Aeroporto da Pampulha ganha movimento para a liberação de jatos para voos comerciais

O Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, ganhou o movimento “Liberação pra Ponte Aérea Já”.

 A volta dos jatos para voos comerciais é um dos principais objetivos dos organizadores. As companhias que operam no aeroporto usam o ATR-72, modelo turboélice com até 70 assentos. O movimento criou uma página que mostra uma contradição. O Airbus da Presidência da República é liberado para pousos e decolagens na Pampulha.
Iniciativa de Lucio Flavio, funcionário público, em especialização na área de Transportes e Trânsito, o Movimento recebeu 783 adesões. Faltam 217 para o envio de um abaixo-assinado para as autoridades aeroportuárias do Brasil. Em 2015, o movimento no Aeroporto da Pampulha caiu para 711 mil passageiros, ou seja, no ano passado a ocupação do Terminal da Pampulha foi de apenas 32% enquanto a ociosidade chegou a 68%.
Segundo o movimento, a Pampulha pode receber 30 jatos por dia, o que permite a criação de 15 novas rotas: sete para Congonhas (SP), cinco para o Santos Dumont (RJ) e três para Brasília. Uma enquete realizada pelo movimento ouviu a opinião dos passageiros sobre as rotas preferidas pelos passageiros. Congonhas ficou em primeiro (80%). Veja abaixo a pesquisa completa.

AZUL vai deixar o aeroporto da Pampulha

“O Aeroporto da Pampulha hoje está às moscas; ocioso, operando com menos de um terço de sua capacidade. De acordo com dados estatísticos da Infraero, em 2014 passaram pelo Terminal de Passageiros da Pampulha 945 mil passageiros, o que equivale a apenas 43% de sua capacidade total, que é de 2,2 milhões de passageiros ao ano”, diz trecho de uma nota publicada pelo movimento.

A partir de 4 de abril a Azul deixa de operar no Aeroporto da Pampulha. A companhia deixa de oferecer voos para o Santos Dumont (RJ) e Campinas (SP). O terminal localizado na capital mineira terá voos sem escalas da Passaredo para Ribeirão Preto (SP) e nos fins de semana para Porto Seguro (BA).

A Flyways, companhia que começou a operar em 27 de dezembro do ano passado, ainda não conseguiu Horário de Trânsito (Hotran) da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Com isso, a companhia só pode vender mês a mês as  passagens da Pampulha para o Galeão (RJ), Ipatinga e Uberaba. Os voos da Flyways são especiais (charters).

ACESSE AQUI A PÁGINA DO MOVIMENTO

300x600 - Azul

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com