Tudo viagem

Gol já atende a 95% das cidades com voos para o Rio de Janeiro

A Gol é a única companhia que oferece voos do Rio de Janeiro para Aracajú, Belém, Florianópolis, Foz do Iguaçu-PR, João Pessoa, Manaus, Maceió, Natal, Navegantes e São Luis.

Em números de destinos, a Gol já atende a 95% das cidades em outubro com voos para o Rio de janeiro, quando comparado ao volume no período anterior à pandemia. São 22 destinos ofertados pela companhia no momento, sendo os mais recentes para Foz do Iguaçu, Campinas, sendo essa última a partir tanto do Santos Dumont quanto do Galeão

A Gol é a única companhia que oferece voos do Rio de Janeiro para Aracajú, Belém, Florianópolis, Foz do Iguaçu-PR, João Pessoa, Manaus, Maceió, Natal, Navegantes e São Luis. As passagens destes novos destinos já estão sendo vendidas no site da Gol.

Os demais destinos atendidos pela Gol a partir do Rio de Janeiro são Brasília,  Recife, Salvador,  Curitiba, Porto Alegre, Goiânia,  Belo Horizonte,  Campinas e Vitória,   além da ponte aérea com São Paulo/Congonhas e para o aeroporto Internacional de Guarulhos.

A Gol aumentou em outubro de 41 para 61 o número de voos nos aeroportos dos Santos Dumont e do Galeão), um aumento médio de 35% em decolagens e em oferta de assentos. Assim, a Gol chega a uma diferença expressiva de 150% de oferta superior em relação ao segundo colocado no mercado carioca, reforçando sua liderança na cidade.

Garanta aqui passagens aéreas com descontos para destinos nacionais e internacionais

Gol terá 302 voos diários em 119 mercados em setembro

Os voos estão distribuídos em 60 bases nacionais,  52 delas são operadas pela própria Gol,  e oito pela companhia VoePass.

A Gol terá no mês de setembro 302 voos diários, um crescimento de 49% em decolagens e 50% em assentos por dia. Em agosto a companhia operou 2o2 voos diários. A Gol atenderá 135 mercados, sendo 119 operados pela própria companhia,  16 pela companhia aérea parceira VoePass.

Os voos estão distribuídos em 60 bases nacionais,  52 delas são operadas pela própria Gol,  e oito pela VoePass. No total, são 11 novos mercados que passam a ser contemplados na malha aérea da Gol em setembro. Estão sendo retomados os vos em Londrina, no Paraná, Juiz de Fora, em Minas Gerais, e Presidente Prudente,  em São Paulo. Os voos serão para o Aeroporto de Guarulhos.

Aeronaves da Gol no Aeroporto de Salvador. (fotos de Will Recarey).

Os aeroportos de Guarulhos, Brasília (BSB) e Galeão (GIG) se mantêm como os hubs primordiais da Gol, permitindo a comunicação com vários outros pontos do Brasil, o que já vinha acontecendo nos dois meses anteriores. Nestes aeroportos os passageiros da Gol têm à disposição conexões para outros três aeroportos de relevância: Fortaleza (FOR), Salvador (SSA) e Belém (BEL),.

Fortaleza, por exemplo, passa a ter voos para São Luís (SLZ), enquanto Manaus (MAO) retorna as frequências para Santarém (STM). A VoePass vai operar voos para sete destinos a partir de Salvador: Barreiras (BA), Vitória da Conquista (BA, Petrolina (PE), Maceió (AL), Porto Seguro (BA), Aracaju (SE) e Ilhéus (BA).

A Gol retorna no Aeroporto de Congonhas a partir de 6 de setembro voos para Porto Alegre, Curitiba, Santos Dumont, Belo Horizonte (Confins), Brasília, Salvador e Recife. Entre 5 de agosto e 5 de setembro, durante obras na pista principal, somente a Azul e a VoePass estão operando na pista auxiliar de Congonhas com o ATR-72 com 70 assentos.

Conforme o Tudo Viagem divulgou com exclusividade, a Gol terá voos diários de Campinas para o Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Também serão retomados os voos do o aeroporto central carioca para Curitiba, Confins, Goiânia e Vitória.

