Brasil deve atingir a marca de 12 milhões de turistas com liberação de visto

A estadia pode ser de até 90 dias, prorrogável pelo mesmo período, desde que não ultrapasse 180 dias, a cada 12 meses, contados a partir da data da primeira entrada no país.

A partir de 17 de junho deste ano estão isentos de vistos para entrada no Brasil os cidadãos americanos, australianos, canadenses e japoneses. O Decreto 9.731 com a medida foi publicado em Edição Extra do Diário Oficial de segunda-feira (18) e passa a valer em 90 dias. O decreto foi assinado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, e pelos ministros do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, da Justiça, Sérgio Moro, e das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

O Decreto apresentado pelo Ministério do Turismo tem como objetivo ampliar o número de turistas estrangeiros no país. De acordo com o texto, o benefício contempla visitantes que possuem passaporte válido com viagens para fins de turismo de lazer e de negócios, realização de atividades artísticas ou desportivas ou em situações excepcionais por interesse nacional. A isenção vale também para turistas em trânsito no Brasil.

A estadia pode ser de até 90 dias, prorrogável pelo mesmo período, desde que não ultrapasse 180 dias, a cada 12 meses, contados a partir da data da primeira entrada no País. Caso ultrapassem o prazo estipulado, o visitante estará ilegal e sujeito as medidas cabíveis do governo brasileiro.

Os quatro países beneficiados com a isenção de visto nesta segunda-feira fizeram parte de um projeto piloto iniciado em 2017 que implantou o visto eletrônico para quem desejasse visitar o Brasil. O visto eletrônico ajudou a aumentar o número de turistas em várias cidades do Nordeste, principalmente em Maceió e Salvador.

Segundo a Organização Mundial do Turismo (OMT), medidas de facilitação de visto podem ampliar em 25% o fluxo de turistas nos países que adotam a prática.

No Brasil, os resultados foram ainda melhores. Em apenas um ano de funcionamento do visto eletrônico houve aumento de 35,23% nas emissões de vistos (eletrônicos e tradicionais), considerando o fluxo dos quatro países contemplados. Se esses vistos se converterem em viagem, a expectativa é de um impacto total de US$ 1 bilhão na economia brasileira.

A expectativa do Ministério do Turismo é de que a medida contribua para que o país atinja a marca de 12 milhões de visitantes estrangeiros até 2022 contra os atuais 6, 6 milhões. A meta estabelecida pelo Plano Nacional de Turismo 2018-2022 tem como objetivo reduzir o déficit cambial do setor que, apenas em 2017, ficou em US$ 13,2 bilhões.

Algumas secretarias de turismo dos estados e prefeituras já estão preparando ações para divulgar seus destinos nestes quatro destinos. Os pacotes pacotes de viagens para Maceio serão os primeiros a ser divulgados nos Estados Unidos e Canadá.

Concessionária que gerencia Confins vence leilão dos aeroportos de Vitória e Macaé por R$ 437 milhões

Somadas, as propostas vencedoras dos blocos Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste renderam R$ 2,377 bilhões ao Governo Federal.

A Zurich Airport, operador do Aeroporto de Zurich, o principal hub aéreo da Suíça, venceu o leilão dos aeroportos de Vitória e Macaé por R$ 437 milhões, ágio de 830%. O leilão foi realizado na bolsa de valores de São Paulo nesta sexta-feira (15/3). A Zurich Airport administra também o Aeroporto de Florianópolis (SC).

Segundo a a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o valor mínimo era de R$ 46,9 milhões. Já a outorga total estimada para os 30 anos da concessão é de R$ 435 milhões. Os 12 aeroportos leiloados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) foram arrematados com ágio de R$ 2,158 bilhões em relação ao lance mínimo total de R$ 218,7 milhões.

