que o turismo traz, dando a possibilidade de criação de novos empregos na indústria do turismo, a geração de empreendimentos e novas infraestruturas, assim como o surgimento de futuras conexões aéreas.

Texto por agência com edição de Natalia Bastos

Imagen destacada via Istock/czekman13. Praia de Punta Cana (República Dominicana)

 

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com