Também serão retomados em setembro as operações em Sorriso e Rondonópolis, no Mato Grosso. Os voos serão para Brasília e serão operados pela VoePass. Os voos internacionais da Gol continuam suspensos.

Acesse aqui todos os voos da Gol para setembro

Gol acirra disputa com a Azul e lança voos Campinas/Santos Dumont

 

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

 

Gol acirra disputa com a Azul e lança voos Campinas/Santos Dumont

A Gol começou a oferecer em julho deste ano voos de Campinas para Salvador, além das rotas para o Galeão e Brasília que já eram operadas.

A partir de quinta-feira (03/09) a Gol terá quatro voos diários entre Campinas e o Aeroporto Santos Dumont, localizado no centro da cidade do Rio de Janeiro.  Viracopos é principal centro de distribuição das rota das Azul. O lançamento das frequências sem escalas para o Santos Dumont é uma resposta da Gol ao recente compartilhamento de voos (codeshare) entre LATAM e Azul.

A Azul tem uma espécie de ponte aérea entre Campinas e o Santos Dumont. Em alguns dias da semana são oito voos diários em cada sentido. A entrada da Gol neste mercado vai beneficiar os consumidores com a redução dos preços das passagens aéreas. Nos sites das duas companhias é possível encontrar a ida  e a vota por menos de R$ 320, com taxas incluídas, para viagem em outubro deste ano.

A Gol começou a oferecer em julho deste ano voos de Campinas para Salvador às segundas, quartas e sextas. A Gol já oferece voos sem escalas de Viracopos para Brasília e Galeão (RJ). Será que a Gol também vai oferecer ônibus de graça de Campinas para a cidade de São Paulo? Estamos na torcida para que isso aconteça.

Horários dos voos da Gol de Campinas para o Santos Dumont

Saída da LATAM de Campinas

A LATAM Brasil deixou de operar em Campinas em março deste ano, quando começou a redução de voos por causa do coronavírus. No site da companhia é possível comprar voos partindo e chegando de Campinas através do acordo com a Azul. O acordo entre as duas empresas inclui 64 rotas domésticas no Brasil.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

 

 

 

 

 

Gol vai atingir 30% de sua capacidade com o lançamento de 250 voos diários em julho

A Gol vai reativar os voos diretos de Salvador para Recife, João Pessoa, Natal, Fortaleza, Vitória, Belo Horizonte, Rio de Janeiro/Santos Dumont.

A Gol terá no mês de julho 250 voos diários que vão atender 100 diferentes mercados domésticos, o que representa 30% de sua capacidade operacional. Antes da pandemia a companhia chegou a oferecer 800 voos diários. Quando comparado com o mês de junho, que contempla 100 voos diários, em julho o aumento será de 150% nas decolagens da Gol.

Em julho os  aeroportos de Brasília (BSB), Galeão (GIG), no Rio de Janeiro, e Guarulhos (GRU), em São Paulo,  serão destaque no número de rotas reativadas da Gol. Brasília volta a ser um dos hubs da companhia, passando a se comunicar com 14 novos mercados (11 operados pela Gol, e 3 pela companhia parceira VoePass), entre eles, Florianópolis (FLN), Vitória (VIX) e Campo Grande (CGR).

A Gol é a única que terá em julho voos sem escalas de Brasília para  Aracaju (AJU), Goiânia (GYN), Florianópolis, Maceió (MCZ), Natal (NAT) e Vitória. Brasília vai receber voos de Palmas (PMW), Boa Vista (BVB), Rio Branco (RBR), Porto Velho (PVH), Belém (BEL), Manaus (MAO) e Macapá (MCP).

A Gol vai reativar os voos diretos de Salvador para Recife, João Pessoa, Natal, Fortaleza, Vitória, Belo Horizonte, Rio de Janeiro/Santos Dumont, além de inaugurar serviços para Viracopos (Campinas) e Vitória da Conquista da capital baiana. Fortaleza voltará a ter voos para Belém, Manaus, Teresina, São Luis e Santarém.