Foi a primeira rodada de concessão com aeroportos agrupados em blocos. Somadas, as propostas vencedoras dos blocos Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste renderam R$ 2,377 bilhões ao Governo Federal. O Bloco Nordeste, formado pelos aeroportos de Recife/PE, Maceió/AL, João Pessoa/PB, Aracaju/SE, Campina Grande/PB e Juazeiro do Norte/CE, foi arrematado pela AENA Desarrollo Internacional SME S/A por R$ 1,9 bilhão, com ágio de 1.010% em relação ao lance mínimo inicial (R$ 171 milhões).

Já o Bloco Centro-Oeste, integrado pelos aeroportos de Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, todos no Mato Grosso, foi arrematado pelas empresas SOCICAM Terminais Rodoviários e Representações LTDA e SINART Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico LTDA, integrantes do consórcio Aeroeste. O grupo pagou R$ 40 milhões pelos quatro aeródromos, com ágio de 4.739% em relação ao lance mínimo inicial de R$ 800 mil.

Na segunda-feira (18/3), acontece a abertura dos documentos de habilitação dos proponentes vencedores. A assinatura dos contratos de concessão deverá ocorrer após a homologação do resultado pela Diretoria da ANAC.

Além da contribuição inicial a ser paga na assinatura dos contratos, as novas concessionárias deverão pagar também outorga variável sobre a receita bruta, estabelecida em percentuais crescentes do 6º ao 10º ano, tornando-se constante a partir de então até o final da concessão.

 No caso do Bloco Nordeste, o percentual escalonado da contribuição variável sobre a receita bruta da concessão será inicialmente de 1,63% no 6º ano, atingindo 8,16% no 10º ano e seguintes até o fim da concessão. Em relação ao Bloco Sudeste, o percentual será de 1,77% no 6º ano e de 8,85% no 10º ano e seguintes até a o fim da concessão. Para o Bloco Centro-Oeste, os percentuais sobre a receita bruta serão de 0,04% (6º ano) até 0,19% (10º ano e seguintes até o fim da concessão).

 

Gol terá voo direto de Recife para Santiago a partir de julho

Segundo estudo do Ministério do Turismo, o Chile foi o terceiro maior emissor de turistas para o Brasil em 2017, totalizando 342.143 visitantes.

A partir de 6 de julho a Gol começa a oferecer voos aos sábados entre Recife e Santiago, mo Chile. As passagens desta noa rota já estão sendo vendidas no site da Gil. Quem for viajar em julho encontra os bilhetes de ida e volta por R$ 1.589, valor com taxas incluídas.

Segundo estudo do Ministério do Turismo, o Chile foi o terceiro maior emissor de turistas para o Brasil em 2017, totalizando 342.143 visitantes. Neste período, os meses de maior fluxo de turistas chilenos foram dezembro e fevereiro, sendo o ápice do registro do número de visitantes atingido em dezembro.

Também em 2017, o número total de chilenos que fizeram viagens internacionais foi de 4,2 milhões de pessoas, que gastaram US$ 3 bilhões no período. O Brasil figura em quarto lugar no ranking de países visitados por este povo, logo atrás de Argentina, Peru e dos EUA.

 CONFIRA O HORÁRIO DO VOO PROMOCIONAL DA GOL PARA O CHILE

O chileno é um visitante que se programa com antecedência, gosta de planejar suas viagens de cinco a três meses da data de início, e privilegia destinos marcados pelos esportes, rica cultura e beleza natural. Há ainda uma preferência pelo sistema all inclusive.

O gasto médio per capita do turista chileno no Brasil por motivo de lazer (US$ 72,72) foi quase o mesmo gasto por motivo de negócios (US$ 75,50). Já o gasto médio por outros motivos contabilizou o menor valor (US$ 31,65).

ACESSE AQUI AS PROMOÇÃO DA GOL PARA O CHILE

CONSULTE AQUI HOTÉIS PROMOCIONAIS PARA SANTIAGO/CHILE

Alitalia foi em janeiro a segunda companhia aérea mais pontual do mundo

No Brasil, a Alitalia tem voos diários saindo do Rio de Janeiro e dois voos por dia saindo de São Paulo, todos com destino a Roma e conexões.

