Tudo viagem

Festas, shows e eventos privados estão proibidos em Búzios

Hotéis, pousadas e demais meios de hospedagem podem trabalhar com 70% da capacidade aos sábados, domingos e feriados.

A Prefeitura de Búzios publicou nesta segunda-feira (21) o decreto municipal 1.536, que mantém o estado de calamidade Pública e proíbe a realização de eventos públicos e privados na cidade. A partir de agora não poderão ser realizadas em Búzios festas, shows e eventos privados com a cobrança de ingressos.

O Convention Bureau de Búzios divulgou nota apoiando a medida, alegando que as restrições vão trazer mais segurança para a população e os turistas, dentro das regras previamente aprovadas com a prefeitura, e critica a medida de lockdown da semana passada.

Pôr do sol em Búzios, na Região dos Lagos.

“Somos contra aglomerações que podem disseminar o Covid-19 na nossa cidade. Mas somos a favor do Turismo Responsável, que vai garantir que as pessoas possam aproveitar as suas férias e que a cidade ganhe com a geração de empregos depois de tantos meses difíceis”, diz trecho da nota do Convention Bureau de Búzios.

Segundo a entidade, cada vez mais claro que o lockdown decretado na semana passada foi uma decisão autoritária e que causou muitos prejuízos. Cerca de 30% das reservas foram canceladas, os turistas ficaram assustados.
“Mas estamos trabalhando para reverter esses danos. Temos certeza que Búzios é uma das cidades mais seguras para quem deseja aproveitar o Verão com segurança e consciência”, diz outro trecho da nota.

Hotéis e pousadas

Pelas regras atualmente em vigor em Búzios, hotéis, pousadas e demais meios de hospedagem podem trabalhar com 50% de sua capacidade máxima nos dias úteis e com 70% da capacidade aos sábados, domingos e feriados. Em todos os locais deverá ser disponibilizado álcool 70% para clientes e mantido o distanciamento social.

Estabelecimentos comerciais de Búzios, incluindo academias, restaurantes, bares, supermercados, mercados, quiosques, quitandas e quiosques de praia podem abrir, mas devem operar com a redução de 50% de sua capacidade máxima.

Igrejas e templos religiosos, escunas, catamarãs e táxis aquáticos, assim como veículos de cooperativas municipais e veículos de transporte intermunicipal, também deverão funcionar com a capacidade reduzida em 50%.

Voos para Búzios

A Prefeitura de Búzios exige dos visitante o QR Code emitido pelos estabelecimentos comerciais e meios de hospedagem. A fiscalização é feita nas barreiras sanitárias instaladas nas rodovias de acesso ao município. O uso de máscara é obrigatório em todas as áreas públicas do município e áreas privadas de acesso público.

A Azul Conecta, empresa criada pela Azul, está realizando voos diretos para Búzios partindo de Belo Horizonte (Confins) e do Rio de Janeiro (Santos Dumont). Os voos serão operados até o final de janeiro de 2021.

Compre aqui passagens aéreas com descontos para Búzios

 

Garanta aqui passagens aéreas com descontos para Cabo Frio

 

Pretende viajar para Cabo Frio? Garanta aqui a sua hospedagem

 

Garanta aqui hospedagem em Búzios

 

Somente turista com QR Code pode entrar em Búzios; entenda

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com