Confira as 8 bases regionais que serão reativadas pela Gol

Sinop (OPS), no Mato Grosso

Vitória da Conquista (VDC), na Bahia

Passo Fundo (PFB), no Rio Grande do Sul

Joinville (JOI), em Santa Catarina

Cascavel (CAC), no Paraná

Uberlândia (UDI), em Minas Gerais,

Santarém (STM), no Pará

Viracopos (VCP), em Campinas (SP)

Confira os 6 destinos regionais da Gol que serão operados pela VoePass

Barreiras (BRA), na Bahia

Araguaína (AUX), no Tocantins

São José do Rio Preto (SJP), em São Paulo

Dourados (DOU), no Mato Grosso do Sul

Rio Verde (RVD), em Goiás

Araçatuba (ARU), em São Paulo

Frase….

“O transporte aéreo é um serviço essencial para o País, principalmente em um momento como o atual. Na Gol, a demanda dos Clientes é parte da importante decisão de oferecer o serviço de uma rota, sempre levando em conta as medidas de Segurança, em conformidade com os órgãos competentes tanto no Brasil como no Exterior”

Celso Ferrer, vice presidentes de Operações da Gol.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

Gol vai retomar operações em Campinas em julho com voos sem escalas para Salvador

Por cauda pandemia do coronavírus, a  Gol operou nos meses de março, abril e maio somente em Guarulhos, na Grande São Paulo.

A Gol decidiu retomar os voos em Campinas a partir de julho e com novidades! Além de voltar a operar as rotas sem escalas para o Rio de Janeiro (Galeão) e Brasília, a companhia decidiu lançar voos sem escalas para Salvador. As partidas de Campinas serão sempre às segundas, quartas, sextas e domingos. No sentido inverno os voos serão nos mesmos dias.

Quem for viajar pela Gol no mês de julho encontra passagens de ida e volta de Campinas para Salvador por apenas R$ 345,15. (veja na imagem abaixo). Já os bilhetes de Campinas para o Rio de Janeiro, também para viagem em julho, podem ser comprados por R$ 215,87, valores com todas as taxas incluídas.

A decisão da Gol retomar as operações em Campinas forçou a Azul reduzir os preços das passagens. Nos voos para o Rio de Janeiro (Santos Dumont) é possível comprar a ida e a volta por R$ 265,75 para viagem no mês de julho. (Veja promoção abaixo).

Garanta aqui as passagens de ida e volta de Campinas para Salvador a partir de R$ 345

Operação em Guarulhos

Por cauda pandemia do coronavírus, a  Gol operou nos meses de março, abril e maio somente em Guarulhos, na Grande São Paulo. A partir da segunda quinzena de junho retomou as operações em Congonhas e em julho vai aumentar os voos na capital paulista.

O Aeroporto de Campinas é o principal centro de distribuição de voos da Azul. Com a acordo de compartilhamento de voos entre LATAM e Azul, a Gol decidiu reforçar as operações em Campinas para ganhar novos mercados, além de ser uma forma de enfrentar a concorrência com as duas companhias.

Passagens aéreas de ida e volta com taxas incluídas saindo de Campinas

Gol pousa em Porto Seguro depois de a cidade ficar 76 dias sem voos

O voo da Gol foi retomado para atender quem os passageiros que precisam viajar em casos de urgência já que a cidade está o turismo paralisado.

Porto Seguro, no Sul da Bahia, destino turístico mais visitado pelos brasileiros antes da pandemia do coronavírus, recebeu nesta quinta-feira (11/06) o primeiro voo depois de 76 dias sem nenhuma operação comercial. O voo da Gol número  2800 pousou na cidade baiana com 150 passageiros que embarcaram em Guarulhos, na Grande São Paulo. O mesmo avião, número 2801 decolou de Porto Seguro com 84 passageiros. (Veja abaixo da chegada da aeronave em Porto Seguro).

O voo da Gol foi retomado para atender quem os passageiros que precisam viajar em casos de urgência já que a cidade ainda está com todos hotéis e pousadas fechados  desde o final de março. A Gols será voos às terças, quintas e domingos de Guarulhos para Porto Seguro durante todo o mês de junho, podendo ampliar ampliar a operação em julho caso aumente a demanda. O último voo comercial em Porto Seguro foi no dia 27 de março deste ano.