Segundo a FlightStats – empresa americana responsável pelo monitoramento de voos e coleta de dados da aviação comercial –, a companhia aérea Alitalia foi a segunda mais pontual do mundo em janeiro de 2018, tendo 89% de seus voos decolando pontualmente.

Este número é 10% mais alto do que a média do restante das companhias aéreas analisadas. A Alitalia já havia sido reconhecida como uma das companhias aéreas mais pontuais do mundo pelo relatório geral de 2018 da mesma empresa.

No Brasil, a Alitalia tem voos diários saindo do Rio de Janeiro e dois voos por dia saindo de São Paulo, todos com destino a Roma e conexões. Para viagem na baixa temporada é possível comprar passagem de avião promocional para viajar pela Alitalia.

A companhia voa para 26 destinos italianos e 68 internacionais, com uma frota de 118 aeronaves, realizando mais de 1.800 voos por semana. A Alitalia é responsável pelas viagens de quem compra pacotes para Italia e demais destinos da Europa.

A Alitalia é membro da aliança SkyTeam e faz parte da Transatlantic Joint Venture, juntamente com a Air France-KLM e a Delta Air Lines.

 

Azul terá voo direto de Recife para a cidade de Paulo Afonso

A Azul vai usar nesta a utilizará as aeronaves modelo ATR 72-600, com capacidade para até 70 passageiros. 

A partir de 2 de maio a Azul terá dois voos semanais de Recife, principal centro de conexões da empresa no Nordeste do país, para cidade de Paulo Afonso, na Bahia. Os voos serão às segundas e sextas-feiras.

A Azul vai usar nesta a utilizará as aeronaves modelo ATR 72-600, com capacidade para até 70 passageiros. Com a adição no Recife, a empresa passará a servir a capital pernambucana com 59 decolagens em dia-pico para 30 destinos. São centenas de opções de o que fazer em Recife e nas cidades que ficam no entorno da capital pernambucana.

A partir de 2 de maio a Azul terá voos de Curitiba para Lages (SC) às segundas, quartas e sextas-feira. Com essa nova rota, Curitiba terá 14 destinos diretos conectados pela Azul e uma média de 42 decolagens por dia.

Em Curitiba, os passageiros de de Lages poderão se conectar para os 14 destinos ofertados pela Azul, mas, em especial, São Paulo (Congonhas, Guarulhos e Campinas), Londrina, Porto Alegre, Rio e Campo Grande. Para Clientes de Paulo Afonso, as conexões imediatas serão para Maceió, BH, João Pessoa, Rio e São Paulo (Guarulhos e Campinas).

Aproveite e reserve seu hotel barato em Curitiba, uma das capitais com maior ofertas de hospedagem com descontos especiais.

 

VoeMinas suspende operações em Ipatinga após interdição do aeroporto

Na sexta-feira (14/02), a Azul suspendeu os voos em Ipatinga por conta própria após constatar que a pista colocava em risco os pousos e decolagens de suas aeronaves.

A venda das passagens do VoeMinas entre Belo Horizonte (Aeroporto da Pampulha) e Ipatinga foi suspensa pela Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge), responsável pelo projeto de voos fretados em várias cidades do estado. Os voos eram operados por aviões de 9 lugares às segundas, quartas e sextas-feira. A suspensão ocorreu após decisão tomada pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) na última terça-feira (19/02) de interditar a pista do aeroporto da maior cidade do Vale do Aço. Somente helicópteros podem operar em Ipatinga. (Veja abaixo nota da ANAC).

Na sexta-feira (14/02), a Azul suspendeu os voos em Ipatinga por conta própria após constatar que a pista colocava em risco os pousos e decolagens de suas aeronaves. Os passageiros de Ipatinga que compraram passagens estão sendo levados de ônibus até Governador Valadares onde embarcam nos voos da Azul. A cidade que tinha apenas um voo agora tem três frequências diárias para o Aeroporto de Confins, localizado na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

NOTA DA ANAC

A ANAC interditou totalmente a pista do Aeródromo Usiminas (SBIP), localizado no Município de Santana do Paraíso/MG, nesta terça-feira (19/2), em decorrência de informações apuradas pela área técnica da Agência acerca de problemas existentes nas áreas pavimentadas do aeroporto. Foi aberto processo administrativo para avaliação de aplicação de medida cautelar ao aeródromo. A ANAC concluiu que não é possível garantir que o aeródromo reúne condições seguras para receber voos. A restrição perdurará até que o operador aeroportuário informe e comprove a correção das não conformidades, ou que tenha implementado as medidas mitigadoras que reduzam o risco a níveis aceitáveis.

