Saiba como aproveitar o Litoral Norte de São Paulo com tranquilidade na temporada de verão

Saiba como aproveitar o Litoral Norte de São Paulo com tranquilidade na temporada de verão

O Litoral Norte de São Paulo é um dos destinos mais procurados por turistas de diversas partes do Brasil – e do mundo – durante a temporada de verão, que se inicia na próxima quarta-feira (21). A Região Turística, composta pelas cidades de Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba, abriga não só centenas de praias paradisíacas, com estrutura para todos os tipos de turistas, de famílias com crianças a surfistas, como também trilhas, cachoeiras, rios, turismo náutico e diversos outros atrativos naturais.

Com privilegiada localização, a cerca de duas horas do Aeroporto Internacional de Guarulhos, e fácil acesso pelas principais rodovias paulistas, o destino chama a atenção dos viajantes e, por isso, é um dos points mais badalados do verão no Sudeste brasileiro.

Ou seja, é o período ideal para curtir os dias ensolarados entre a Serra do Mar e a Mata Atlântica. Mas, por conta do alto fluxo de visitantes, é importante seguir algumas dicas para garantir um roteiro tranquilo e sem imprevistos para aproveitar o que há de melhor na região.

Pensando nisso, o Circuito Litoral Norte, consórcio turístico que atua no desenvolvimento do turismo regional nas cinco cidades, preparou a seguir algumas sugestões do que pode ser feito (ou evitado) para quem vai viajar na estação mais quente do ano. Confira:

Bertioga

Bertioga é a cidade praiana do Litoral Norte mais próxima da capital paulista, e durante a temporada algumas dicas se tornam importante para que o turista evite ter alguns problemas durante seu deslocamento e estadia.

Aqueles que pretendem adentrar no município em veículos que sejam classificados como ônibus ou micro-ônibus deverão possuir autorização veicular emitida pela Secretaria de Turismo e Cultura.

Todo o deslocamento de chegada e saída da cidade deverá ser observado os melhores horários para que seja evitado o excesso de trânsito, tanto na Rodovia Rio Santos, quando a Mogi Bertioga, utilizando-se de recursos de aplicativos e/ou câmeras das rodovias.

Para os visitantes que preferem praias mais familiares, acolhedoras e com menor presença de pessoas, são sugeridas as regiões de praias mais próximas aos Parques Estaduais e demais áreas naturais, como as Praias do Itaguaré, Guaratuba e as áreas desabitadas do Rio da Praia e Boracéia.

Segundo o diretor de Turismo, Filipe Toni Sofiati: “boas atitudes geram boas atitudes e um turismo saudável, se cada turista fizer a sua parte, sempre terá um ponto turístico limpo, educado, confortável e seguro”.

Caraguatatuba

Caraguatatuba tem dezoito praias, então elas acabam ficando um pouco mais cheias, mas as faixas de areia da região sul ficam mais tranquilas, por terem uma extensão de areia bastante grande.

Uma boa opção são as cachoeiras, já que a cidade tem cachoeira pública no Rio Claro, no Sertão dos Tourinhos e no Massaguaçu, e são pontos um pouco mais tranquilos

O que também pode ser feito são passeios de barco, visitando a ilha do Tamanduá e os ilhotes da Cocanha.

“Caraguatatuba está bem preparada, está bem estruturada. Nós temos o reforço de câmeras de monitoramento, temos a guarda municipal esse ano, que vai dar um apoio bastante importante, além das operações de verão junto com a polícia. A cidade está preparada, a gente tem bastante atividades de música e arena esportiva. Enfim, vai ser um final de ano bastante importante, depois de períodos difíceis que nós passamos”, comenta a secretária de Turismo de Caraguatatuba, Maria Fernanda Galter Reis.

Ilhabela

Idas à praia: o quanto antes chegar, melhor. Evitar horários de pico que começam por volta das 9h. Na volta, estender o fim de tarde e aproveitar para curtir o pôr do sol, evitando de ir embora todos de uma vez.

É bem importante escolher uma hospedagem perto dos lugares escolhidos para serem visitados.

As praias mais tranquilas são as que têm acesso por barco, como Bonete, Indaiúba, Castelhanos, Fome e Eustáquio.

A secretária de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, Luciane Leite, destaca que Ilhabela vem se preparando durante o ano inteiro para receber seus visitantes. “Sabemos que é uma época de muito movimento. Todos querem descansar e aproveitar as festas e os dias ensolarados de verão. Trabalhamos com muita dedicação para que cada um possa aproveitar Ilhabela com tranquilidade, segurança e alegria”.

São Sebastião

“Em São Sebastião, há diversas opções turísticas para toda a família. Temos praias tranquilas, como Guaecá, Toque-Toque Grande e Pitangueiras, com areia branca e águas cristalinas”, afirma a secretária de Turismo de São Sebastião, Adriana Augusto Balbo.

Uma ótima opção para quem quer assistir um lindo pôr do sol é a Praça Pôr do Sol, na praia de Boiçucanga, Costa Sul do município. O local conta com uma excelente estrutura, tendo estacionamento, quadras, deck de contemplação, concha acústica, pista de skate, espaço para jogos e playground.

Para os amantes de trilha e cachoeira, em Boiçucanga, tem a Cachoeira Ribeirão de Itú. A primeira queda possui duas partes, a Hidromassagem e a Pedra Lisa, sendo esta considerada a mais alta cachoeira da trilha com aproximadamente 20 metros de altura. A segunda queda, chamada de Samambaiaçu, tem um grau de dificuldade maior, por a trilha de acesso ser mais íngreme e com trechos irregulares.

No período da noite, o Complexo Turístico da Rua da Praia, no Centro Histórico, é a escolha para quem quer jantar, experimentar pratos da culinária caiçaras e frutos do mar.

Ubatuba

Ubatuba é, atualmente, um dos destinos mais procurados para o período de verão. Sua extensão e geografia com características bem variadas proporciona excelentes locais para sol e mar, e há muitas opções de praias e passeios mais tranquilos.

A Praia da Fazenda e a Ilha Anchieta são unidades de conservação com visitação mais sossegada. No turismo de base comunitária, o Quilombo da Caçandonca conta com a trilha do Saco das Bananas, com praias praticamente desertas. Há também temos o Quilombo do Sertão da Fazenda e do Cambury, que oferecem excelentes atrativos.

Já para quem deseja conhecer uma área indígena, há as Aldeias Boa vista e Renascer, com cachoeiras, trilhas, artesanatos e muita cultura indígena, não esquecendo os caiçaras de norte a sul do município.

“Enfim, Ubatuba espera os visitantes para esse verão 2023 com excelente estrutura comercial, belíssimos atrativos naturais, além de sua rica cultura representada pelas suas comunidades tradicionais”, complementa a secretaria de Turismo de Ubatuba, Thaila Brito.

Além das dicas de cada cidade, lembramos também que é importante evitar horários de pico nas estradas que levam ao Litoral Norte de São Paulo, se possível, não retornar aos domingos no final do dia, e manter sempre protetor solar, repelente e roupas leves na bolsa de praia!

Conheça as experiências para desfrutar o melhor do Litoral Norte de São Paulo durante o ano inteiro em: https://circuitolitoralnorte.tur.br/experiencias

Para conhecer os passeios paradisíacos no Litoral Norte de São Paulo, acesse o guia de fornecedores: https://circuitolitoralnorte.tur.br/guiageral

(Visited 31 times, 4 visits today)

Deixe um comentário

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com