Aeronave da Gol em Porto Seguro nesta quinta-feira (11/06)

A retomada do voo da Gol foi motivo de comemoração no Aeroporto de Porto Seguro. Um vídeo que circula pelas redes sociais mostra a comemoração dos funcionários da companhia e do aeroporto quando a aeronave se aproxima do pátio onde é realizado o desembarque. Até jatos de água, o tradicional batismo, realizado no primeiro voo de uma companhia em uma cidade, foi realizado em Porto Seguro nesta quinta-feira.

A Azul planeja retomar as operações em Porto Seguro no dia 21 de julho com três voos semanais para Confins, em Belo Horizonte. No dia 25 de julho a Azul vai atender o mercado de Campinas com voos aos nos finais de semana para Porto Seguro. A LATAM planeja voltar a operar em Porto Seguro com voos para Guarulhos no início de julho.

Porto Seguro registrou até 11 de junho 258 casos confirmados da doença e três mortes. Por causa do avanço da doença no extremo Sul da Bahia, o governo estadual decretou toque de recolher em Porto Seguro e em mais 18 cidades. Ninguém pode sair de casa no horário das 18h às 5h. Essa medida restritiva vai até 15 de junho.

Assista ao vídeo da chegada da aeronave da Gol em Porto Seguro

Precisa viajar? Faça aqui a sua pesquisa e garanta descontos na compra das passagens aéreas

Toque de recolher em Porto Seguro e mais 18 cidades; veja quais

Gol já devolveu 11 aeronaves e planeja abrir mão de outras 37 até 2022

Serão reabertas pela Gol até o final de junho 5 bases, entre elas Porto Seguro, Petrolina, Ilhéus, Juazeiro do Norte e Chapecó.

Em comunicado ao investidor, a Gol  informou que desde a última atualização mensal, em 13/5/20, que melhorou sua posição de liquidez para mais de 12 meses em reservas de caixa, o que protege e fortalece a companhia nessa crise. A Gol reduziu sua frota em 11 aeronaves B737-800 arrendadas, planeja devolver outras sete aeronaves arrendadas no 2° semestre de 2020, e pode reduzir até outras 30 em 2021-2022, com a flexibilidade de abir mão de um número superior caso a demanda estiver menor.

No comunicado a  Gol alega que cortou os recebimentos do Boeing 737 MAX para 2020-2022 em 47 aeronaves. “A Companhia acredita que está bem posicionada nessa retomada, devido à sua participação de 38% no mercado doméstico de passageiros no Brasil, com uma malha que atende clientes dos segmentos de negócios e de lazer”, diz trecho do comunicado.

Atualmente a Gol está com 130 aeronaves em sua frota, mas deste total apenas 13 estão sendo usadas em sua malha. As operações em maio representaram 7% do realizado em maio no ano passado, aumentando para 10% no final do período com a reabertura das bases nos aeroportos de Foz de Iguaçu e Navegantes.

A Gol também aumentou o número de voos a partir de Congonhas, São Paulo, para os aeroportos de Santos Dumont e Galeão, no Rio de Janeiro. A té o final de junho a Gol espera chegar a 20% do realizado no mesmo mês do ano passado, com 27 aeronaves operacionais na malha.

Serão reabertas pela Gol até o final de junho cinco bases, entre elas Porto Seguro, Petrolina, Ilhéus, Juazeiro do Norte e Chapecó, além de  voos adicionais a partir do aeroporto de Congonhas em São Paulo para nove aeroportos (Porto Alegre, Curitiba, Confins, Florianópolis, Navegantes, Recife, Salvador, e Santos Dumont e Galeão no Rio de Janeiro).

Acordo coletivo

A Gol e o Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) fecharam um acordo que se estende pelos próximos 18 meses, com o objetivo de manter mais de 5.000 empregos para seus pilotos e tripulação, além de preservar caixa. O acordo visa preservar 16 mil empregos.

Segundo a Gol, a medida abrangeu 926 comandantes, 964 copilotos e 3.262 comissários de bordo da empresa.  Em abril/20  a Gol reduziu a jornada de trabalho e a remuneração dos Colaboradores operacionais e administrativos, negociou meio expediente para sua tripulação, e diminuiu salários em 50% para gerentes e diretores e em 60% para Vice-Presidentes e o Diretor-Presidente.