Azul suspende voos em Ipatinga por falta de segurança na pista do aeroporto

 

Azul lança mais três voos em Governador Valadares para atender passageiros de Ipatinga

CONHEÇA AQUI O SITE QUE EMITE PASSAGENS AÉREAS COM ATÉ 80% DE DESCONTO

 

Gol vai deixar de oferecer voos sem escalas de Belo Horizonte para Montes Claros em abril

A boa notícia é que a partir de abril a Gol terá um voo sem escala de Montes Claros para Guarulhos.

O Aeroporto de Confins, localizado na Grande Belo Horizonte, está cada vez mais sendo dominado pela Azul, companhia líder de voos na capital mineira. O motivo é que a Gol, segunda companhia com maior oferta de rotas a partir de Confins, está acabando com voos e reduzindo algumas frequências. A partir de abril a Gol deixa de oferecer voos sem escalas de Confins para Montes Claros. A companhia tem atualmente um horário e diário em cada sentido sem escala.

Com a desistência da Gol de voar entre Belo Horizonte a Montes Claros, somente a Azul terá voos diários, cinco em cada sentido. Com certeza os preços das passagens que já eram altos serão ainda mais onerosos para os passageiros que viajam de avião entre as duas cidades. Os passageiros da Gol poderão viajar de Montes Claros para Belo Horizonte, mas terão que fazer troca de avião em Guarulhos.

A boa notícia é que a partir de abril a Gol terá um voo sem escala de Montes Claros para Guarulhos. A aeronave decola de Guarulhos sempre às 13h05 e retorna de Montes Claros às 15 horas. Somente às quintas-feiras a Gol não terá esses voos. Quem for viajar no mês de junho encontra passagens de ida e volta entra as duas cidades por R$ 656,65, valor com as taxas de embarques incluídas. A criação do voo da Gol também faz parte da redução do ICMS do querosene da aviação de 25% para 12%. no estado de São Paulo.

Recentemente a Gol reduziu o número de voos de Confins para o Rio de Janeiro (Aeroporto Santos Dumont). Enquanto a Azul oferece seis frequências diárias entre dos dois aeroportos, a Gol tem dois horários, com exceção das sextas-feiras quando oferece três frequências diárias. A Gol chegou a oferecer voo sem escala a partir de Confins para Vitória, Uberlândia, Curitiba, Campinas e Porto Seguro.

GARANTA AQUI PASSAGENS AÉREAS COM DESCONTOS

 

Brasília ganha sete novas operações regulares em quatro rotas domésticas da Gol

A companhia terá nova rota a partir de abril, sem escalas, com destino a Aracaju com quatro decolagens semanais.

A Gol acrescentará entre os meses de fevereiro e abril sete novos voos regulares com destino ao Rio de Janeiro, São Paulo, Aracaju e Palmas, ampliando assim as opções para quem embarca na Capital Federal ou utiliza o aeroporto para se conectar a outras localidades.

A partir desta sexta-feira, a Gol disponibiliza quatro novas opções de voos diários e diretos para o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Com essas operações, a Gol se mantém como principal aérea a operar entre Brasília e Rio, com 11 voos diários.

Segundo a Gol, os passageiros também terão mais uma opção com saídas diárias para Congonhas, em São Paulo, e outra para Palmas, iniciando em 31 de março. Com eles, os viajantes passam a ter dez operações todos os dias para o aeroporto central paulistano e três para a capital do Tocantins.

