Azul entra com pedido para criar companhia com bandeira do Uruguai

14918797_10153817323452234_784539676271376745_o

A intenção da empresa brasileira é operar a ponte aérea entre Montevidéu e Buenos Aires no início do segundo semestre deste ano

A companhia Azul iniciou um processo formal na Direção Nacional de Aviação Civil e Infra-estrutura da Aviação (Dinacia) para se tornar uma nova companhia aérea uruguaia. Com planos de operar com até oito aeronaves, a Azul Uruguai pretende transformar o Aeroporto Carrasco, em Montevidéu, em um centro de distribuição de voos (hub), segundo informou o jornal El Observador.

Segundo o jornal uruguiaio, a intenção da Azul é operar a ponte aérea entre Montevidéu e Buenos Aires no início do segundo semestre deste ano. Os voos entre as duas capitais são disputados pela Amaszonas Uruguai e Aerolineas Argentinas. São 20 voos diários em cada sentido operados pelas duas companhias.

Pelo acordo firmado entre a direção da Azul e o governo uruguaio, alguns funcionários da Alas Uruguai, companhia que deixou de operar em outubro do ano passado, seriam contratados pela filial brasileira no país vizinho. A Alas Uruguai tinha em seu quadro funcionários da extinta Pluna. Operava com os Boeings 737-300, modelos mais antigos e que apresentaram defeito, o que impediu a continuidade das operações.

A Azul Uruguai também planeja lançar voos de Montevidéu para Porto Alegre e Montevidéu-São Paulo. Nesta rota a companhia brasileira pretende usar os jatos Embraer 195 com 118 assentos e os Airbus A320neo, esse com 174 lugares.

Fonte: El Observador

 

buenos-aires_728x90.jpg

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com