“Com tais premissas conservadoras, a companhia estima possuir atualmente mais de 12 meses de caixa disponível, incluindo o pagamento integral de todas as despesas financeiras e dívidas. Isso é um incremento em relação aos 10 meses de caixa do seu relatório mensal de abril, decorrente de maiores reduções de custo e de recuperação na demanda dos clientes”, diz outro trecho do comunicado da Gol.

Caixa para 12 meses

Em 31 de maio, a Gol possuía aproximadamente R$ 3,5 bilhões em liquidez total, o que garante mais de 12 meses de caixa disponível (excluindo reembolsos e caixa restrito). No mês, a Gol utilizou aproximadamente US$30 milhões para liquidações de operações de hedge de combustível. Contemplando os valores financiáveis de depósitos e ativos não onerados (destacados na tabela abaixo), as fontes de liquidez da Gol seriam aproximadamente R$7 bilhões. A companhia atualmente dispõe de R$1,7 bilhão em ativos não onerados.

Pretende viajar? Faça aqui a sua cotação e garanta voos com descontos especiais

Gol vai reativar voos em Porto Seguro e mais 4 cidades; veja quais

A empresa estabelece o retorno das decolagens do aeroporto paulista para Florianópolis (FLN), Navegantes (NVT) e Salvador (SSA), com quatro saídas na semana, e Recife (REC), com seis.

A Gol vai aumentar em junho de 68 para 100 o número de voos diários, um acréscimo de 47% em relação ao mês de maio. Serão reabertas a partir do dia 10 de junho as bases de Chapecó (XAP), em Santa Catarina, Ilhéus (IOS) e Porto Seguro (BPS), na Bahia, Juazeiro do Norte (JDO), no Ceará, e Petrolina (PNZ), em Pernambuco.

Todos os voos da Gol serão para o Aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos (GRU). Com exceção de Juazeiro, com quatro saídas semanais, os demais destinos têm três frequências.

“Comparando-se com as operações vigentes no período que antecedeu a chegada do coronavírus ao Brasil, essa centena representa uma redução ainda marcante da capacidade da companhia, de 87%”, diz trecho de um comunicado da Gol.

O Aeroporto de Congonhas, um dos mais importantes do Brasil, passará a complementar as ofertas do aeroporto de Guarulhos, que deixa de concentrar todas as atividades da Gol. A empresa estabelece o retorno das decolagens do aeroporto paulista para Florianópolis (FLN), Navegantes (NVT) e Salvador (SSA), com quatro saídas na semana, e Recife (REC), com seis.

Congonhas terá  horários para atender os clientes corporativos que precisam viajar para Belo Horizonte (CNF), Curitiba (CWB) e Porto Alegre (POA). Todos esses trechos entram em vigor no dia 10 de junho.

O aeroporto internacional de Brasília, que desde maio atende primordialmente ao Norte do País, ganha reforço com novos voos para essa região, assim como para o Sul, o Sudeste e o Nordeste. Na capital federal, a GOL resgata ainda operações para Recife (REC), com três frequências semanais de ida e volta – além do Galeão, no Rio de Janeiro, de segunda a sábado, também no dia 10 de junho.

Mais voos no Galeão

A Gol vai ampliar o número de voos do Galeão para o Nordeste, cujos destinos estão sendo contemplados desde maio. As novidades nesse aeroporto internacional são a rota para Aracaju (AJU) – às terças, quintas e domingos – e as partidas para Curitiba e Porto Alegre (ambas de segunda a sexta e domingo), e Vitória (segunda, terça, quarta, sexta e domingo). Esses voos também terão início em 10 de junho.

Segundo a Gol, a bases reabertas em maio – Navegantes, em Santa Catarina, e Foz do Iguaçu, no Paraná – mantêm-se em atividade em junho, período para o qual a empresa não tem planos de reaver seus voos internacionais.

