Baixa para o mercado! Avianca demite todos os funcionários de sua base de Confins

A Avianca anunciou que
a partir de 6 de janeiro os voos de Confins para Brasília, o único
em Minas Gerais, seriam suspensos por tempo indeterminado. Mas tudo
indica que a companhia ficará sem voos em Confins neste ano. Todos
os funcionários da Avianca que trabalham no aeroporto mineiro
receberam a carta de demissão. Uma equipe pequena vai trabalhar até
8 de fevereiro par atender quem comprou passagens.

O fechamento da base da
Avianca em Confins é uma das estrategias da companhia para reduzir
custos. Com apenas um voo para Brasília, as despesas são altas para
pagar salários dos funcionários, além dos custos aeroportuários e
de manutenção. Em 17 de outubro deste ano o Tudo Viagem mostrou com exclusividade que a Avianca fechou a base de Porto Velho, em
Rondônia. Com a decisão, a companhia deixou de operar na região
Norte do Brasil.
A Avianca é a quarta
maior companhia aérea do Brasil. A empresa está concentrando
esforços para reforçar rotas que considera mais lucrativas. A
companhia oferece 13 voos diários na ponte aérea Rio/São Paulo.
Essa rota é dominada pelas gigantes Gol e TAM. 
Em novembro deste
ano a companhia ganhou mais 17 slots (autorização de pousos e
decolagens) em Congonhas. A Avianca lançou novos voos para o Galeão,
Salvador e Brasília e Santos Dumont. A empresa pretende no primeiro semestre de 2015 os antigos Fokker-100 (foto acima).
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com