A Gol terá nova rota a partir de abril, sem escalas, com destino a Aracaju com quatro decolagens semanais. A capital sergipana é a 10ª cidade do nordeste a receber voos diretos de Brasília, que já conta com operações para Porto Seguro, Fortaleza, João Pessoa, Maceió, Natal, Recife, São Luiz, Salvador e Teresina.

                                       CONFIRA OS HORÁRIOS DOS NOVOS VOOS

ACESSE AQUI AS OFERTAS DA GOL

 

Copa América vai atrair para o Brasil turistas de 83 países

Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, além de Japão e Catar que vão participar como convidados.

Entre os dias 14 de junho e 7 de julho cinco cidades brasileiras serão sedes de 26 jogos da Copa América. Até o momento, já foram vendidos mais de 275 mil entradas em dois diferentes lotes, para fãs de 83 países, de todos os continentes.

As capitais que vão receber as partidas são Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. No último dia 25, se iniciaram as vendas do segundo lote de ingressos. Desde então, cinco jogos se esgotaram: final, Argentina x Colômbia e todos os três jogos do Brasil na primeira fase.

O torcedor terá nova chance de adquirir ingressos para os 26 jogos da CONMEBOL Copa América Brasil 2019 em uma terceira fase de vendas, ainda sem data definida. Além dos dez países sul-americanos membros da CONMEBOL (Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela), Japão e Catar participarão como convidados.

“Estádios modernos, potencial turístico das cinco cidades-sede e jogadores de altíssimo nível competindo no esporte mais popular do planeta. Essa combinação de turismo e futebol, com certeza, é um dos fatores que têm contribuído para a expressiva venda de ingressos até o momento”, explica Agberto Guimarães, Diretor de Operações do Comitê Organizador Local da CONMEBOL Copa América Brasil 2019.

Valores dos ingressos

Os ingressos variam de R$ 60 (R$ 30 a meia-entrada) a R$ 890 (R$ 445 a meia-entrada). Ao todo, são quatro categorias de preço que abrangem os níveis inferior, intermediário e superior dos estádios, definidas em função da visão do campo de jogo. A Arena Corinthians (São Paulo) e a Arena do Grêmio (Porto Alegre), excepcionalmente, têm uma quinta categoria de preços com espaços sem cadeiras.

Garanta aqui hospedagem com desconto em Belo Horizonte

Garanta aqui hospedagem com desconto em Porto Alegre

Garanta aqui hospedagem com desconto no Rio de Janeiro

Garanta aqui hospedagem com desconto no Salvador

Garanta aqui hospedagem com desconto em São Paulo

FAÇA AQUI A COTAÇÃO DAS PASSAGENS AÉREAS E GARANTA DESCONTOS ESPECIAIS

 

LATAM vai suspender voos de quatro destinos nacionais; confira as rotas afetadas

A partir de 1º de fevereiro, a LATAM deixa de operar o voo direto do Rio de Janeiro (Aeroporto do Galeão) para São Luis, no Maranhão.

A LATAM decidiu começar o ano de 2019 com redução de sua malha doméstica nacional. A partir de 31 de março acaba o voo direto de Belo Horizonte (Aeroporto de Confins) para Recife. A partir desta mesma data a LATAM deixa de oferecer voo sem escala de São Paulo (Congonhas) para Recife. A venda das passagens de todos os destinos já está bloqueada no site da companhia.

A partir de 1º de fevereiro a LATAM deixa de operar o voo direto do Rio de Janeiro (Aeroporto do Galeão) para São Luis. Já no dia 31 de março também acaba a rota Brasília/Ilhéus. A companhia vai criar a partir de 1º de abril voo direto de São Paulo (Guarulhos) para Ilhéus. Nesta rota será usada o Airbus A-319 com 144 assentos.

A outra novidade é a redução de dois para um o número de voos diários de Rio Branco, no Acre, para Brasília. Por outro lado, a capital acreana vai ganhar um voo direto e diário para Guarulhos. As passagens já estão sendo vendidas por R$ 964, valor de ida e volta com taxas de embarques incluídas.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com