Senador Carlos Viana grava vídeo com análise sobre pedido de recuperação da LATAM Brasil; assista

A recuperação judicial nos EUA é baseada no “chapter 11” da lei de falências americana, que abre um prazo para acordos de renegociação das dívidas.

O senador Carlos Viana (PSD-MG), da Comissão de Infraestrutura do Senado, está acompanhando de perto o pedido de recuperação judicial da LATAM Brasil apresentado nesta quinta-feira (09/07) nos Estados Unidos. Em vídeo produzido com exclusividade para o Tudo Viagem, o parlamentar tranquilizou os consumidores sobre a situação da companhia. Segundo ele, o pedido não afeta em nada as operações da companhia no Brasil. Segundo o senador, a  LATAM Brasil responde por 50% da operação do grupo.

O senador informou que pretende se reunir com a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para discutir a situação das companhias brasileiras. Carlos Viana defende a liberação de empréstimos para todas as companhias brasileiras pelo BNDES. A LATAM negocia a liberação de de R$ 2 bilhões. (Assista ao vídeo abaixo).

O grupo LATAM Airlines (Chile, Peru, Colômbia, Equador, EUA) já havia entrado com o mesmo pedido em maio. As dívidas de todo o grupo, somadas, chegam a US$17,9 bilhões. A empresa anunciou a demissão de 1.400 funcionários durante a crise da pandemia do COVID.

Confira mais detalhes sobre a LATAM

– Antes da crise, a LATAM Airlines transportava 42 milhões de passageiros/ano e tinha 42.000 funcionários. Em abril, chegou a reduzir 95% dos seus voos.

– A recuperação judicial nos EUA é baseada no “chapter 11” da lei de falências americana, que abre um prazo para acordos de renegociação das dívidas. Uma das vantagens do “chapter 11” em relação às leis brasileiras é a possibilidade de romper contratos de leasing sem o pagamento das multas.

– Paralelamente ao pedido de recuperação judicial, a LATAM Brasil negocia um empréstimo de R$ 2 bilhões junto ao BNDES.

– O pedido de recuperação pode ajudar na concretização do empréstimo, onde o BNDES entraria como credor DIP (“debtor in possession). Isto significa que, em caso de falência, o credor tem preferência no recebimento de dívidas.

– A LATAM Airlines suspendeu, por tempo indeterminado, as operações na Argentina, mas afirma que a renegociação não afetará a operação no Brasil.

– No Brasil, a LATAM opera com 5% dos voos, prometendo aumentar para 18% em julho, chegando a 60% até o fim de 2020.

– O processo de recuperação deve demorar algo entre 12 e 18 meses. Caso seja bem sucedido, a empresa deve sair dele 40% menor.

MEDIDA PROVISÓRIA 925

– A MP 925, que prevê ajuda às empresas do setor aéreo, além de garantir alguns direitos dos usuários, foi aprovada na Câmara, com modificações, e chega ao Senado hoje, na forma do PLV 23/2020. A MP perde seus efeitos no dia 16 de julho e, portanto, precisa ser aprovada no Senado já na próxima semana. A ANAC é favorável à aprovação da MP.

Fonte: gabinete do Senador Carlos Viana

 

Pretende viajar de avião? Garanta aqui passagens aéreas com descontos especias

(Visited 24 times, 1 visits today)

local_offerevent_note julho 9, 2020

account_box Celso Martins


local_offer