A Gol alerta que a austes pontuais na malha aérea poderão ocorrer face a mudanças de cenários da pandemia ou exigências regulatórias. As passagens dos novos voos já estão sendo vendidas no site da Gol.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especais

Gol vai reativar em maio voos em 5 aeroportos; saiba quais

Atualmente a Gol está operando no estado de São Paulo somente no Aeroporto de Guarulhos e no Rio de Janeiro as partidas e chegadas são pelo Galeão.

Depois da decisão da Azul de reativar a partir de maio voos em 9 cidades a partir do mês de maio deste ano, agora a boa notícia vem da Gol. A partir de 24 de maio a Gol vai reativar as operações em 5 aeroportos. No final de março, quando começou a vigorar a malha reduzida, em função da crise do coronavírus, a Gol estava atendendo apenas 27 cidades. Já no mês de maio serão 32 aeroportos  que terão voos da Gol, entre eles Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ).

Atualmente somente a LATAM está oferecendo voos na ponte aérea Rio/São Paulo, uma das rotas mais rentáveis para as companhias brasileiras antes da crise causada pelo coronavírus. A Azul voltará a operar as frequências entre o Santos Dumont e Congonhas a partir de 1° de junho deste ano. Caso o mercado melhore, a Azul poderá reativar os voos da ponte aérea Rio/São Paulo antes de junho.

A Gol vai voltar a operar também em Foz do Iguaçu a partir de 24 de maio. A Azul também decidiu reativar as operações na cidade onde fica as Cataratas do Iguaçu. As outras cidades que terão os voos reativados pela Gol em maio são Maringá (PR) e Navegantes (SC).

Atualmente a Gol está operando no estado de São Paulo somente no Aeroporto de Guarulhos e no Rio de Janeiro as partidas e chegadas são pelo Galeão. Já a Azul optou em suspender todos os voos em Congonhas e Guarulhos. Os voos estão sendo operados em Campinas.

Pretende viajar? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especiais

Confira as 9 cidades que terão os voos retomados pela Azul

Gol inicia a venda das passagens dos voos de Vitória da Conquista; confira detalhes das 6 novas rotas

A outra novidade anunciada pela companhia serão os voos partindo das cidades localizadas no interior de São Paulo de Franca e Barretos.

A Gol começou a vender as passagens dos dois novos voos de Vitória da Conquista (BA) para Guarulhos (SP) que iniciam a partir de agosto. A companhia também terá a partir de agosto dois voos para Guarulhos partindo das cidades de Cascavel, no Paraná, Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. Sinop terá um voo todos os dias a partir de novembro.

A Gol informou que no total em Guarulhos serão 14 novas operações diárias e 42 destinos domésticos atendidos, que consolida a Gol como empresa líder no mais movimentado aeroporto do país. A outra novidade anunciada pela Gol serão os voos partindo das cidades localizadas no interior de São Paulo de Franca e Barretos para Guarulhos. A companhia pretende iniciar estas rotas ainda neste ano, mas não informou quando elas começam.

As seis bases novas fazem parte do plano de incremento de voos para o Estado de São Paulo como contrapartida a redução de 25%para 12% a alíquota do ICMS no querosene de aviação. Para realizar as rotas novas a companhia utilizará suas aeronaves Boeing 737-700 Next Generation, com capacidade de até 138 passageiros que serão aviões com maior capacidade a operar nestes aeroportos.

FRASE…

“É uma satisfação para a GOL anunciar voos regulares para estes novos destinos com nossos modernos jatos Boeing 737, que oferecem wifi e TV ao vivo. A iniciativa adotada pelo Governo do Estado de São Paulo é fundamental para o desenvolvimento e estímulo do setor aéreo no país. Esses novos voos são a primeira fase da nossa expansão em São Paulo, que visa fortalecer a posição competitiva da Gol, líder em transporte aéreo de passageiros no Estado e também no Brasil. Com estas operações passamos a atender 73 destinos, ampliando as opções de voos que já oferecemos aos nossos Clientes e com a garantia de um serviço de excelência”

Paulo Kakinoff, presidente da Gol.

CONFIRA OS HORÁRIOS E DIAS QUE OS VOOS SERÃO OPERADOS

VAI VIAJAR? GARANTA AQUI DESCONTOS ESPECIAIS NA COMPRA DAS PASSAGENS AÉREAS

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com